O multiculturalismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1635 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1- Introdução


O multiculturalismo é um fenômeno mundial de transformações sociais e conseqüência de vários sintomas de origens raciais, migratórias e principalmente do questionamento por uma cultura mais justa e politicamente correta. O mundo pós-guerra buscando fugir do monoculturalismo, reivindica uma abertura igualitária e conquistas de fronteiras em grande escala noque diz respeito ao desenvolvimento de estudos, lingüística e artes.
Nos últimos quinze anos essa questão tem sido questionada e debatida por escritores, políticos e sociedade, quando repentinamente vimos o multicultturalismo transformar-se em assunto de polemica e objetos de recentes debates. É inegável a pluralidade das entidades em via da globalização e deixa a conquistarelativamente recentes que provocam hoje uma nova estética da política econômica e sócio cultural do pais, sustentando um aparente reconhecimento de direitos e colhendo os frutos da abertura multicultural.
Porem a diversidade cultural é ainda desafio para a educação da língua, literatura e outros aspectos culturais. O fenômeno da globalização não significou ir e vir de todas as idéias permitindoaos cidadãos uma realidade verdadeiramente igualitária para a vivencia de fronteiras em diferentes áreas, manifestações, culturais e artísticas.
As idéias podem ajudar a entrever saídas para grandes problemas de ordem mundial, e claro que existe o aspecto surpreendente de sociedades distantes e isoladas se tornarem próximas e acessíveis, mais preciso prever onde terminam as influenciaspositivas e onde começam as intervenções na própria identidade cultural, para que possamos dialogar contradições e termos nossa própria forma de enxergar e dizer ao mundo.
É pela identidade que se define a cultura e pelas diversas identidades o multiculturalismo. Assim também define-se pelo multiculturalismo a aceitação do diferente, como diferente, e não como desigual ou inferior.Socialmente o multiculturalismo é visto como uma filosofia anti-racista e como uma metodologia para a reforma educacional envolvendo a todos.
A partir deste projeto estudaremos a questão negra ou afrodescendente na escola. Uma questão complicada, por estar amalgamada com questão de racismo, e porque tendemos a negá-la.2 – Objetivo Geral


Estudar critica e reflexivamente o multiculturalismo, buscando rompimento com a discriminação e com o racismo, investindo numa escola que contemple e valorize nossas matrizes culturais sem hierarquizá-las, que atue com competência, conhecimento e desejo político, rumo a construção de uma educação libertadora e multicultural critica.3 – Objetivos específicos


❖ Rever a necessidade de descobrirmos nossa negritude presente na escola e na sociedade.
❖ Reconhecer a importância da cultura negra no Brasil.
❖ Perceber a cultura negra com sentimentos como a curiosidade, admiração, interesse e sobretudo com respeito.
❖ Refletir criticamentesobre a exclusão e a descriminação racial.
❖ Elaborar plano de ação com praticas de intervenção no processo sócio-cultural, respeitando as diferenças e descobrindo com outros olhos a presença negra no Brasil.
❖ Levar o educando a refletir sobre a presença negra na escola, levando em consideração o respeito, o dialogo, a tolerância e a construção coletiva.3 – Justificativa


No que diz respeito ao racismo e as exclusões e discriminações, quer na sociedade quer na escola, todos nós estamos afetos e expostos: mulheres, homens,negros (as), índios, ciganos, judeus, nordestinos, crianças, idosos etc. Todos nós somos e estamos envolvidos, transversalmente enredados na teia do racismo e dos preconceitos, ou por...
tracking img