Integrais Triplos Coordenadas Cilindricas artigos e trabalhos de pesquisa

  • Integrais triplas em coordenadas cilindricas e esféricas

    Coordenadas Cilíndricas e Esféricas 1. Coordenadas Cilíndricas Em Geometria plana introduzimos o sistema de coordenadas polares para dar uma descrição conveniente de certas curvas e regiões. Existem dois sistemas de coordenadas semelhantes às polares, que conseguem nos fornecer uma descrição conveniente de algumas superfícies e sólidos. No sistema de coordenadas cilíndricas, um ponto P no especo tridimensional é representado pela tripla ordenada (r, θ, z), onde r e θ são coordenadas polares...

    770  Palavras | 4  Páginas

  • Integrais Triplas

    aresta dos paralelepípedos Tk tende a zero quando n →ȹ Se existir , ele é chamado: INTEGRAL TRIPLA da função f (x, y, z) sobre a região T e representamos por Propriedades De forma análoga a integrais duplas, temos: Como mostra a figura a seguir: Cálculo de Integrais Triplas Através das três situações seguintes, o cálculo da integral tripla será reduzido, inicialmente, a resolução de uma integral dupla. Serão apresentados três casos: (i), (ii) e (iii). (i) Domínio D: (ii)...

    1036  Palavras | 5  Páginas

  • Integral Tripla Alvaro

    Álvaro Fernandes Integrais triplas Seja w  f  x , y , z  uma função contínua definida numa região fechada e limitada G do espaço. Podemos associar a G um sólido no espaço. Subdividimos G em pequenos paralelepípedos traçando-se planos paralelos aos planos coordenados. Considere apenas os paralelepípedos no interior de G, como mostra afigura abaixo. Numeramos os paralelepípedos de 1 até n. Em cada um dos pequenos paralelepípedos Gk , k  1,2 ,..., n , escolhemos um ponto interno x k , y k , z...

    1938  Palavras | 8  Páginas

  • coordenadas

    Coordenadas polares Em matemática, um sistema de coordenas polar é um sistema de coordenadas bidimensional, no qual cada ponto de um plano é determinado pela sua distância em relação a um ponto fixo e do ângulo em relação a uma direção fixa. Este ponto fixo, semelhante à origem de um sistema de coordenadas cartesiano, é denominado "pólo". O raio a partir do pólo numa determinada direção denomina-se "eixo polar". A distância entre o pólo e o ponto denomina-se "coordenada radial" ou "raio", e o ângulo...

    890  Palavras | 4  Páginas

  • Integral superficie

    INTEGRAL DE SUPERFÍCIE DEFINIÇÃO: No cálculo, uma integral de superfície é uma integral definida tomada sobre uma superfície. Uma integral de superfície é a soma dos valores retornados por um campo escalar ou vetorial nos pontos de uma superfície. A comparação entre uma integral de superfície e uma integral dupla é parecida com a comparação entre uma integral de linha e uma integral simples. PARAMETRIZAÇÃO DE UMA SUPERFÍCIE Seja s uma porção limitada da superfície que tem equação cartesiana...

    849  Palavras | 4  Páginas

  • Integrais Triplas Muito Bom

    escolha dos cijk ∈ Rijk e da n→+∞ partição, denominamos este limite de integral tripla de f sobre R e a denotamos por: f (x, y, z) dx dy dz lim Sn = n→+∞ R Em tal caso f é dita integrável sobre R. Teorema 10.1. Se f é contínua em R, então f é integrável sobre R. Para a prova do teorema veja [EL]. No capítulo anterior vimos que se: f : [a, b] × [c, d] −→ R, f (x, y) ≥ 0 e contínua para todo (x, y) ∈ [a, b] × [c, d], a integral dupla: f (x, y) dx dy R representa o volume do sólido: W = {(x, y, z)...

    5880  Palavras | 24  Páginas

  • Coordernadas Cartesianas, Polares, Cilindricas, Esféricas

    Coordenadas Cartesianas Sistema de Coordenadas Cartesianas, mais conhecido como Plano Cartesiano, com o objetivo de localizar pontos. Ele é formado por dois eixos perpendiculares: um horizontal e outro vertical que se cruzam na origem das coordenadas. O eixo horizontal é chamado de (x) e o vertical de ordenada (y). Os eixos são enumerados compreendendo o conjunto dos números reais. Observe a seguir uma figura representativa do plano cartesiano: As coordenadas cartesianas são representadas...

