Planejamento e controle da capacidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4323 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PLANEJAMENTO E CONTROLE DE CAPACIDADE
INTRODUÇÃO

Prover a capacitação de satisfazer a demanda atual e futura é uma responsabilidade fundamental da administração de produção. Um equilíbrio adequado entre capacidade e demanda pode gerar altos lucros e clientes satisfeitos, enquanto o equilíbrio "errado" pode ser potencialmente desastroso. Embora planejar e controlar a capacidade seja umadas principais responsabilidades dos gerentes de produção, também deveria envolver outros gerentes funcionais. Há razões para isso. A primeira é que as decisões de capacidade têm um impacto em toda a empresa. A segunda é que todas as outras funções fornecem entradas (inputs) vitais para o processo de planejamento. A terceira é que cada função do negócio normalmente deverá planejar e controlar acapacidade de suas próprias "microoperações" para atender à função produção principal.


Que é capacidade?


Segundo Moreira (1993) capacidade refere se a quantidade máxima de produtos e serviços que podem ser produzidos em uma unidade produtiva em um intervalo de tempo.
Ex: Moveis/dia, clientes /dia, pares de calçados/semana
Verifica se, por tanto que a capacidadeesta em função de duas variáveis importantes como Volume ou Quantidade e Tempo.
Capacidade de trabalho da produção – capacidade de produzir.


Planejamento e controle de capacidade


Planejamento e controle de capacidade é a tarefa de determinar a capacidade efetiva da operação produtiva, de forma que ela possa responder à demanda. Isto normalmente significa decidir como aoperação deve reagir a demanda. Chamamos esta tarefa de estratégia de capacidade de longo prazo no qual as decisões de capacidade são tomadas principalmente dentro das restrições dos limites da capacidade física estabelecidos pela estratégia de capacidade da operação de longo prazo.


Restrições de capacidade


Muitas organizações operam abaixo de sua capacidade máxima deprocessamento, seja porque a demanda é insuficiente para "preencher" completamente sua capacidade, seja por uma política deliberada, de forma que a operação possa responder rapidamente a cada novo pedido. As organizações encontram-se com algumas partes de sua operação funcionando abaixo de sua capacidade, enquanto outras partes estão em sua capacidade "máxima". São as partes que estão trabalhando na suacapacidade "máxima" que são as restrições de capacidade de toda a operação.




Capacidade de médio e curto prazo
Tendo definido a capacidade de longo prazo, os gerentes de produção devem decidir como ajustar a capacidade da operação no médio prazo. Isto normalmente envolve uma avaliação da demanda futura em um período de 2 a 18 meses, durante o qual o volume de produção pode servariado, por exemplo, alterando o número de horas que os equipamentos são usados. Na prática, entretanto, poucas previsões são exatas e a maioria das operações também precisa responder a mudanças na demanda que ocorrem em um período de tempo menor. Hotéis e restaurantes apresentam variações de demanda inesperadas e aparentemente aleatórias de uma noite para a seguinte, mas também sabem pelaexperiência que determinados dias são mais movimentados do que outros. Desta forma, os gerentes de produção também devem fazer ajustes de capacidade de curto prazo, que lhes permitam flexibilizar o volume produzido por um curto período, seja com base em previsões (por exemplo, os caixas de bancos sempre estão ocupados no horário do almoço) ou sem aviso (por exemplo, em um dia quente e ensolarado em umparque temático).






Demanda e capacidade agregadas


A característica importante do planejamento e controle de capacidade, como está sendo abordada aqui, é que visa definir os níveis de capacidade no médio e curto prazos em termos agregados. Isto é, toma decisões de capacidade amplas e gerais, mas não se preocupa com todos os detalhes dos produtos e serviços individuais...
tracking img