Scrum e xp direto das trincheiras

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 126 (31342 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
FREE ONLINE EDITION
(non-printable free online version)

Trazido para você como Cortesia de

Este livro é distribuído gratuitamente no portal InfoQ.com. Se você recebeu este livro de qualquer outra fonte, por favor, suporte o autor e o editor cadastrando-se em InfoQ.com.

Visite a página deste livro em:
http://infoq.com/br/minibooks/scrum-xp-fromthe-trenches

Scrum e XP direto dasTrincheiras
Como fazemos Scrum

Escrito Por: Henrik Kniberg

© 2007 C4Media Inc All rights reserved. C4Media, Publisher of InfoQ.com. Este livro é parte da série InfoQ de livros sobre Desenvolvimento de Software Corporativo. Para informações sobre compra desse ou outros livros InfoQ, entre em contato com books@c4media.com. Nenhuma parte dessa publicação pode ser reproduzida, gravada em umsistema de busca e recuperação de dados ou transmitida sob qualquer forma ou por quaisquer meios, eletrônicos, mecânicos, fotocopiado, gravado, escaneado ou qualquer outro, sem prévia permissão do Publicador, exceto se autorizado pelas Seções 107 ou 108 da Lei de Copyright dos Estados Unidos de 1976. Designações usadas por companhias para distinguir seus produtos são frequentemente conhecidas comomarcas registradas. Em todos os locais onde a C4Media Inc. tem conhecimento desse fato, os nomes dos produtos aparecem com a letra inicial Maiúscula ou TODAS AS LETRAS MAIÚSCULAS. Os leitores, entretanto, devem contactar as respectivas empresas para informações mais completas sobre suas marcas registradas. Editor: Diana Plesa / Felipe Rodrigues Tradutores: Vários voluntários gerenciados pela SEATecnologia Dados de Publicação-em-Catálogo da Biblioteca do Congresso Norte-Americano: ISBN: 978-1-4303-2264-1

Dedicatória
O primeiro rascunho desse livro demorou apenas um final de semana para ser digitado, mas com certeza foi um final de semana intenso! Fator de foco de 150% :o) Obrigado à minha esposa Sophia e aos meus filhos Dave e Jenny por agüentar minha falta de sociabilidade naquele fim desemana. E obrigado também aos pais de Sophia, Eva e Jörgen por virem ajudar a tomar conta da família. Obrigado também aos meus colegas da Crisp, em Estocolmo, e às pessoas do grupo de discussão do yahoo scrumdevelopment por revisarem e me ajudarem a melhorar este trabalho. E, finalmente, obrigado a todos os leitores que forneceram um canal constante de feedback bastante útil. Eu estouparticularmente satisfeito por ouvir que esse trabalho tem impactado tantos de vocês a ponto de darem uma chance ao desenvolvimento ágil de software.

Conteúdo
3 PREFÁCIO POR JEFF SUTHERLAND PREFÁCIO POR MIKE COHN PREFÁCIO – EI, SCRUM FUNCIONOU! INTRODUÇÃO Termo de Responsabilidade Porque eu escrevi isso Mas o que é Scrum? COMO FAZEMOS PRODUCT BACKLOGS Campos adicionais da estória COMO NÓS MANTEMOS OPRODUCT BACKLOG A NÍVEL DE NEGÓCIO COMO NOS PREPARAMOS PARA O PLANEJAMENTO DO SPRINT COMO PLANEJAMOS SPRINT POR QUE O PRODUCT OWNER DEVE PARTICIPAR POR QUE QUALIDADE NÃO É NEGOCIÁVEL Reuniões de planejamento do sprint que se arrastam sem fim Agenda da reunião de planejamento do sprint Definindo o tamanho do sprint Definindo o objetivo do sprint Decidindo quais estórias incluir no sprint Como oproduct owner afeta quais estórias estarão neste Sprint? Como a equipe decide que estórias incluir no sprint? Definição de “pronto” Estimativa de tempo usando planning poker Esclarecendo Estórias Quebrando estórias em estórias menores Dividindo estórias em tarefas Definindo a hora e lugar da reunião diária I III V 6 7 7 8 9 11 12 13 15 15 17 18 19 20 21 22 23 25 33 34 36 37 38 39

Onde traçar a linhaEstórias técnicas Sistema de acompanhamento de bugs vs. product backlog A reunião de planejamento do sprint está finalmente terminada! COMO COMUNICAMOS SPRINTS COMO FAZEMOS OS SPRINT BACKLOGS Formato do sprint backlog Como funciona o quadro de tarefas Exemplo 1 – depois da primeira reunião diária Exemplo 2 – poucos dias depois Como funciona o gráfico de burndown Sinais de alarme do quadro de...
tracking img