    579  Palavras | 3  Páginas

  • Integrais multiplas

    3. INTEGRAIS MULTIPLAS Integrais duplas: Objetivos: Ao final do capıtulo espera-se que o aluno seja capaz de: 1. Encontrarov alord eu ma integral dupla; 2. Interpretar geometricamente uma integral dupla; 3. Dada uma regiao delimitada por funcoes, encontrar os limitantes que permitem calcular o valor da integral dupla; 4. Calcular integrais duplas em coordenadas polares; 5. Resolver exercıcios usando o Maple Integrais triplas: Objetivos: Ao final do capıtulo espera-se que o aluno seja...

    990  Palavras | 4  Páginas

  • Integrais duplas e triplas

    INTEGRAIS DUPLAS E TRIPLAS CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II Gabriel Felipe da Silva Licenciado em Matemática Joinville – Santa Catarina 2 INTRODUÇÃO: O presente material tem por objetivo, apresentar de maneira simples clara e objetiva as Integrais Múltiplas. Aqui ficamos limitados a conhecer as integrais duplas e triplas, sendo as demais possíveis de calcular de maneira análoga. Dentro do conteúdo de integrais duplas, encontram-se as definições, interpretações geométricas, propriedades...

    3790  Palavras | 16  Páginas

  • Potencial de Coordenadas Cilíndricas com uso do Matlab

    Potencial em coordenadas cilíndricas com o uso do Matlab EDMILSON PEREIRA, ALEX JOSÉ ALVES COSTA INTRODUÇÃO: Para uma boa parte dos sistemas físicos conhecidos até o momento, a equação ou equações que descrevem os fenômenos, pelo menos de forma aproximada, são as equações diferenciais. Que além do ponto de vista matemático, por si só é relevante, o estudo de equações diferenciais é muito importante do ponto de vista físico. Então a solução numérica e gráfica dessas equações se faz necessárias...

    633  Palavras | 3  Páginas

  • Sistemas de coordenadas

    CHIMIELEWSKI WACHERSKI GRR20133704 DINÂMICA I SISTEMAS DE COORDENADAS SISTEMAS DE COORDENADAS Trabalho apresentado à disciplina de Dinâmica I da graduação de Engenharia Mecânica, da UniversidadeFederal do Paraná como requisito parcial para a avaliação modular. Professor: Wiliam Alves Barbosa SUMÁRIO 1 - INTRODUÇÃO 2 -TEORIA 2.1 Definição e conceito 2.2 Os diversos sistemas de coordenadas 3 - INVENTAR UM SISTEMA COM BASE EM UMA APLICAÇÃO PRÁTICA...

    1052  Palavras | 5  Páginas

  • Apostila Resumo Integrais De Linha

    Rio de Janeiro 4 Conteúdo 1 GEOMETRIA ANALÍTICA 1.1 Introdução . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1.2 Espaços Euclidianos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1.2.1 O Espaço Euclidiano Tridimensional . . . . . 1.3 Sistema de Coordenadas Ortogonais no Espaço . . . 1.4 Produto Escalar . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1.5 Norma Euclidiana de um Vetor . . . . . . . . . . . . . 1.5.1 Ângulos Diretores e Co-senos Diretores . . . . 1.5.2 Trabalho . . . . . . . . . . . . . ...

    53405  Palavras | 214  Páginas

  • integrais multiplas

    como a integral definida de uma função positiva de uma variável representa a área entre o gráfico e o eixo x, a integral dupla de uma função de duas variáveis representa o volume entre o gráfico e o plano que contém seu domínio. Se houver mais de duas variáveis, a integral representa o hipervolume de funções multidimensionais. Integrais múltiplas de uma função de n variáveis sobre um domínio D são geralmente representadas por sinais de integrais juntos na ordem reversa de execução (a integral mais...

    1647  Palavras | 7  Páginas

  • integrais de superficie

    AMBIENTAL INTEGRAIS DE SUPERFÍCIE BRENDA AVIZ BELÉM-PA 10/11/10 INTEGRAIS DE SUPERFÍCIE INTRODUÇÃO A integral de uma superfície de uma função sobre uma superfície é uma soma de parcelas infinitesimais, cada uma delas correspondendo ao produto do valor da função em um ponto da superfície pela área de uma região infinitesimal próxima ao ponto e sobre a superfície. No caso em que a superfície em questão é uma região do plano x y, então a integral de superfície é exatamente a integral dupla...

    1967  Palavras | 8  Páginas

  • Calculo diferencial e integral 4

    Cálculo Diferencial e Integral IV Apresentação As Notas de aula apresentadas aqui são apenas notas de aula e não apostila. O objetivo é apenas evitar a perda de tempo injustificável de "passar a matéria no quadro"; é um tempo precioso que pode ser aproveitado de forma muito mais eficiente, como por exemplo na resolução de exercícios e esclarecimento de dúvidas de forma a não deixar as dúvidas acumularem até as vésperas da avaliação, culminando em uma corrida quase sempre inútil de assimilar...

