Analise ergonomica do trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2251 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTERVENÇÃO ERGONÔMICA EM UMA OLARIA
KLEBER ROBERTO LOPES, TASSIANE SOUTO MAIOR, GERMANNYA D´GARCIA DE ARAÚJO E SILVA UFPE- CAA
1. Introdução
Quando deixou de ser nômade, o homem passou a ter necessidade de possuir construções resistentes e duráveis e com a evolução de tecnologia ele foi descobrindo diversos materiais, entre eles, o tijolo que pode ser fabricado de argila, o mais comum, argilaxistosa, silicato de cálcio, ou cimento. São fabricados em olarias onde seguem o seguinte processo: Extração da argila > Caixão alimentador (onde a argila é triturada pela primeira vez) > Correia transportadora (conduz o barro do caixão alimentador para o misturador) >Misturador (mistura, amassa e fornece a quantidade de água necessária) > Laminador (dois cilindros que moem os pedregulhos e ostorrões do barro pela segunda vez) > Maromba (prensa formando uma só barra já com os furos do tijolo a ser fabricado) > Esteira transportadora (transporta a barra da maromba para o corte) > Máquina de corte (com dois fios de aço que cortam os tijolos no tamanho desejado) > Secagem (os tijolos ficam expostos ao vento para secarem bem, pois podem trincar no forno) > Forno (os tijolos são colocados emfileiras espaçadas umas das outras, onde é colocado serragem e lenha por cima para queimar. Esta porta é fechada e o tijolo fica queimando à aproximadamente 800°C) Apesar de um processo fácil, precisa-se de mão-de-obra para um trabalho pesado, onde se exige principalmente força para carregamento de pilhas de tijolos e muitas vezes não há preocupação nos operários que o fazem, sendo muitas vezeseles lesados fisicamente e por tanto outro fatores como os equipamentos ou falta deles e também ambiências físicas. Assim a ergonomia como disciplina que atua com abordagens, métodos e técnicas, usa ferramentas e processos que melhorem o ambiente de trabalho do homem podendo provocar maior conforto, segurança e eficácia em um ambiente como este. Sendo objeto de estudo a Cerâmica São José localizadaem Caruaru - PE 4.4- Execução das técnicas 4.4.1- Técnica de observação análise fotográfica A partir das observações foram feitos registros fotografico onde pode-se mostrar: - posições de trabalho que comprometem a postura, - falta de iluminação adequada, - carregamento de peso excessivo, - equipamentos que comprometem a atividade, - piso irregular que dificulta o transporte dos tijolos, -ausência do uso de EPIs - ausência de instalações favoráveis aos funcionários apontaram pouca ou nenhum tipo de dor ou cansaço no pescoço. [d] A região dos membros superiores. Esta região foi a que mais ouve índices de queixa sendo o braço direito e esquerdo com 17% de dor média e 17% muita dor. Os punhos com 17% de dor média e as mãos em 100% de pouca ou nenhuma dor. [e] A região dos membros inferiores.Esta região também apresentou índices de queixas sendo nas coxas 17% muita dor índice igual ao das panturrilhas. Os outros 83% sentiam pouca ou nenhuma dor. Resultado analítico do gráfico do fim do dia (Fig. 7) [a] A região das costas. Nas costas média, superior e inferior apresentaram 17% de queixas de muita dor. [b] A região dos ombros. 50% relataram ter pouca ou quase nenhuma dor, já 33% e 17%sentiam muita dor. [c] A região do pescoço e nuca. Já no fim da jornada de trabalho há queixas de muita dor em 17% dos entrevistados. [d] A região dos membros superiores. Nos braços ouve índices de 17% de muita dor, nos punhos e nas mãos essa medida cresce para 33%. [e] A região dos membros inferiores. Esta região também apresentou índices de queixas sendo nas coxas 33% muita dor índice igual aodas panturrilhas. Os joelhos 17% de dor média e os pés 17% de muita dor. 4.4.3- Análise das entrevistas Foram realizadas primeiramente entrevistas com vinte funcionários para maior reunião de informações sendo estas de todas as atividades realizadas e depois concentração em apenas um grupo de atividades que foi apontada na primeira entrevista como sendo a mais critica. Através dos entrevistados...
tracking img