Idoso

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1283 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO ENVELHECIMENTO

Envelhecimento, velhice, senescência, senectude, senilidade, velho.


Historicamente, nas últimas três décadas a população idosa brasileira vem crescendo e demandando maior atenção dos serviços de saúde. De acordo com as previsões de Berquó (1996), no final do século XX o Brasil teria 8,7 milhões de pessoas com 65 anos e mais, sobreviventes de cortesnascidas até 1935.
Isto quer dizer que um em cada 20 residentes no país seria idoso; vinte anos mais tarde, essa relação será de um para treze. Projetou, ainda que 82% de representantes desse contingente populacional viverão nas cidades.
Nessa perspectiva, a mortalidade diferencial nos campos e nas cidades, e as migrações que ocorreram no país nas últimas décadas configuraram uma concentração depessoas idosas em áreas urbanas, de mulheres, principalmente, em decorrência da mortalidade masculina.
Estudos recentes realizados por demógrafos e epidemiologistas brasileiros projetam para o ano de 2025 a possibilidade de existirem 33 milhões e 882 mil pessoas acima de 60 anos no mundo. Nesta perspectiva, o Brasil ocupará o 6º lugar no mundo em termos de população idosa.


ENVELHECIMENTO:Envelhecimento é parte de um contínuo que começa na concepção e termina com a morte. Enquanto processo de desenvolvimento, é complexo, heterogêneo e singular para cada sujeito que o vive.
Debert (1996) cita três condições inter-relacionadas que dão uma configuração específica à terceira idade e às representações sobre envelhecimento nas sociedades contemporâneas.
✓ A primeira “tem a ver commudanças no aparelho reprodutivo, que levaram a uma ampliação das camadas médias assalariadas com os novos padrões de aposentadoria que englobam, entre os aposentados, um contingente mais jovem da população”, ou seja, “a aposentadoria deixa de ser um marco para indicar a passagem para a velhice, ou uma forma de garantir a subsistência daqueles, que, por causa da idade, não estão mais em condiçõesde realizar um trabalho produtivo”.
✓ A segunda relaciona-se com o fato de que os aposentados não podem mais continuar sendo considerados os setores mais desprivilegiados da sociedade, quer seja nos países de capitalismo avançado, quer naqueles em desenvolvimento como o Brasil.
✓ A terceira se refere à transformação da velhice em um problema social, o que põe em jogo múltiplas dimensõesque vão desde as iniciativas voltadas para propostas de formas de bem-estar que deveriam acompanhar o avanço das idades, até empreendimentos voltados para o cálculo dos custos financeiros que o envelhecimento da população trará para a contabilidade nacional. Trata-se da defesa de estratégias instrumentais para o combate da deterioração do corpo, que combinam uma boa dose de disciplina ehendonismo – com ênfase na noção de que o corpo é fonte de prazer – e atribuem ao sujeito não só a responsabilidade pela constante vigilância do corpo, mas também por sua saúde, mediante a adoção de estilos de vida saudáveis.

A caminhada para o envelhecer é um processo que atinge todas as dimensões da vida. O envelhecimento vivido com paixão produz saúde, e é sinônimo de vida vivida em plenitude, pois ofoco de atenção da pessoa idosa não está nas perdas – rugas, flacidez, cabelos brancos, invalidez e doenças. Muito embora as perdas ocorram, elas não são preponderantes na definição dos modos de sentir, pensar e agir daquele que envelhece. Envelhecer bem depende, pois, do equilíbrio, sempre instável e dinâmico, entre as limitações de cada um (que se vê com mais idade) e de seus recursos epotencialidades para lidar com novas configurações pessoais, novas demandas pessoais e os eventuais problemas do cotidiano. Daí a importância de instancias de apoio social, rede de amigos e grupos de interesses comuns e da luta contra a descriminação e o preconceito em torno do velho na nossa cultura.

A idade modifica o relacionamento do homem com o tempo; a medida que os anos decorrem, encontra-se...
tracking img