    14632  Palavras | 59  Páginas

  • Integrais triplas

    ´ 3. INTEGRAIS MULTIPLAS Integrais duplas: Objetivos: Ao final do cap´ıtulo espera-se que o aluno seja capaz de: 1. Encontrar o valor de uma integral dupla; 2. Interpretar geometricamente uma integral dupla; 3. Dada uma regi˜ao delimitada por fun¸c˜oes, encontrar os limitantes que permitem calcular o valor da integral dupla; 4. Calcular integrais duplas em coordenadas polares; 5. Resolver exerc´ıcios usando o Maple Integrais triplas: Objetivos: Ao final do cap´ıtulo...

    8333  Palavras | 34  Páginas

  • Aplicações de integrais

     Carlos Luiz Brueckheimer Regiane Rodrigues Samantha Cristina Wielewski Aplicações de integrais simples, duplas e triplas. São Bento do Sul 2014 Introdução O cálculo diferencial e integral, também chamado de cálculo infinitesimal, ou simplesmente Cálculo é um ramo importante da matemática, desenvolvido a partir da Álgebra e da Geometria, que se dedica ao estudo de taxas de variação de grandezas (como a inclinação de uma...

    6124  Palavras | 25  Páginas

  • ListoClculoVariasVariveis

    LISTÃO PROVA COLEGIADA Centro Universitário UNA Cálculo de Várias Variáveis Parte 1 – Integral dupla sobre regiões retangulares Questão (1) - A densidade populacional (em pessoas por milha quadrada) de uma cidade costeira pode ser modelada pela seguinte função 15 000 𝑓(𝑥, 𝑦) = (𝑥+1)2 , em que x e y são medidos em milhas. Nessas condições, pode se afirmar que a população no interior da área retangular definida pelos vértices (0,0), (0,2), (2,0) 𝑒 (2,2) está mais próxima de: (A) 14 000 habitantes...

    3410  Palavras | 14  Páginas

  • Cálculo de Área a partir de Integrais

    Chapter 1 Aplicações da Integral Simples 1.1 Área de regiões planares Seja R a região limitada pelo gráfico da função y = f (x), as retas x = a, x = b e o eixo x, sendo f (x) ≥ 0 para todo [a, b]. A área da região R é dado pela fórmula: b A= f (x)dx. a y y y = f (x) y = f (x) R O a b O x a x1 x2 xi xi+1 b = xn x DEMONSTRAÇÃO Tomemos números x0 , x1 , x2 , · · · , xn ∈ [a, b] tais que a = x0 < x1 < x2 < · · · < xn = b e, x∗ , x∗ , · · · , x∗ tais...

    11296  Palavras | 46  Páginas

  • C Lculo Diferencial E Integral De V Rias Vari Veis Unidade I

    Cálculo Diferencial e Integral de Várias Variáveis Autora: Profa. Valéria de Carvalho Colaboradoras: Profa. Ana Carolina Bueno Borges Profa. Marisa Rezende Bernardes Professora conteudista: Valéria de Carvalho Possui graduação em Ciências, com habilitação em Matemática pela Universidade de Bauru (1987), atual Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. É mestre em Educação Matemática pela Universidade Estadual de Campinas (1999) e doutora em Educação Matemática também pela Universidade...

    12817  Palavras | 52  Páginas

  • Calculo

    no fato de que a esmagadora maioria dos mesmos desenvolve os conceitos tão somente para o sistema de coordenadas cartesianas retangulares e alguns poucos apresentem uma extensão dos conceitos aos outros sistemas somente no final. Sabedor da grande importância também das coordenadas cilíndricas circulares e das coordenadas esféricas para diversas disciplinas afins, os três sistemas de coordenadas mencionados foram introduzidos logo no início da obra (capítulo 3) e, a partir daí, todos os conceitos...

    15920  Palavras | 64  Páginas

  • Coordenadas cilíndricas e esféricas

    Coordenadas Cilíndricas Esféricas Engenharia Ambiental Cálculo III Prof. Ronaldo Sistema de Coordenadas • Em DUAS dimensões: Sistema Cartesiano e Sistema Polar • Em TRÊS dimensões: Sistema Cilíndrico e Sistema esférico Coordenadas Polares Ângulo O: Pólo (ou origem) OA: Eixo polar ou reta polar Coordenadas Cilíndricas • No sistema de coordenadas cilíndricas, um ponto P no espaço tridimensional é representado pela tripla ordenada: (r, θ, z) * Onde r e θ são...

