Estudo de caso: o ambiente organizacional da petrobras

ESTUDO DE CASO:
O AMBIENTE ORGANIZACIONAL DA PETROBRAS

1. De acordo com o caso quais são os stakeholders internos e externos da Petrobras?

Resposta: Os stakeholders internos da Petrobras são:o Estado brasileiro e os demais acionistas, que podemos relatar que maioria de seus funcionários tem ações da empresa e entre seus principais acionistas podemos destacar o grupo de investimentoBackRock
Os stakeholders externos são: consumidores de petróleo, gás, e a mídia devido aos bilhões gastos em propaganda e investimento na cultura nacional.

2. O fato de o governo brasileiro ser oprincipal acionista da empresa afeta sua posição de stakeholder?

Resposta: Por ser o maior detentor das ações da Petrobrás o Governo indica o presidente e principais diretores sendo que há uma grandereestruturação da direção de quatro em quatro anos o que prejudica o planejamento de longo prazo visto que durante a efetivação de um projeto há várias trocas e novas influencias no mesmo.

3. Porque podemos dizer que, até 1995, os concorrentes não eram um stakeholder da organização? Como isso afetou o crescimento organizacional?

Resposta: Até 1995, a Petrobras detinha o monopólio deprospecção, exploração e refino do petróleo no Brasil. Deste modo, a empresa não possuía concorrentes internos no país, o que a permitiu um crescimento contínuo em suas atividades e ganhos, apesar de nãoestimular sua produtividade e eficiência. Por outro lado, no mercado externo, desde 1972 a Petrobras negocia e firma contratos no exterior, desde modo os concorrentes são stakeholders da empresa.

4. Comoa influencia organizacional afeta a politica de preços da empresa?

Resposta: Segundo o texto até hoje a empresa permanece sendo estatal, ou seja, o governo mantém uma participação alta nasdecisões da empresa.

A influência do governo afeta a política de preços da Petrobrás pelos altos impostos no Brasil e a empresa por ser do ramo estratégico seus preços cobrados aos consumidores...
tracking img