Decreto 46.076

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1003 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Priscila Curti Monteiro - 1°Módulo

Professor: Renato
Disciplina - Tecnologia e prevenção de combate a sinistros

Decreto nº 46.076, de 31 de agosto de 2001 de São Paulo

Artigo 1º - Este Regulamento dispõe sobre as medidas de segurança contra incêndio nas edificações e áreas de risco, atendendo ao previsto no artigo 144 § 5º da Constituição Federal, ao artigo 142 da ConstituiçãoEstadual, ao disposto na Lei Estadual nº 616, de 17 de dezembro de 1974 e na Lei estadual nº 684, de 30 de setembro de 1975.
Artigo 2º - Os objetivos deste Regulamento são:
I - proteger a vida dos ocupantes das edificações e áreas de risco, em caso de incêndio;
II - dificultar a propagação do incêndio, reduzindo danos ao meio ambiente e ao patrimônio;
III - proporcionar meios de controle e extinção doincêndio;
IV - dar condições de acesso para as operações do Corpo de Bombeiros.

EXERCICIO 01
EDIFICAÇÃO: Colégio Técnico Inaci unidade Centro constituído de 10 pavimentos com pé direito de 03 metros. Sabemos que; cada piso tem 300 metros quadrados de área, e no atico, esta localizado a sala dos professores com 15 metros quadrados e casa de maquinas com mais 15 metros quadrados.Usaremos o decreto 46076 e suas tabelas. Quais medidas de segurança devemos adotar?
1° CLASSIFICAÇÃO DAS EDIFICAÇÕES E ÁREAS DE RISCO QUANTO À OCUPAÇÃO.
Tabela 01
Grupo E (Educacional)
Divisão E4 - Descrição - Centro de treinamento profissional(escolas profissionais em geral)
2° CLASSIFICAÇÃO DAS EDIFICAÇÕES QUANTO A ALTURA
Tabela 02
(Considerando que edificação tem 30 metros de altura)
Tipo V
Denominação – Edificação Mediantemente Alta – Altura entre 23,00m a 30,00m
3° CLASSIFICAÇÃO DAS EDIFICAÇÕES E AREAS DE RISCO QUANTO A CARGA DE INCÊNCIO
Tabela 03
Risco - Médio
Carga de incêncio(mega joule por metro quadrado) – Entre 300 e1.200 Mega Joule por metro quadrado.
4° MEDIDAS DE PROTEÇÃO - Considerando que periodo de existência da edificação e areas de risco seja anterior a 11/03/1983, utilizaremos tabela 04 - Exigências mínimas para edificações existentes:
Área construida menor ou igual a 750 metros quadrados e ou altura maios que 12 metros
- Saída de emergência
- Alarme de incêncio
- Iluminação de emergência
-Extintores
- Sinalização
- Hidrantes

4° MEDIDAS DE PROTEÇÃO - Considerando que período de existencia da edificação e areas de risco seja posterior ou igual a data de vigência deste decreto – 31 de agosto de 2001.
Tabela 6E
EDIFICAÇÕES DO GRUPO “E” COM AREA SUPERIOR A 750 METROS QUADRADOS OU ALTURA SUPERIOR A 12 METROS.
Grupo E Educacional e Cultural - Divisão E4 - Centro de treinamentoprofissional (escolas profissionais em geral) – altura entre 23 a 30 metros
- Acesso de viatura na edificação (recomendado)
- Segurança estrutural contra incêncio
- Compartimentação vertical (Será considerada para fachadas e selagens dos shafts e dutos de isntalações)
- Controle de materiais de acabamento
- Saídas de emergência
- Brigada de incêncio
- Iluminação de emergência
- Alarme deincêncio
- Sinalização de emergência
- Extintores
- Hidrante e mangotinhos
Observações: Os locais destinados a laboratórios devem ter proteção em função dos produtos utilizados.

EXERCICIO 02
Edificação usada por empresa de consultoria em segurança e medicina do trabalho, onde no térreo com serviço médico para PCMSO contendo uma recepção, três consultórios, uam sala de exame audiométrico,uma sala de de raio X, dois banheiros e uma copa. No segundo andar, escritório de SST composto por 24 células de trabalho, três escritórios, uma sala de reunião, dois banheiros e uma copa. Cada andar com 14 metros de frente e 25 metros de...
tracking img