    501  Palavras | 3  Páginas

  • Coordenadas polares, cilíndricas e esfericas

    Introdução Coordenadas são qualquer membro de um determinado conjunto que representam uma posição de um único ponto no espaço, são estes membros que constituem as características intrínsecas do espaço. A coordenada pode ser um ângulo, uma distância, uma velocidade e etc. Constantemente em nossa vida diária deparamo-nos com o uso de coordenadas, tanto em aplicações práticas quanto matemáticas. Encontrar posições a partir de retas, usando tais com referência foi aplicado na matemática por René...

    1757  Palavras | 8  Páginas

  • Séries numéricas

    requisito parcial à avaliação na disciplina de Cálculo Diferencial e integral 3.do curso de Engenharia Industrial Mecânica da Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Orientador: Prof. Carlos Magno Corrêa Dias CURITIBA 2012 Resumo DALKE, Gustavo ; GONDEK, Jafahr ; ROTH, Jefferson ; TONELLA, Jorge. Sucessões e séries numéricas de funções. 2012. 53 pág. Atividade Pratica Supervisionada de Cálculo diferencial e integral 3.de Engenharia Industrial Mecânica - Universidade Tecnológica Federal...

    10210  Palavras | 41  Páginas

  • Lista 1 CALCULO

    de um retângulo com perímetro de 100m, cuja área é a maior possível. retângulo de lados x = 10 e y = 12 retângulo de lados x = 10 e y = 20 x= 25 e y = 25  retângulo de lados x = 15 e y = 12 retângulo de lados x = 12 e y = 13 10) Calcule a integral indefinida: t-2 -2t +C  t-2 +2t + C  t-1 +2t  t-1 +2t2 + C  t-1 -2t + C  11) Uma população de tâmias se transfere para uma nova região no tempo t = 0. No instante t a população é dada por  P(t) = 100 (1 + 0,3t + 0,04 t2). Podemos então...

    6066  Palavras | 25  Páginas

  • coordenadas polares

    Coordenadas polares Pontos no sistema de coordenadas polar. O pólo é indicado pela letra O e o eixo polar pela letra L. A verde, um ponto com coordenada radial 3 e coordenada angular de 60 graus, ou (3,60º). A azul, o ponto de coordenadas (4,210º) Em matemática, um sistema de coordenas polares é um sistema de coordenadas bidimensional, no qual cada ponto de um plano é determinado pela sua distância em relação a um ponto fixo e do ângulo em relação a uma direção fixa. Este ponto fixo, semelhante...

    2482  Palavras | 10  Páginas

  • Cálculo Diferencial e Integral

    1960 trabalhou na Burroughs Corporation e na Avco Corporation em Cabo Canaveral, na Flórida, onde esteve envolvido com o programa espacial tripulado. Em 1968 entrou para o Departamento de Matemática da Drexel University, onde lecionou em tempo integral até 1983. Desde então é professor adjunto da Drexel e dedica a maior parte de seu tempo a escrever livros didáticos e a atividades junto a associações matemáticas. Foi presidente da seção do leste do estado da Pensilvânia e do estado de Delaware...

    244785  Palavras | 980  Páginas

  • Trabalho De Coordenadas Copy

    Em matemática, um sistema de coordenadas  é um sistema para se especificar uma enupla de escalares a cada ponto num espaço n-dimensional. Grosseiramente, podemos afirmar que um sistema de coordenadas é uma ferramenta matemática que nós utilizamos para localizar um objeto num espaço de n dimensões (n-dimensional). O mais conhecido dos sistemas de coordenadas é o cartesiano, talvez por ser bastante trabalhado na educação básica, desde o ensino fundamental até o médio. Os sistemas de coordenadas são utilizados em...

    1188  Palavras | 5  Páginas

  • coordenadas polares

    AULA 6 – CÁLCULO 3 Tópicos: Mudança de Coordenadas 2D: Coordenadas polares Fonte: Anton, Thomas 3D: Coordenadas cilíndricas Coordenadas esféricas Profa. Daniela Buske DME - UFPel 1 2 Definição de coordenadas polares: Introdução: No monitoramento por radar, um operador está interessado na posição ou no ângulo que o objeto rastreado forma com algum raio fixo (por exemplo, uma semi-reta direcionada para leste) e a que distância o objeto está localizado no momento...

    1089  Palavras | 5  Páginas

  • Educação integral nas escolas públicas brasileiras

    1. Educação integral nas escolas públicas brasileiras 1.1 Breve Histórico da Educação Integral no Brasil. A educação integral no Brasil tornou-se assunto de discussão da década de 30, com Plínio Salgado, líder do movimento batizado de Ação Integralista Brasileira. Segundo Educação Integral (2010, p1), Com o slogan, “Deus, Pátria e Família”, o movimento sugeria uma nova ordem social e econômica no Brasil. Entre as propostas principais, Plínio Salgado apresentou ao país...

