• pedagogia da autonomia
    : ENSINAR É UMA ESPECIFICIDADE HUMANA. 3.1 – Ensinar exige segurança, competência profissional e generosidade 3.2 – Ensinar exige comprometimento 3.3 – Ensinar exige compreender que a educação é uma forma de intervenção no mundo 3.4 – Ensinar exige liberdade e autoridade 3.5 – Ensinar exige...
    3693 Palavras 15 Páginas
  • Pedagogia da autonomia
    EXIGE COMPREENDER QUE A EDUCAÇÃO É UMA FORMA DE INTERVENÇÃO NO MUNDO – A pedagogia da Autonomia deve estar centrada em experiências estimuladoras da decisão, da responsabilidade, ou seja, em experiência respeitosas da liberdade. Para isso, ao ensinar, o professor deve ter liberdade e autoridade, em...
    2257 Palavras 10 Páginas
  • Resumo pedagogia da autonomia
    decide, com que respeita as liberdade, com que discute suas próprias posições, com que aceita rever-se sem fazer necessário perguntar “sabe com quem está falando?” Ensinar exige segurança, competência profissional e generosidade, pois a incompetência profissional desqualifica a autoridade de qualquer...
    1893 Palavras 8 Páginas
  • Pedagogia da autonomia
    . CAPÍTULO III. É a segurança que se expressa na firmeza com que atua e respeita a liberdade, que aceita rever-se de si mesma. Tendo segurança e autoridade a cada instante. 3.1 – Ensinar exige segurança, competência profissional e generosidade Segurança com que autoridade docente se move...
    1485 Palavras 6 Páginas
  • Fichamento do livro pedagogia de paulo freire
    incertezas.” (p.52). Capítulo 3 Ensinar é uma especificidade humana “Creio que uma das qualidades essenciais que a autoridade docente democrática deve revelar em suas relações com as liberdades dos alunos é a segurança em si mesma.” (p.56). 3.1- Ensinar exige segurança, competência profissional e...
    2502 Palavras 11 Páginas
  • Mestra
    segurança, do conhecimento e da generosidade do educador para que tenha autoridade, competência e liberdade na condução de suas aulas. Homens e mulheres são seres programados, mas, programados para aprender. Ensinar exige segurança, competência profissional e generosidade. A segurança da autoridade...
    2563 Palavras 11 Páginas
  • Licenciatura
    comprometimento, revelando a maneira de pensar, de ter mais opções dignas. 3.4 Ensinar exige liberdade e autoridade. A tensão entre autoridade e liberdade sempre estará presente e é importante que esteja e de forma cada vez mais consciente. Negar essa tensão compromete o aprendizado da autonomia...
    1602 Palavras 7 Páginas
  • Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática docente
    . É a segurança que se expressa na firmeza com que atua, com que decide, com que respeita as liberdades, com que discute suas próprias posições, com que aceita rever-se.  Ensinar exige segurança, competência profissional e generosidade - A segurança com que a autoridade docente se move implica uma...
    5105 Palavras 21 Páginas
  • resenha do terceiro capitulo do livro pedagogia da autonomia de paulo freire
    ). Também temos que ser coerentes no modo em que agimos e como falamos, a educação não é neutra diante do mundo, ela tem seu papel e não é apenas a qualificação da mão-de-obra. 3.4: Ensinar exige liberdade e autoridade: No momento em que o professor da liberdade para seu aluno ele vai...
    1631 Palavras 7 Páginas
  • Resenha cap. 3 do livro Pedagogia da Autonomia - Paulo Freire
    profissional e generosidade. 3.2 Ensinar exige comprometimento. 3.3 Ensinar exige compreender que a educação é uma forma de intervenção no mundo. 3.4 Ensinar exige liberdade e autoridade. 3.5 Ensinar exige tomada consciente de decisões. 3.6 Ensinar exige saber escutar. 3.7 Ensinar exige reconhecer que...
    1017 Palavras 5 Páginas
  • Pedagogia da Autonomia
    , entre autoridade e liberdades, entre pais, mães, filhos é a reinvenção do ser humano no aprendizado de sua autonomia. Sua autonomia se funda na responsabilidade vai sendo assumida. 3.2 – Ensinar exige comprometimento O espaço pedagógico, neutro por excelência, é aquele em que se treinam os alunos...
    4368 Palavras 18 Páginas
  • Lingua falada e escrita na educação infantil
    professor se não percebo cada vez melhor que, por não poder ser neutra, minha prática exige de mim um definição. Uma tomada de posição. Decisão. Ruptura” | 65 | 3.4 Ensinar exige liberdade e autoridade | “O grande problema que se coloca ao educador ou à educadora de opção democrática é como trabalhar no...
    1655 Palavras 7 Páginas
  • Pedagogia da autonomia
    . Como professor, tanto se lida com a liberdade e autoridade dele mesmo como também com a liberdade dos educandos. Ensinar exige comprometimento. Como educador é necessário se por diante dos alunos, revelando a maneira de ser e de pensar. A maneira como os educandos o percebe tem importância capital...
    1472 Palavras 6 Páginas
  • Resenha e resumo pedagogia da autonomia paulo freire
    todos. Minha curiosidade não tem o direito de invadir a privacidade do outro e expô-la aos demais. 3. Ensinar é uma especificidade humana Neste capítulo, Freire mostra a necessidade de segurança, do conhecimento e da generosidade do educador para que tenha autoridade, competência e liberdade na...
    4089 Palavras 17 Páginas
  • Pegagogia da autonomia
    , para quem não é possível autoridade sem liberdade e esta sem aquela. Ensinar exige tomada consciente de decisões. O respeito aos educadores e educadoras por parte da administração publica ou privada das escolas, o respeito aos educandos assumidos e praticados pelos educadores não importa de que...
    2535 Palavras 11 Páginas
  • Trabalhos
    não está certo de ter realmente ultrapassado o limite de sua autoridade ou não. 2.4 – ENSINAR EXIGE LIBERDADE E AUTORIDADE Ainda há um problema entre a autoridade e a liberdade, muitos profissionais confundem liberdade com falta de limites, Paulo Freire, deixa claro que é preciso que o...
    2461 Palavras 10 Páginas
  • Pedagogia
    , para mostrar uma autoridade democrática aos alunos sem tirar-lhes a liberdade. *Ensinar exige comprometimento. O professor tem que se comprometer com seus alunos.Se fizerem uma pergunta e o professor não souber a resposta, tem de falar a verdade, e disser que...
    502 Palavras 3 Páginas
  • Resenha Paulo freire
    explica que ensinar exige liberdade e autoridade – isto é, “fazer possível que a necessidade dos limites seja assumida eticamente pela liberdade”. Segundo ele é necessário resolver a tensão deste paradoxo: autoridade e liberdade. Freire relata ainda que um educador não deve falar para o educando, mas...
    1345 Palavras 6 Páginas
  • Religião nos dias atuais
    para que tenha autoridade, competência e liberdade na condução de suas aulas. Homens e mulheres são seres programados, mas, programados para aprender. 3.1 Ensinar exige segurança, competência profissional e generosidade. A segurança da autoridade docente implica numa outra, a que se funda na sua...
    2923 Palavras 12 Páginas
  • Resumo capitulo 3 paulo freire
    que o ensino se torne dinâmico. Por fim, é necessário destacar que o professor deve discutir com os alunos o esforço que desempenha ao preparar e ministrar as aulas. 3.4 – Ensinar exige Liberdade e Autoridade O educador deve estar atento à relação autoridade x liberdade. Muito se discute a...
    3327 Palavras 14 Páginas