Psicologia e psicologias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1598 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Psicologia e Psicologias
A psicologia é a própria história do pensamento humano. Claro levando em consideração o conhecimento da humanidade, as demais áreas do conhecimento e os novos desafios colocados pela realidade econômica , social e pela insaciável necessidade do homem de compreender a si mesmo.
A ciência, basea-se na realidade cotidiana e pensa sobre ela. Afastando-nos dela pararefletir e conhecer além de suas aparências. O cotidiano e o conhecimento cientifico que temos da realidade aproximam-se e se afastam: Aproximam-se porque a ciência se refere ao real; afastam-se porque a ciência abstrai a realidade para compreendê-la melhor.Ou seja, a ciência afasta-se da realidade, transformando-se em objeto de investigação – o que permite a construção do conhecimento cientifico sobreo real.
Senso Comum: O conhecimento que é passado pela tradição, de geração para geração . A tentativa de facilitar e encarar o dia-a-dia, produzindo suas próprias teorias. O conhecimento popular – visão de mundo
OBJETO DE ESTUDO DA PSICOLOGIA
O homem e sua complexidade — diversos homens -- concebidos pelo conjunto social.
A psicologia não segui um padrão lógico de investigação devido suavariação de objetos. Devido a diversidade de enfoques do homem:
ESCOLAS: HUMANISTA;
COMPORTAMENTALISTA;
PSICANÁLISE;
ORGANIZACIONAIS;
PATOLÓGICAS.....

Se pensarmos que toda construção parte de uma matéria-prima. Podemos dizer que a matéria- prima da psicologia é a vida dos seres humanos. É a partirdesse material que a psicologia construirá todo o seu saber. Tudo o que a psicologia criar, pensar ou disser será sobre a vida dos seres humanos.
OS FENÔMENOS PSICOLÓGICOS
Referem-se a processos que acontecem em nosso mundo interno e que são construídos durante a nossa vida. São processos contínuos, que nos permitem pensar e sentir o mundo. Nos comportarmos das mais diferentes formas nosadaptarmos à realidade e transformá-la. Esses processos constituem a nossa subjetividade .
A subjetividade é portanto, o mundo construído internamente pelo sujeito. A partir de suas constituições biológicas: É também , fonte de suas manifestações afetivas e comportamentais.—Todas essas complexidades serão desenvolvidas, estudas e fragmentadas pelas as escolas da psicologia.

HUMANISMO

CarlRogers, um dos fundadores da psicologia humanista, nasceu (EUA) em 1902 e morreu em 1987 com85 anos.
Para Rogers, a base de nossa natureza é essencialmente positiva. A direção do nosso movimento está basicamente voltada para a auto-realização.
O conceito central de sua teoria é que as pessoas usam experiências para se defini “ o eu como objeto de conhecimento.” Enfatizando as percepções, ossentimentos, as auto-avaliações subjetivas, a auto-realização e o processo de mudança.

PRINCIPAIS CONCEITOS
* Campo de Experiência ou Campo Fenomenal
Cada individuo possui um campo único que contém tudo o que se passa no organismo em qualquer momento, e que está potencialmente disponível à consciência. Este campo pode ou não corresponder a realidade objetiva.
* Self (auto-conceito)
É avisão que uma pessoa tem de se própria, com base nas experiências passadas, presentes e nas expectativas de futuro. É um continuo processo de reconhecimento.
“A terapia é a experiência na qual posso me colocar de forma subjetiva. Tenta examinar essa rica experiência subjetiva com objetiva.”

* Congruência
É o grau de exatidão entre a experiência da comunicação e a tomada de consciência.Comunicação é o que se expressa. Experiência é o que esta ocorrendo em seu corpo.
Tomada de consciência é o que esta percebendo. Um auto grau de congruência significa que a comunicação a experiência e a tomada de consciência são semelhantes.
* Incongruência
Ocorre quando há diferença entre os três aspectos acima.
* Tendência à auto-atualização
É a tendência básica da natureza humana na...
tracking img