    6773  Palavras | 28  Páginas

  • trabalho de calc

    EMENTA  FUNÇÕES DE MAIS DE UMA VARIÁVEL, DERIVADAS PARCIAIS E APLICAÇÕES  INTEGRAIS MÚLTIPLAS  APLICAÇÕES DE INTEGRAIS MÚLTIPLAS BIBLIOGRAFIA  Básica  ÁVILA, Geraldo – Cálculo II – Livros Técnicos e Científicos. Ed. S.     S. Rio de Janeiro, 1981. DEMIDOVITH, Boris – Problemas e Exercícios de Análise Matemática. Ed. Mir Moscou. GRANVILLE, W. A – Elementos de Cálculo Diferencial e Integral. LEITHOLD, Louis – Cálculo com Geometria Analítica. Vol.. I e II – Ed. Do Brasil...

    6712  Palavras | 27  Páginas

  • Coordenadas, mapas e etc.

    sobre as coordenadas, definir o uso dos mapas de grande e pequena escala, descrever os processos de construções das projeções cilíndricas, cônica e azimutal, saber porque é difícil construir um mapa perfeito e qual as relações desse fato com as projeções empregadas, ver alguns tipos de linhas imaginárias, e definir qual o uso prático dos mapas, cartas e a planta. O trabalho conterá 5 partes cada um destacando um dos pontos abordados anteriormente. Coordenadas Para que...

    1282  Palavras | 6  Páginas

  • APOSTILA CDI 1 INTEGRAIS CAP4 DONIZETTI 23maio2012 1

    19. 20. 21. 22. 23. Definição de Derivada geral: Definição de Derivada em um ponto p: Velocidade Instantânea: Aceleração Instantânea: Equação da reta tangente: Normal: FÓRMULAS E PROPRIEDADES DE INTEGRAIS 1) 2) (sendo válida para mais de duas funções) 3) (para ) 4) (para ) 5) (resumindo as fórmulas (3) e (4)) 6) (caso particular da fórmula (3)) 7) (extensão da fórmula (4) ) 8) ou 9) (consequência da fórmula (8)) 10) ( caso geral da fórmula...

    28432  Palavras | 114  Páginas

  • Leis de Maxwell

    ........................................................3 2.5 Linhas e curvas equicampos...................................................................3 3.Sistema de coordenadas........................................................................................3 3.1 Sistema da coordenadas cartesiano........................................................3 3.2 Sistema esférico....................................................................................

    2338  Palavras | 10  Páginas

  • sistema de coordenadas

    MEDIANEIRA 2013 SISTEMA DE COORDENADAS Sistemas de coordenadas são referenciais pelos quais se estabelece uma correspondência recíproca entre pontos geométricos e números reais. Esses sistemas são usados para investigação analítica de propriedades geométricas, como por exemplo, determinar a equação de uma curva geométrica, muitas vezes interpretada como a descrição da trajetória de um ponto em movimento. COORDENADAS CARTESIANAS ORTOGONAL NO R2 Um sistema de eixos...

    2468  Palavras | 10  Páginas

  • Problemas De Algebra Vetorial 2 2014

    90 o 180 5) Se a função vetorial de posição é F=xâx+yây+zâz, encontre a integral de linha do ponto (1,2,3) ao ponto (3,5,7) 6) Um ponto em coordenadas retangulares é (3,5,7). Expresse sua posição em: a) Coordenadas cilíndricas b) Coordenadas esféricas 7) O vetor A=6âx+5ây+7âz atua no ponto (x,y,z)=(3,5,4). Expresse A em: a) Coordenadas cilíndricas b) Coordenadas esféricas 8) a) b) c) d) o o o o Dois pontos tem coordenadas (r,,)=(5,30 ,60 ) e (r,,)=(5,120 ,30 ). Encontre: A distância entre...

    586  Palavras | 3  Páginas

  • Superfície cônica e cilindrica

    DESENVOLVIMENTO introdução As cônicas foram estudadas por vários matemáticos, porem pelo fato do trabalho escrito por Apolônio ser mais extenso e foi a mais avançada que substituiu qualquer estudo anterior. 3.1 Superfície Cilíndrica. 3.1.1. Definição. Superfície cilíndrica é gerada por uma reta móvel denominada geratriz que se apóia sobre uma curva fixa nomeada diretriz, conservando paralelamente a uma direção dada. A diretriz (d) é dada por uma determinada curva plana. E é obtida pela interseção...

