O enfrentamento do crack

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1992 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 DESENVOLVIMENTO 4

3 CONCLUSÃO...........................................................................................................9

4 REFERENÇIAS ......................................................................................................10

INTRODUÇÃO

O crack tem seu surgimento nos Estados Unidos na década de 80 nosbairros pobres. Os usuários de cocaína e drogas injetáveis viram no crack uma maior facilidade de acesso a essa droga, já que sua fabricação era caseira e de certa forma mais barata e com mesmo efeitos que a cocaína refinada tinha, alem do mais os usuários correriam menos perigo de contrair alguma DST pelo uso de drogas injetáveis. No Brasil não foi diferente 10 anos depois o crack surgiu primeiramenteem São Paulo se propagou rapidamente nos grandes e pequenos bairros da cidade e logo mais por todo o país. Por ser uma droga mais barata que a cocaína refinada. O motivo do seu baixo preço é que para se produzir o crack os traficantes utilizam menos produtos químicos.
Por ser uma droga que causa dependência muito rápida, o crack hoje é uma dos maiores problemas da sociedade. Nãoapenas nos grandes países ou pequeno, é um problema mundial, que não escolhe classe social, raça, nem nível escolar, qualquer pessoa esta sujeito a enfrentar o crack. Nesse trabalho será demonstrado os efeitos so crack no cérebro dos usuários, o papel da assistente social em frente as conseqüências que o crack traz, como ajudar a família dos dependentes, e como a família junto ao assistente podecontribuir na volta desse individuo na sociedade.

Será mostrado como aconteceu o processo de urbanização x população e quais conseqüências essas ações trouxeram.




















O crack é uma droga barata e de fácil acesso e com um poder de devastação cinco vezes maior do que o da cocaína. Apenas dois em cada dez usuários consegue se livrardo carck. Por ser uma droga barata de alto consome muitas vezes as autoridades não conseguem tomar controle da situação. As ONGs e pessoas de boa índole tornam-se pessoas essências para a diminuição do uso do crack, tentando mostrar a eles o melhor caminho para recuperação. As autoridades militares usam como estratégias para essa recuperação de jovens e adultos usuários do crack a invasão eexpulsão desses usuários das chamadas cracklândias, no entanto a expulsão deles desse ambiente sem um tratamento posterior não irá resultar em nada.
A população ver que o aumento do uso do crack vem por culpa também dos órgãos governamentais de cada cidade, Ou seja, as cracklandias são pontos ocupados por usuários para o uso intenso do uso da droga, essas cracklandias surgem aparte de casase prédios abandonados, iluminação publica queimadas ou bairros sem nem um tipo de iluminação, locais onde o policiamento quase não freqüenta. A culpa da existência desses locais é a falta de compromisso e de sanidade para com os moradores dessas cidades, deixando de aproveitar essas locais para outros fins, eles ous deixam a mercê de ma ocupação para usuários de drogas, que estão acabando comsuas vidas, colocando outras vidas em perigo e a sua própria, desestruturando sua família.
Os usuários de drogas hoje em dia são altamente criticados e descriminados pela sociedade, algumas pessoas têm medo, nojo, indiferenças com os mesmo, sem ao menos tentar procurar saber o que levou essa a pessoa a se torna um usuário de droga. Claro que o motivo não justiça sua ação, mais não sabero motivo é bom motivo para não questionar por que aquela pessoa chegou até esse ponto. No entanto não quer dizer que todos são assim, ainda existem pessoa de boa índole, que se preocupam com todos da sociedade, que buscam recuperar essas pessoas, existem muitas casas de recuperação, existem ONGs , palestras e muitos meios preventivos para que aqueles que ainda não usaram, possam a nunca vim a...
tracking img