Estudo de caso: gerenciamento do estoque como ferramenta para aumento do nível de serviço

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 23 (5603 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O foco do presente trabalho está na gestão de estoques considerado em sua forma sistêmica. Para o desenvolvimento do trabalho utilizou-se o modelo de simulação construído que considera o desempenho histórico de uma cadeia de distribuição versus a política de gestão proposta.
Todas as empresa são partes integrante de uma cadeia de suprimentos, onde o sucesso de cada uma está fortemente associadoao sucesso da cadeia, neste contesto a concorrência passa do terreno das empresas para o confronto entre cadeias de suprimento.
O que não mudou foram as regras de competitividade impostas pelo mercado,as variáveis como preço, produtividade, qualidade,agilidade, bons serviços, etc continuam sendo os balizadores que decidem perdedores ou vencedores . A cadeia de suprimentos, assim como a empresaisolada, tem necessidade de analisar cada um dos seus elos, identificar e eliminar ou reduzir os fatores que prejudicam seu poder de competitividade. O trabalho conjunto, a cooperação tornam-se necessários,pois a competitividade passa ser resultado do gerenciamento da cadeia de suprimentos e não de esforços de empresas isoladas.
Os resultados da simulação mostraram que as práticas atualmenteempregadas na gestão de dos estoques das empresas podem ter seu desempenho melhorado com a utilização da política de simulada na pesquisa. Nas simulações pode-se verificar melhoria simultânea no nível de serviço e nível de estoques da cadeia, isto mostra que a política simulada mudou o dilema (trade-off) que interliga antagonicamente essa duas características de desempenho do sistema.Palavras-chave: Gestão da cadeia de suprimentos, Fluxo de informação, Nível de serviço e política de estoque.

1 INTRODUÇÃO
1.1 HISTÓRIA DO ESTOQUE
Os estoque estão presentes ao longo das cadeias de distribuição pelos os mais diversos motivos. Ballou (1998) estimou que o custo anual para manutenção de um item em estoque é 20 a 40% do seu valor. Lee e Billington (1992) apontam diversas oportunidadespara melhoria na gestão de estoque na cadeia e utilizam sempre a premissa de que o melhor nível de estoques e obtido quando toda a cadeia e considerada como um sistema único.
Diante deste novo ambiente, as empresas investem cada vez mais em ações que possam melhorar seus processos internos como também a rede de suprimentos na qual estão inseridas, dito de outra forma, torna-se imperioso que asempresas precisam mais do que nunca captar, decifrar e compreender seu negócio como sendo uma composição de várias entidades empresariais parceiras que alinham suas estratégia e interesses em um mercado comum.
Com o uso das práticas de cooperação e compartilhamento de informações, p retende-se estudar como o estabelecimento da política de estocagem influencia o dilema existente entre adisponibilidade de produtos (Nível de serviço) e os custos de estocagem (Nível de estoque) em dois estágios da cadeia.

Este trabalho tem como principal foco o gerenciamento da disponibilidade de produtos, através da política de gestão de estoque, numa cadeia de distribuição em que haja cooperação e compartilhamento de informações.
estoques na cadeia de distribuição são necessários para que o processode produção e distribuição de um produto possa ocorrer. Na Tabela 1 estão apresentados a consolidação dos motivos pelos quais os estoque são necessários, bem como a classificação de cada tipo de estoque conforme Robeson et al. (1994).



Tabela 1
Forças que tornam os estoques necessários.
Motivo do estoque Tipos de estoque
Incertezas Estoque de segurança
Produção / Transporte em lotesEstoque em ciclo
Tempo de transporte Estoque em trânsito
Tempo de processamento Estoque em processo
Sazonalidade Estoques sazonais
Variação na taxa das atividades Estoque de antecipação
Outros Estoque especulativo
Fonte: Robeson et al.,1994
A gestão de estoques procura balancear, de um lado, um determinado nível de...
tracking img