    572  Palavras | 3  Páginas

  • Conicas e quadricas

    grafica@unificado.com Dedico à Eliana, Fábio, Débora e Eduardo: companheiros de jornada e razão maior do meu afeto e crescimento pessoal. Dedico também às pessoas que vão além do seu dever. Índice CAPÍTULO 1 2 TRANSFORMAÇÕES DE COORDENADAS NO E 01. Translação de eixos ............................................................................ 23 25 02. Rotação de eixos ................................................................................ 03. Aplicação das translações...

    42505  Palavras | 171  Páginas

  • calculo

    grafica@unificado.com Dedico à Eliana, Fábio, Débora e Eduardo: companheiros de jornada e razão maior do meu afeto e crescimento pessoal. Dedico também às pessoas que vão além do seu dever. Índice CAPÍTULO 1 2 TRANSFORMAÇÕES DE COORDENADAS NO E 01. Translação de eixos ............................................................................ 23 25 02. Rotação de eixos ................................................................................ 03. Aplicação das translações...

    40201  Palavras | 161  Páginas

  • geometria analitica

    relacionadas a mudanças de eixos e coordenadas necessárias em futuros problemas de engenharia. Desta forma, o aluno desenvolverá sua capacidade de operacionalizar problemas físicos no espaço. Objetivos - Utilizar os fundamentos do Cálculo Vetorial e da Geometria Analítica para análise e resolução de problemas físicos no espaço real. - Aplicar os conceitos relacionados a vetores no plano e no espaço. - Implementar soluções relacionadas a mudanças de eixos e coordenadas necessárias em futuros problemas...

    627  Palavras | 3  Páginas

  • mathgraph, winplot, geogebra

        Para  os  estudantes  de  engenharia  e  engenheiros  já  formados,  o  aplicativo  é  importante  pela  capacidade  de  calcular  comprimentos  de  curvas,  áreas  por  integral  e  derivadas,  plotando  a  função  resultante,  desenhando  também  tangentes  e  normais.  A  imagem do sistema de coordenadas gráficas pode ser salva em arquivos como Windows  Bitmap (bmp), Potable Network Graphics (png), JPEG, Windows Enhanced Metafile (emf),  Scalable Vector Graphics (svg) or Portable Document Format (PDF)...

    2871  Palavras | 12  Páginas

  • trabalho calc 3

     Universidade Veiga de Almeida Trabalho Cálculo III: Integral de superfície Teorema de Gauss Teorema de Stokes Cabo frio 2015 Índice: pág Integral de superfície: Definição.............................................................................................................. Teorema de Gauss: Demonstração..........................................................

    1341  Palavras | 6  Páginas

  • Salzedas

    . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 1 1 1 2 4 5 6 6 9 9 12 14 14 14 15 15 19 19 22 23 24 25 29 3 4 Campo eléctrico 4.1 Sistemas de Coordenadas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4.2 Ângulo Sólido . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4.3 Campo Eléctrico . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4.4 Campo E Criado Por Uma Distribuição Contínua de Cargas 4.5 Linhas...

    24910  Palavras | 100  Páginas

  • devry calculo vetorial

     diferencial e integral aplicando os conceitos básicos de várias variáveis e suas integrais em problemas que envolvam máximos e mínimos. Ele será exposto a problemas do cotidiano da engenharia e exercitará as formas de solucionar os problemas aplicando técnicas de cálculo diferencial e integral em funções vetoriais e técnicas de análise vetorial em campos escalares e vetoriais. Ainda deverá aplicar técnicas para solucionar integrais duplas e triplas de aplicações em coordenadas polares. Objetivos ...

    909  Palavras | 4  Páginas

  • eletromagnetismo - análise vetorial

    característica vetorial. CUIDADO: Notação descuidada, como a omissão da linha ou seta (símbolo de vetor), é a principal causa de erros em análise vetorial. 1.1.1. Componentes Vetoriais e Vetores Unitários Um vetor pode ser descrito no sistema de coordenadas cartesianas (ou retangulares). A identificação deste vetor depende de 3 componentes vetoriais, tomadas ao longo dos 3 eixos coordenados (x, y e z), cuja soma vetorial deve ser o vetor dado (p. ex. r r r r V = Vx + V y + Vz ). Em vez de 1 vetor...

    3727  Palavras | 15  Páginas

  • Sistema de coordenadas

    Sistema de coordenadas No sistema de coordenadas retangulares ou cartesianas um ponto é localizado a partir das coordenadas (x, y). Entretanto, outros sistemas de coordenadas podem ser utilizados no estudo dos pontos, retas, superfícies, etc.    Entre estes sistemas pode-se dar destaque aos sistemas de: coordenadas polares, coordenadas esféricas e coordenadas cilíndricas.          Para um sistema de coordenadas polares, usado no espaço R2 (plano), cada ponto P é localizado a partir da distância...

