Contos de fadas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2571 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO

INTRODUÇÃO

REFERENCIAL TEÓRICO

CAPÍTULO I A ORIGEM DOS CONTOS DE FADAS

CAPÍTULO II A IMPORTÂNCIA DOS CONTOS DE FADAS

2. 2 TIPOS DE CONTOS DE FADAS
.
CAPÍTULO III A CONTRIBUIÇÃO DOS CONTOS DE FADAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

CONCLUSÃO

BIBLIOGRÁFIA
















INTRODUÇÃO

Nosso grupo escolheu como tema A IMPORTÂNCIA DOS CONTOS DE FADAS NAEDUCAÇÃO INFANTIL PARA CRIANÇAS DE 3 ANOS, pois acreditamos que os primeiros passos na formação social, moral e literária da criança se inicia a partir das histórias infantis. Sabemos que existe o bem e o mal nos contos de fadas, representados por bruxas, fadas, princesas, príncipes, entre outros personagens, os contos de fadas encantam tanto crianças quanto adultos, porém não é só o encantamento e adiversão que os contos podem nos oferecer, com eles aprendemos valores e costumes que são utilizados ao longo de nossas vidas, através de situações de conflitos ou até mesmo fantasia.

A hora do conto, na Educação Infantil, tem considerável importância na formação das atitudes da criança, visando emocionar e a instruir. Embora as atividades ligadas à literatura pareçam simples brincadeira oupassatempo são, na verdade, o marco inicial de uma cultura.

Temos como problema proposto para este trabalho a busca de uma resposta para: Quais os benefícios que os contos de fadas proporcionam no processo de aprendizagem em uma turma da educação infantil?


Os estudos dos conteúdos implícitos presentes nos contos, ou seja, qual a natureza comum deles, para quem se dirigem, o que nos falame porque são considerados tão importantes, principalmente na infância, constitui-se no foco central deste trabalho.

Como a ideia principal deste trabalho é o estudo baseado nos contos de fadas, no segundo capítulo iremos apresentar conceitos importantes, através de alguns pesquisadores, em especial Bruno Betelhiem (1980). Neste mesmo capítulo, será desenvolvida a ideia de que os contos sãocapazes de auxiliarem na formação da criança, acalmando as pressões pré-conscientes e inconscientes, pois os contos podem nos ensinar a superar problemas e conflitos com um final vitorioso, promovendo a segurança em si própria e ajudando na sua personalidade.

No capítulo três, mostraremos o quanto um conto pode contribuir na formação da criança, ensinando-a diversas coisas como matemática,português, física, sem elas próprias saberem o nome de tudo isso, e muito menos se sentir da obrigação de aprender algo parecido. Através dos contos também, trabalhamos a afetividade, o consciente e inconsciente, a individualidade, a solução de problemas e soluções finais para certa situação, tendo em vista que o caminho pode ser complicado, porém feliz.

Iremos ter como sujeito dessa pesquisa, umasala de aula de educação infantil (Pré III), ou seja, alunos de três anos de idade, pretendemos utilizar como metodologia a narração de diversos contos de fadas e a partir deste momento, observar as habilidades a serem desenvolvidas conforme nosso objetivo.





















REFERENCIAL TEÓRICO

Dentre inúmeros autores que abordam este tema, escolhemos para estapesquisa inicial, os seguintes referências teóricos Abramovich (2001), Bettelheim (1980), Barcellos e Neves (1995).

Na obra de Bettelhiem (1980) denominada "A psicanálise dos Contos de Fadas", passamos a entender o porque os contos de fadas são tão significativos para uma criança, ajudando-a a lidar com os problemas psicológicos do crescimento e auxiliando também na construção de seu caráter, ações ecriando sua personalidade, ressalta também, que para a história prender a atenção da criança, é preciso que seja uma história que desperte a curiosidade, desperte sua imaginação, que mostre suas dificuldades nos problemas em que aparecem ao decorrer do conto e que ao mesmo tempo nos trazem solução para eventuais problemas que podem perturbar a própria criança.

Através de um conto podemos...
tracking img