Pedagogia do oprimido

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2218 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Fichamento Acadêmico
FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. 50. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2011. 253 p.
Resumo
Paulo Freire, um dos maiores intelectuais brasileiros do século XX, elaborou uma teoria ou, como ele preferia dizer, “uma certa compreensão ético-crítico-política da educação” que tem como uma de suas bases o diálogo que possibilita a conscientização com o objetivo de formarcidadãos da práxis progressista, transformadores da ordem social, econômica, e política injusta.
Escrito em 1968, Pedagogia do Oprimido foi proibido pela ditadura militar e permaneceu inédito no Brasil até 1974. Neste livro revolucionário, Paulo Freire esmiúsia as revelações opressoras de nossa estrutura social e indica diversas possibilidades de mudança. Pedagógica e socialmente engajado, este éum trabalho imprescindível, referência não só na história da educação, mas principalmente na história cultural de nosso país.
Fazer o aluno conhecer a liberdade, tornando-se apto a se construir crítica e responsavelmente: foi este o nobre objetivo ao qual Paulo Freire se dedicou durante toda a vida. Mas como alçar um voo tão alto num mundo onde, cada vez mas, “a pedagogia dominante é a pedagogiada classe dominante”?
Pedagogia do oprimido, obra que figura entre as principais de sua vasta bibliografia, é uma das respostas mais relevantes a essa pergunta. Aqui, consciente da situação em que se encontram os oprimidos no Brasil e da América Latina, Paulo nos oferece uma análise penetrante do funcionamento de nossas classes sociais e indica os caminhos para uma pedagogia eficiente, capazde suscitar, nos educandos, o diálogo e o saber de si.
Não é preciso muito para que a amplitude do pensamento desta obra se revele: do conteúdo programático ás estruturas opressoras da sociedade, as reflexões freirianas se debruçam sobre todos os fatores que influenciam a educação, fazendo com que sua teoria pedagógica se torne, também, uma lição de cidadania e solidariedade.
Pedagogia dooprimido resume todos os elementos que fizeram de Paulo Freire o principal educador brasileiro do século XX. É um livro de leitura obrigatória para todos aqueles que desejam compreender nossa situação ainda atual de acomodação.
Victor Burton

Palavras Chave: Libertação, diálogo, consciência, humanização.
1° Capítulo
Justificativa da pedagogia do oprimido
• Visa à educação como prática daliberdade
• “Humanização e desumanização, dentro da história, num contexto real, concreto objetivo, são possibilidades dos homens como seres inconclusos e conscientes de sua inconclusão” (pág. 40)
• O que gera a opressão é a desumanização, a alienação dos homens, a injustiça, a vocação negada.
A contradição opressores-oprimidos. Sua superação
• “Falsa generosidade” dos opressores contra osoprimidos, onde se instaura cada vez mais a injustiça social. Pois os opressores obtém o poder.
• “Um dos elementos básicos na mediação opressores-oprimidos é a prescrição. Toda prescrição é a imposição da opção de uma consciência a outra”. (pág. 46)
• O caminho para se libertar-se da injustiça da opressão, é necessária a solidariedade verdadeira, que se constitui na plenitude do ato de amar, na suaexistenciação, na sua práxis, e também objetividade. Para assim transformarem o mundo, e se transformarem, engajados na luta pela libertação e sua humanização, com ação e reflexão.
• Caminhos para que isso aconteça  relações dialéticas, diálogo, visão critica, ação e reflexão, consciência, objetividade, intencionalidade.
• A relação dominado-dominador é fortemente marcada culturalmente,socialmente e politicamente, são fatos históricos que sempre aconteceram, pela aquisição de poder do dominador, fazendo assim o dominado a “ser menos”, a se imergir, se ocultar diante daquilo que lhe é imposto.
“Quem inaugura o ódio não são os odiados, mas os que primeiro odiaram” (pág. 59) “O importante, por isto mesmo, é que a luta dos oprimidos se faça para superar a contradição em que se acham. Que...
tracking img