Esquizofrenia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4804 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Publicado em 24 de março de 2009 em Saúde e Beleza
Imprimir
Enviar
RSS
ESQUIZOFRENIA: UM OLHAR DA SAÚDE MENTAL

A esquizofrenia é um distúrbio mental grave caracterizado pela perda do contato com a realidade, alucinações, delírios, pensamento anormal e alteração do funcionamento laborativo e social. A esquizofrenia é um importante problema de saúde pública em todo o mundo. A esquizofrenia émais prevalente que a doença de Alzheimer, o diabetes ou a esclerose múltipla. No Brasil, são registrados 56.000 casos por ano. Diversos distúrbios compartilham as características da esquizofrenia. Os distúrbios que se assemelham à esquizofrenia, mas cujos sintomas estão presentes a no mínimo seis meses, são denominados distúrbios esquizofreniformes. Quando os sintomas persistem por pelo menos umdia, mas duram menos de um mês, eles são denominados distúrbios psicóticos breves. Um distúrbio caracterizado pela presença de sintomas do humor, tais como depressão ou mania, juntamente com sintomas mais típicos de esquizofrenia é denominado distúrbio esquizoafetivo. Um distúrbio da personalidade que pode compartilhar sintomas de esquizofrenia, mas no qual os sintomas em geral não são tão gravesa ponto de satisfazer aos critérios da psicose, é denominado distúrbio da personalidade esquizotípica.

2- INTRODUÇÃO

O objeto de estudo desta revisão bibliográfica, é a esquizofrenia, mas também, da maneira como a esquizofrenia é enfocada através de uma abordagem privilegiada.

Este trabalho tem por objetivo identificar as causas, sintomas e tipos da esquizofrenia, em abordagem a diversasliteraturas e estatísticas adotadas diante da esquizofrenia.

Os transtornos esquizofrênicos se caracterizam em geral por distorções fundamentais e características do pensamento e da percepção e por afetos inapropriados ou embotados. Usualmente mantém-se clara a consciência e a capacidade intelectual, embora certos déficits cognitivos possam evoluir no curso do tempo. Os fenômenospsicopatológicos mais importantes incluem o eco do pensamento, a percepção delirante, idéias delirantes de controle, de influência ou de passividade, vozes alucinatórias que comentam ou discutem com o paciente na terceira pessoa, transtornos do pensamento e sintomas negativos.

3- BREVE HISTÓRICO

São várias as tendências de reflexão sobre doença mental, notadamente sobre as psicoses que, emboraprovenientes de diversos momentos históricos do pensamento psicológico, estimulam bastante as discussões sobre o tema.

Temos o modelo sociogênico, no qual a sociedade, complexa e exigente, é a responsável exclusiva pelo enlouquecimento humano. Temos também o modelo Organogênico, diametralmente oposto ao anterior, onde os elementos orgânicos da função cerebral seriam os responsáveis absolutos pela doençamental.

Tem ainda o enfoque psicogênico, onde a dinâmica psíquica é responsável pela doença e subestimam-se as disposições constitucionais. Há ainda o modelo organodinâmico, que compatibiliza todos os três anteriores, onde participariam requisitos biológicos, motivos psicológicos e determinantes sociais. Na realidade esse modelo é mais conhecido como bio-psico-social.

Tem sido quase unânime aaceitação pela psiquiatria clínica a associação de determinadas configurações de personalidade predispostas e a eclosão de psicoses. Estas personalidades são as chamadas personalidades pré-mórbidas, cujo conceito é abordado em transtornos da personalidade; constituições que por si transtornam a vida do indivíduo ou incapacitam um desenvolvimento pleno, ou ainda, em certas circunstâncias, encerrauma maior aptidão para o desenvolvimento de determinadas doenças psíquicas.

A personalidade pré-mórbida é considerada pela psicopatologia como uma variação do existir humano e traduz uma possibilidade mais acentuada para o desenvolvimento de certa vulnerabilidade psíquica. Aqui o termo "possibilidade" dever ser considerado em toda sua plenitude, ou seja, um caráter não-obrigatório, mas que...
tracking img