Gurus da qualidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3304 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS
ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA
TECNOLOGIA EM AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL




NOMES DA EQUIPE





TITULO DO TRABALHO










MANAUS-AM
2012

NOMES DA EQUIPE







TITULO DO TRABALHO




Trabalho apresentado para avaliação na disciplina de sistema de organização da produção do Curso deTecnologia em Automação Industrial da Universidade do Estado do Amazonas




.
Orientador: Alex Sander








MANAUS-AM
2012


SUMÁRIO


INTRODUÇÃO 4

1 O SURGIMENTO DO VOLVO 5

1.1 SISTEMA SOCIAL E ECONOMICO DA SUÉCIA...............................................5


2 OVOLVISMO........................................................................................................7



2.1 VOLVO – KALMAR......................................................................................8


2.2 PLANTA VOLVO...............................................................................................10
3 O DECLINIO DO VOLVISMO.....................................................................12
CONCLUSÃO...........................................................................................................14
REFERÊNCIAS .........................................................................................................16






INTRODUÇÃO



Desde o surgimento do vapor a indústria vem se desenvolvendo num processo dinâmico de adaptações e repostas aos mercados aos quaisatendem. Em praticamente um século foi constituído várias transformações e avanços tecnológicos que determinaram o desenvolvimento de novas formas de gestão da produção, assim como a concepção de diferentes sistemas produtivos e organizacionais.
A Volvo implantou um exemplo de gestão sociotécnico na década de 1970 em algumas fábricas localizadas na Suécia, nas quais a gestão de pessoas diferiado predominante à época.
A planta e os procedimentos da fábrica foram planejados em conjunto com os sindicatos e voltados para a satisfação do trabalhador.
Entretanto, este trabalho tem por objetivo apresentar as principais características do que se convencionou chamar de volvismo, analisar, comparativamente, os aspectos principais, enfatizando alguns dos motivos para o fechamentodas fábricas que utilizavam este conceito.
Quanto à natureza da pesquisa, este trabalho procura avançar no conhecimento de organização da produção, a partir de consulta a materiais já publicados. Trata-se, portanto, de um ensaio de análise de relatos e textos publicados a respeito do assunto, constituído, principalmente, de livros e de artigos de periódicos disponibilizados na Internet elivros disponíveis para a pesquisa.













O SURGIMENTO DO VOLVO





O volvismo vem de uma idéia de montagem de automóveis iniciada pela Volvo na década de 1970, uma fábrica automotiva instalada em Gotemburgo na Suécia em 1927, resultante da idéia de dois amigos de infância, o engenheiro Gustav Larson e o economista Assar Gabrielson, este último perdeu a esposa numacidente de avião. Após horas de bate papo, ambos tiveram a idéia de projetar um carro genuinamente sueco e que fosse extremamente seguro e adequado às severas condições climáticas do país. E para isso receberam o apoio da empresa SKF, tradicional fabricante de rolamentos e da qual a nova montadora se tornou subsidiária. O primeiro automóvel equipado com um motor de quatro cilindros com 28 cv,capaz de atingir 90 quilômetros por hora, e batizado de VOLVO ÖV4, conhecido popularmente como Jakob, saiu da linha de montagem da cidade de Gotemburgo somente no dia 14 de abril de 1927. Esse automóvel foi construído para o clima escandinavo, utilizando, além do excelente aço sueco componentes de alta qualidade. Gabrielsson financiou a construção de 10 protótipos, desenvolvidos pelo artista Helmer...
tracking img