Psicologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5437 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Maria Regina Castanho França
Psicóloga (PUC-SP), psicodramatista
(SOPSP), terapeuta familiar (APTF).

FAMÍLIAS HOMOAFETIVAS
RESuMO

A autora problematiza a questão das famílias homoafetivas, discutindo a homossexualidade nas famílias de origem dos indivíduos, a tentativa
de assumir esta condição para aos pais, aos irmãos e à sociedade em geral. Foca a homofobia, os problemas advindos dasparcerias homoafetivas
na sociedade, assim como a questão da adoção de filhos, mostrando as
implicações destas escolhas em uma sociedade heterocêntrica. Enfatiza a
importância das redes sociais de apoio.

pALAVRAS-chAVE

Famílias homoafetivas, homofobia, heterocentrismo, identidade de
gênero, redes sociais de apoio.

ABStRAct

The author reflects on the issue of homoaffective families,considering
homosexuality within the family of origin of individuals, and their attempt
to assume homosexuality in front of their parents, siblings and the wider
society. The paper looks at homophobia, and the issues that homoaffective partnerships face in relation to society, as well as the issue of child
adoption, presenting the implications of these choices in a mainly heterosexualsociety. The author also emphasises the importance of supportive
social networks.

KEYWORdS

Homoaffective families, homophobia, heterocentrism, gender identity,
supportive social networks.
___

“Mãe: qual a pior coisa que um filho poderia dizer pra você?”
“Que ele é bandido, drogado ou homossexual!”
“Então, mãe...”
Assim Ana Paula contou para sua mãe, aos 15 anos, que estava apaixonada poruma menina... E desta forma se iniciou uma história familiar
de desentendimentos, preconceito e proibições. O relacionamento familiar foi deteriorando, com muito choro, brigas terríveis e até ameaças de
morte; quando a situação ficou insustentável, os pais, num último recurso, procuraram terapia familiar.
21

REVISTA BRASILEIRA DE PSICODRAMA – Maria Regina castanho frança

22

O interessepela homossexualidade e pelas relações homoafetivas1 vem
aumentando significativamente no decorrer dos últimos anos. Em 2003,
quando escrevi o artigo Terapia de casais do mesmo sexo, publicado no livro
Laços Amorosos (2004), este era um tema pouco abordado na literatura
sobre casal e família; encontrava-se pouco material sobre a homossexualidade e, especialmente, sobre o relacionamento entredois homens ou duas
mulheres e a prática terapêutica com casais e famílias homoafetivas.
Embora a reflexão sobre questões e dificuldades enfrentadas especificamente por essa população - um dos grupos mais marginalizados da
sociedade - me parecesse essencial, eu me via como uma das poucas vozes nesse período a enfocar esse tema em palestras ou seminários. Pensava, acho que com certa razão – outalvez com certa pretensão – que,
por não ser homossexual, poderia ser mais ouvida ou levada a sério do
que se um gay ou uma lésbica estivesse levantando “questões polêmicas,
mais provavelmente em causa própria”. Apesar de estarmos iniciando o
século XXI, o preconceito ainda é tão forte e disseminado que, mesmo em
nosso meio profissional, um homossexual tem dificuldade em se expor e
lutar porsua causa, temendo a desqualificação do seu discurso e outras
reações negativas.
Ao longo do tempo a homoafetividade foi se tornando cada vez mais
visível na sociedade, e também mais aceita entre profissionais. No último
Congresso Brasileiro de Terapia Familiar (Gramado - agosto/2008) foram
apresentados 08 trabalhos tendo como tema a homoafetividade, com
grande participação/interatividadedo público presente. A discussão que
se seguiu a cada apresentação mostrou, por um lado, um grande interesse e envolvimento dos terapeutas com a questão da homossexualidade,
mas, por outro, ainda um grande desconhecimento sobre esse mundo
“tão diferente”.
As questões mais levantadas nas diversas apresentações foram:
• Quais as causas da homossexualidade?
• A homossexualidade é uma opção,...
tracking img