    679  Palavras | 3  Páginas

  • Pontos Cardeais, Meridianos, Coordenadas Geográficas, Rotação, Mapas e Representação

    ler-se "latitude 34 graus, 10 minutos e 31 segundos norte". http://www.frigoletto.com.br/cartograf/coordena.htm 3- Coordenadas geográficas são linhas imaginárias pelas quais a Terra foi “cortada”, essas linhas são os paralelos e meridianos, através deles é possível estabelecer localizações precisas em qualquer ponto do planeta. http://www.brasilescola.com/geografia/coordenadas-geograficas.htm 4- Rotação: O movimento de rotação da Terra é o giro que o planeta realiza ao redor de si mesmo, ou...

    2102  Palavras | 9  Páginas

  • Retifica Cilindrica e Plana

    Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP) Faculdade de Engenharia Arquitetura e Urbanismo (FEAU) Curso de Engenharia de Controle e Automação Grupo 2 PROCESSO DE FABRICAÇÃO E METROLOGIA: Retífica Plana e Cilíndrica Santa Bárbara D’ Oeste – SP Junho / 2009 Retífica Plana e Cilíndrica Ivan De Latorre Monfrinato RA: 0609248 Lucas Jacette RA: 0605667 Rubens da Silveira Lara Jr. RA: 0604413 PROFESSOR: Antonio Fernando Godoy Relatório de Experimento apresentado para avaliação da Disciplina...

    3797  Palavras | 16  Páginas

  • Cartografia: mapas, projeções cartográficas, sistema de coordenadas geográficas, sistema universal transversal de mercator – utm, geoprocessamento

    CARTOGRAFIA TECNICO EM AGRIMENSURA JULIANO APARECIDO CAMPANINI CARTOGRAFIA: MAPAS, PROJEÇÕES CARTOGRÁFICAS, SISTEMA DE COORDENADAS GEOGRÁFICAS, SISTEMA UNIVERSAL TRANSVERSAL DE MERCATOR – UTM, GEOPROCESSAMENTO RELATÓRIO JUNDIAÍ JULIANO APARECIDO CAMPANINI CARTOGRAFIA: MAPAS, PROJEÇÕES CARTOGRÁFICAS, SISTEMA DE COORDENADAS GEOGRÁFICAS, SISTEMA UNIVERSAL TRANSVERSAL DE MERCATOR – UTM, GEOPROCESSAMENTO Dissertação apresentada como requisito parcial...

    538  Palavras | 3  Páginas

  • calculo integral

    Aplicação de integral para cálculo de volume 1. Volume de um sólido quando é conhecida a área de qualquer secção transversal. PROBLEMA 1 Usando o Cálculo Integral, mostre que o volume de uma pirâmide reta de base quadrada - sendo b a medida da aresta da base e h a altura da pirâmide - é . RESOLUÇÃO Colocando o sistema de eixos de modo que o eixo y seja perpendicular à base da pirâmide reta, passando pelo centro, temos: Para cada corte transversal na altura , temos que a secção obtida...

    964  Palavras | 4  Páginas

  • Aplica Es De Integral

    www.engenhariafacil.weebly.com Resumo com exercícios resolvidos do assunto: Aplicações da Integral (I) (II) (III) Área Volume de sólidos de Revolução Comprimento de Arco (I) Área Dada uma função positiva f(x), a área A entre o gráfico de f e o eixo x e as retas x=a e x=b é dada por: 𝑏 𝐴= 𝑓 𝑥 𝑑𝑥 𝑎 Generalizando, suponha que tem-se duas funções, e que 𝐹(𝑥) ≥ 𝑔(𝑥), ∀ 𝑥 ∈ 𝑎, 𝑏 . A área A entre o gráfico de g e as retas verticais x=a e x=b é dada por: 𝑏 𝐴= 𝑓 𝑥 − 𝑔 𝑥 𝑑𝑥...

    1719  Palavras | 7  Páginas

  • Calculo vetorial

    disciplina tem por objetivo desenvolver no aluno a capacidade de raciocínio lógico, dedutivo e abstrato, e a base matemática necessária que o possibilitará:  Empregar os diversos sistemas de coordenadas na representação matemática de grandezas físicas.  Calcular áreas e volumes através do emprego de integrais múltiplas.  Empregar técnicas analíticas envolvendo equações diferenciais ordinárias de 1a e 2a ordem lineares.  Identificar situações-problema contextualizadas de engenharia, envolvendo equações...

