O papel da escola e do profissional da educação

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1934 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
PEDAGOGIA

JOZILDA SOUZA DOS SANTOS

trabalho interdisciplinar INDIVIDUAL
O PAPEL DA ESCOLA E DO PROFISSIONAL DA EDUCAÇÃO COMO AGENTE DE TRASNFORMAÇÃO SOCIAL

Irecê
2012

JOZILDA SOUZA DOS SANTOS

trabalho interdisciplinar INDIVIDUAL
O PAPEL DA ESCOLA E DO PROFISSIONAL DA EDUCAÇÃO COMO AGENTE DE TRASNFORMAÇÃO SOCIAL

Trabalho apresentado aoCurso de Pedagogia da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para as disciplinas de Sociologia da Educação, Psicologia da Educação I, Processo Educativo no Contexto Histórico e Teoria Geral do Conhecimento.
Profs. Bernadete Strang, Carlos Eduardo de Souza Gonçalves, Marcia Bastos e Okçana Batini.
Tutora eletrônica: Flávia Maria de Souza
Tutor(a) de sala: Cléia Regina

Irecê
2012Este trabalho tem como objetivo compreender o papel da escola e do profissional da educação como agente essencial para o desenvolvimento de uma sociedade mais justa e democrática. Para tanto o professor necessita ter clareza da
dimensão política de sua prática, a qual está a serviço de um determinado projeto social, seja ele de manutenção ou transformação social. Tendo como proposta mostrar de queforma o governo brasileiro tem feito várias campanhas abertas sobre a valorização do professor, como agente de transformação social. Nesse sentido, torna-se importante compreeneder o porquê do processo de valorização do profissional da educação, dentro de uma sociedade cada vez mais escolarizada. Ao mesmo tempo em que existe essa expansão da educaçaõ básica, podemos visualizar uma crise dosprofissionais da educação, fruto de acontecimentos históricos na sociedade.
As questões ligadas ao processo de formação do professor na sociedade brasileira, exigem novos olhares a respeito dos currículos formadores das instituições de ensino, como também é preciso redimensionar o papel de participação social do professor, como agente de transformação social, é nesse contexto que se apresenta aformação do professor no Brasil, cada vez mais são exigidos melhores índices de qualificação profissional. Por isto, no âmbito da educação também se explicitam cada vez com maior força e desafiam visões e práticas profundamente arraigadas no cotidiano escolar. A cultura escolar dominante em nossas instituições educativas, construída fundamentalmente a partir da matriz político-social eepistemológica da modernidade, prioriza o comum, o uniforme, o homogêneo, considerados como elementos constitutivos do universal. Por isso, as diferenças são ignoradas ou consideradas um “problema” a resolver.
Como por exemplo, a construção dos estados nacionais latino-americanos supôs um processo de homogeneização cultural em que a educação escolar exerceu um papel fundamental, tendo por função difundire consolidar uma cultura comum de base eurocêntrica, silenciando ou invisibilizando vozes, saberes, cores, crenças e sensibilidades. A conhecida pesquisadora argentina Emilia Ferreiro (2001) se expressa sobre esta questão e, referindo-se ao contexto latino-americano e à dificuldade da escola pública dos nossos países, desde o início de sua institucionalização, de trabalhar com as diferenças.
Aescola tem um papel importante na perspectiva de reconhecer, valorizar e empoderar sujeitos socioculturais subalternizados e negados. E esta tarefa passa por processos de diálogo entre diferentes conhecimentos e saberes, a utilização de pluralidade de linguagens, estratégias pedagógicas e recursos didáticos, a promoção de dispositivos de diferenciação pedagógica e o combate a toda forma depreconceito e discriminação no contexto escolar. Existe uma relação entre a escola e à prática pedagógica, chegando ao conceito de intelectual. Esta construção teórica permite compreender a dinâmica de estruturação da sociedade e o lugar que a escola e o professor ocupam neste contexto, bem como as possibilidades de transformação da sociedade. Começa-se lembrando duas linhas de pensamento, ambas...
tracking img