Estudo de caso motorola

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (276 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Estudo de caso

Preparação do estoque da Motorola

1- Como a Motorola poderia evitar o excesso de estoque, em face do que ocorreu?
Monitorando adequadamente os pedidos ecomparando com a demanda. Todo fornecedor deve ter um sistema de controle da produção, caso ocorra mudanças na programação da produção, pois assim não enfrentará problemas denão conseguir atender a demanda.
2- Como a Motorola poderia agir para que pedidos exagerados não ocorram mais?
Para que não ocorram mais pedidos exagerados, a Motorola temque fazer pesquisa de mercado, estudar como está a procura pelo produto que ela fornece, especialmente em épocas de grande fluxo, e principalmente ter o controle da demanda depedidos que são encaminhados pelos seus distribuidores, monitorar se o que está sendo produzido é realmente o necessário, tanto para conseguir atender todos os pedidos, comotambém não ficar com o estoque superlotado.
3- Que conselho sobre administração de estoques você daria aos distribuidores da Motorola?
Os distribuidores por já terem perdidovendas, achou que era melhor antecipar os seus pedidos, para não correrem o risco de perder novamente vendas, porem, eles também não fizeram um acompanhamento de seus estoques.O grupo acredita que apensar da Motorola não ter controlado e analisado os grandes pedidos, cabe a cada distribuidor arcar com os seus estoques elevados, pois de fato houvepedido para a produção.
Aos distribuidores fica a dica de implantar um sistema de controle de estoque, onde deve ser monitorada toda a movimentação (Entrada/Saída) de produtos,se eles tivessem acompanhado os estoques, não teriam passado por esse problema de supercarregamento de produtos, e avisaria a tempo que o fabricante parasse de produzir.
tracking img