Transtornos globais do desenvolvimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 33 (8143 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 Introdução:
O incessante interesse de conhecer o ser humano leva a uma procura por parte dos cientistas, à necessidade de descobrir o processo psicológico do homem. O Transtorno Global do Desenvolvimento (TGD) é uma categoria que engloba transtornos caracterizados por atraso simultâneo no desenvolvimento de funções básicas, incluindo socialização e comunicação. Os transtornos invasivos dodesenvolvimento abordados nesse trabalho serão:
 Síndrome de Angelman;
 Síndrome de Asperger;
 Síndrome do X Frágil;
 Síndrome de Landau Kleffner;
 Síndrome de Rett;
 Síndrome de Prader –Willi;
 Síndrome de Willians;
 Hiperlexia;

Além do autismo clássico, síndromes do espetro do autismo e a psicose infantil. Nosso principal objetivo é abordar as características desses transtornosde maneira que elas se tornem conhecidas para que assim, os indivíduos portadores de alguma dessas síndromes possam ser incluídos dentro da sala de aula e possibilitados de aprender de maneira eficaz.

2. Transtornos Globais do Desenvolvimento (TGD)
Os Transtornos Globais do Desenvolvimento (TGD) são distúrbios nas interações sociais recíprocas que costumam manifestar-se nos primeiroscinco anos de vida. Caracterizam-se pelos padrões de comunicação estereotipados e repetitivos, assim como pelo estreitamento nos interesses e nas atividades.
Com relação à interação social, crianças com TGD apresentam dificuldades em iniciar e manter uma conversa,algumas evitam o contato visual e demonstram aversão ao toque do outro, mantendo-se isoladas. Podem estabelecer contato por meio de comportamentos não-verbais e, ao brincar, preferem ater-se a objetos no lugar de movimentar-se junto das demais crianças.
Os Transtornos Globais do Desenvolvimento também causam variações na atenção, na concentração e, eventualmente, na coordenação motora. Mudanças dehumor sem causa aparente e acessos de agressividade são comuns em alguns casos. As crianças apresentam seus interesses de maneira diferenciada e podem fixar sua atenção em uma só atividade, como observar determinados objetos por um longo período de tempo.
Com relação à comunicação verbal, essas crianças podem repetir as falas dos outros - fenômeno conhecido como ecolalia - ou, ainda,comunicar-se por meio de gestos ou com uma entonação mecânica, fazendo uso de jargões.
3 Autismo:

“Transtorno do desenvolvimento caracterizado por dificuldades e anomalias em várias habilidades de comunicação, relacionamento social, funcionamento cognitivo, processamento sensorial e comportamental.” (Gary B. Mesibov)
Autismo é a nomenclatura dada a um conjunto de comportamentos derivados deum desenvolvimento neurológico (cerebral) atípico que vem sendo, freqüentemente, considerado um distúrbio comportamental. Essa síndrome se manifesta antes dos 3 anos de idade, porém antes desse período não é diagnosticada pois a disfunção pode vir a ser confundida como deficiência intelectual. Seu aparecimento é mais comum em meninos e não necessariamente é acompanhado de retardo mental, poisexistem casos em que a crianças que apresenta inteligência e fala intacta.

Desde que foi descrito pela primeira vez por Kaner, em 1943, o autismo tem sido estudado em termos de comportamentos apresentado. Recentes pesquisas com o foco na identificação de características neurológicas do autismo têm sido desenvolvidas com objetivo de auxiliar o processo de diagnóstico e a intervenção precoce.3.1 Causas do autismo:
A causa específica, ainda é desconhecida mais há várias suspeitas de que podem compreender alguns desses fatores:
· Influência Genética;
· Vírus;
· Toxinas e poluição;
· Desordenes metabólicos;
· Intolerância imunológica;
· Infecções virais e grandes doses de antibióticos nos primeiros três anos de vida da criança.

3.2 Características:

O autismo é...
tracking img