    3530  Palavras | 15  Páginas

  • Curso matlab

    .................................................................................... 22 5.2. OPERAÇÕES ............................................................................................................ 23 5.3. SISTEMAS DE COORDENADAS ................................................................................... 26 6. M-FILE ................................................................................................................................... 30 6.1. DEFINIÇÃO...

    17096  Palavras | 69  Páginas

  • Bobina Solenóide

    importante destacar que isso só vale para correntes estacionárias. A lei de Ampère na forma integral pode ser escrita como:3 onde é a permeabilidade magnética no vácuo com um valor no Sistema Internacional de Unidades (SI): Esta lei também pode ser escrita na forma diferencial por meio do teorema de Stokes: onde é qualquer superfície cuja curva suporte seja C. Dado que tal igualdade entre integrais deve valer para qualquer superfície cuja curva suporte seja C, tem-se finalmente: ...

    1435  Palavras | 6  Páginas

  • Lei de Ampere e Faraday

    importante destacar que isso só vale para correntes estacionárias. A lei de Ampère na forma integral pode ser escrita como:3 Onde é a permeabilidade magnética no vácuo com um valor no Sistema Internacional de Unidades (SI): Esta lei também pode ser escrita na forma diferencial por meio do teorema de Stokes: Onde é qualquer superfície cuja curva suporte seja C. Dado que tal igualdade entre integrais deve valer para qualquer superfície cuja curva suporte seja C, tem-se finalmente: Onde...

    1545  Palavras | 7  Páginas

  • Coordenadas

    COORDENADAS GEODÉSICAS E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA J ú l i o C e s a r L i m a d ’A l g e I n s t i t u t o N a c i o n a l d e P e s q u i s a s E s p a c i a i s – INPE D i v i s ã o d e P r o c e s s a m e n t o d e I m a g e n s – DPI Av. Astronautas, 1758 12227-010 São José dos Campos, SP Brasil Telefone: (012) 345-6495 Fax: (012) 345-6468 julio@dpi.inpe.br RESUMO Coordenadas geodésicas constituem o vínculo natural entre os diferentes sistemas de projeção cartográfica disponíveis...

    4309  Palavras | 18  Páginas

  • Como Resolver Derivadas E Integrais Mais De 150 Exerc Cios Res

    Christiane Mázur Lauricella Como Resolver Derivadas e Integrais - Mais de 150 exercícios resolvidos Copyright© Editora Ciência Moderna Ltda., 2011. Todos os direitos para a língua portuguesa reservados pela EDITORA CIÊNCIA MODERNA LTDA. De acordo com a Lei 9.610, de 19/2/1998, nenhuma parte deste livro poderá ser reproduzida, transmitida e gravada, por qualquer meio eletrônico, mecânico, por fotocópia e outros, sem a prévia autorização, por escrito, da Editora. Editor: Paulo André P. Marques Supervisão...

    51655  Palavras | 207  Páginas

  • Programa de Disciplinas Física Bacharelado UECE

    Noções de conjuntos e lógica, números reais, funções e gráficos, limite e continuidade, derivadas, estudo da variação das funções, integrais indefinidas, integral de Riemann, Teorema Fundamental do Cálculo. OBJETIVOS: Compreender os conceitos de função, limite, continuidade, derivada e integral. Desenvolver noções intuitivas e gráficas de funções, derivadas e integrais no conjunto dos números reais. Estudar o comportamento de funções reais. CONTEÚDO PROGRAMÁTICO VI. Teorema de Bozano e Teorema...

    30950  Palavras | 124  Páginas

  • Geometria Descritiva

    diedro que estiverem, por exemplo: Relação entre coordenadas de um ponto Ponto no espaço: Diedros ímpares é relação positiva: cot/afast maior que 0. Diedros pares é relação negativa: cot/afast menor que 0. Ponto na linha terra: cota=0 afast=0 Ponto em π: cota=0 afast=0 Ponto em π’: cot/afast = 0 Ponto no bissetor: cot/afast = ± 1 Simetria A simetria é quando dois pontos são simetricos diante de um plano ortogonal,uma de suas coordenadas tem o mesmo valor em grandeza e sentido, e a outra...

    1640  Palavras | 7  Páginas

  • Coordenadas Geogr ficas

    Coordenadas Geográficas: São linhas imaginárias traçadas sobre o globo terrestre que permitem a localização de qualquer ponto sobre sua superfície. É composto pelos meridianos (liga polo norte ao polo sul) e pelos paralelos (cruzam perpendicularmente os meridianos). Paralelos: O principal é o Equador (linha que circunda o globo) que divide horizontalmente a Terra em duas partes iguais Hemisfério Norte (também chamado de Setentrional ou Boreal) e Hemisfério Sul (também chamado de Meridional ou Astral)...

    1015  Palavras | 5  Páginas

tracking img