Economia brasileira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3925 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA – UNEB 


DISCIPLINA: ECONOMIA BRASILEIRA
CURSO: AMINISTRAÇÃO


QUESTIONÁRIO
(O gabarito das questões objetivas será informado a partir de 15 dias decorridos)


1. A acumulação geral de capital pressupõe a cumulação primitiva, que ocorrera na passagem do feudalismo para o modo de produção capitalista na Europa. De acordo com esta assertiva, complete,relacione e justifique as palavras entre as colunas da tabela abaixo. Estabeleça apenas uma relação entre as palavras das colunas.




|1. Coluna “A” |2. Coluna “B” |
|a. Apropriação das terras |f. Produção para consumo |
|b. 3 estados|g. Indivíduo |
|c. Terra e ferramentas |h. Fatores de Produção |
|d. Nascimento do comercio |i. Surgimento Urbano |
|e. Economia Clássica |j. Revolução Industrial |Fonte: elaboração autor.


Na era feudal a sociedade era dividida em três estados, o clero como base mais alta da pirâmide, a nobreza e os servos. Os nobres concediam suas terras para os servos, que em troca trabalhavam para servi-los, como poder era decentralizado, cada senhor feudal mandava em seu servo. No feudalismo a economia era agrária e de subsistência, sua produção era destinada aoconsumo. Com o fim das invasões bárbaras a população aumenta, assim como as técnicas agrícolas se aprimoram, passando a existir produção de excedente na economia que foram dando origens às feiras medievais, onde ocorriam as trocas entre os comerciantes, causando o nascimento do comércio e em consequência o surgimento urbano acarretado as cidades. No século XIV o sistema feudal passou por diversascrises, como períodos longos de fome, guerras, a peste negra, que matou mais de 30% da população europeia, assim como, a revolta dos servos por conta da super-exploração dos senhores feudais. Como isso levou a necessidade de um poder centralizado, no qual o Rei passou a exercer com a burguesia surgindo a parti dai o capitalismo, que veio a se consolidar como a Revolução Industrial, suascaracterísticas inicias foram, a busca de aumento de produção para o mercado, por novos lucros, trocas monetárias, operações financeiras, e o desenvolvimento da urbanização, como consequência do desenvolvimento das atividades mercantis.


2. De forma sintética (resumida) comente sobre a formação da mão-de-obra brasileira desde o sistema de propriedades agrícolas até as primeiras formas de propriedadesindustriais, tendo como premissa, o trinômio, ACUMULAÇÃO – CICLOS ECONÔMICOS – INDUSTRIALIZAÇÃO.
































Fonte: Esquema Adaptado Do Livro “Economia Brasileira, Pereira J.M., 2003”










Na história econômica brasileira, o conceito de ciclos econômicos é utilizado para identificar os movimentos decrescimento e declínio das atividades extrativas (ciclo do pau-brasil), da produção agrícola (borracha, cana-de-açúcar, cacau, café) e mineradora (ouro). Cada ciclo provocou sucessivas mudanças sociais, populacionais, políticas e culturais dentro da sociedade brasileira.
O café foi o produto que impulsionou a economia brasileira desde o início do século XIX até a década de 1930. Emconsequência da crise de 1929, o café, até então principal produto na economia brasileira, entrou em decadência. Porém, a produção agrícola ainda comandava a atenção econômica do país. No início do século XX aconteceram três fatos marcantes. O primeiro deles foi a Primeira Guerra Mundial (1914-1918), em seguida a Grande Depressão (1929-1933) e a Segunda Guerra Mundial (1939-1945). Neste período os...
tracking img