Caso toyota

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3675 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
4.2 CASO TOYOTA 

Um dos casos mais longo de planejamento estratégico foi o da Toyota, segundo a revista Exame em reportagem feita por Correa (2007), uma revolução silenciosa que levou 50 anos para atingir seu objetivo. A montadora japonesa viveu sua pior crise no período pós Segunda Guerra. A beira da falência, o presidente da empresa, Eiji Toyoda (primo do fundador), pediu ao engenheiroTaiichi Ohno, que reinventasse o processo produtivo da montadora. Ohno resolveu o problema passando um pente fino em cada etapa do processo de fabricação de automóveis, reduzindo desperdícios e eliminando estoques altos, comum nas outras montadoras. Assim nascia o chamado Sistema Toyota de Produção. Durante cinco décadas, a Toyota dedicou-se a aprimorar seu método, tornando a produção enxuta eeficiente, método que depois foi copiado pelas principais montadoras do mundo. Como dito anteriormente, esse processo demorou 50 anos para atingir seu objetivo. Pois no final de abril desse ano a montadora japonesa assumiu o posto de maior fabricante de carros do planeta, desbancando os 73 anos de liderança da americana General Motors. A Toyota chega nesse posto pensando no futuro. O planejamento é apalavra chave na companhia. O departamento de pesquisa e desenvolvimento já está avaliando como serão os carros da montadora em 2030, e as pesquisas são para criar automóveis que os clientes queiram (ou precisem) comprar. 

ISO 9001: Um olhar sobre o caso Toyota
O recall dos veículos Toyota (cerca de 9 milhões de unidades) expôs a degradação da Qualidade numa escala sem precedentes, que culminounesta sexta feira, 05/03, com a declaração de Akio Toyoda, CEO da montadora, onde reconheceu publicamente que a maior montadora de automóveis do mundo cresceu rápido demais nos últimos anos, a ponto de algumas vezes negligenciar a qualidade.
Publicado em: 8 de março de 2010  |  Canal: ISO 9001  |  Autor: Ronaldo Costa Rodrigues
O recall dos veículos Toyota (cerca de 9 milhões de unidades) expôs adegradação da Qualidade numa escala sem precedentes, que culminou nesta sexta feira, 05/03, com a declaração de Akio Toyoda, CEO da montadora, onde reconheceu publicamente que ?a maior montadora de automóveis do mundo cresceu rápido demais nos últimos anos, a ponto de algumas vezes negligenciar a qualidade.? (fonte: G1).

Fosse outra montadora, o caso já seria grave e emblemático para aQualidade, mas sendo a Toyota é ainda pior. A história da Toyota foi construída sobre os conceitos da Qualidade Total, o Sistema Toyota de Produção é referência mundial. Será que tudo isso poderia ser posto em xeque pelo mega recall?
Entenda o caso:
Agosto de 2009
Quatro pessoas morrem quando um Lexus (marca de luxo da Toyota) perde o controle nos EUA.

Setembro de 2009
Toyota convoca 3,8 milhõesde veículos para substituir o tapete, apontado como responsável por prender o acelerador no fundo em diversos modelos da marca.

21 de janeiro
Mais quatro morrem num Toyota que já estava sem os tapetes. A empresa convoca então 2,3 milhões de veículos, dizendo que a causa do acelerador preso no fundo pode ser também do mecanismo do pedal.

26 de janeiro
Toyota suspende a venda de oito modelosaté encontrar a solução. São eles: Corolla, RAV4, Camry, Matrix, Avalon, Highlander, Tundra e Sequoia.

28 de janeiro
Mais 1,1 milhão de veículos no recall do tapete que agarra.

29 de janeiro
Recall anunciado para 1,8 milhão de veículos na Europa por causa do acelerador que prende.

31 de janeiro
Toyota apresenta solução para o pedal problemático.

31 de janeiro
Toyota faz recall deveículos da América Latina e África, que são importados dos EUA e Europa.

2 de fevereiro
Toyota admite problema no freio do Prius.
Fonte: Estado de Minas/Vrum

Eu não creio que possa. Na minha opinião o problema da qualidade na Toyota deve-se à negligência com todos esses conceitos, em maior ou menor grau, causada pela expansão desenfreada e pela globalização, que cada vez exige maior...
tracking img