Doc, pdf

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1462 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
tecidos osseos
Introdução
O tecido ósseo é um tipo de tecido conjuntivo formado por células e substâncias que promovem a sustentação corporal dos animais vertebrados, contribuindo aproximadamente com 15% do peso do corpo.
Sua função, associada à conformação anatômica do esqueleto, viabiliza aos organismos algumas vantagens fisiológicas correlacionadas ao hábito de cada espécie, como porexemplo: ponto de inserção dos nervos, apoio aos músculos, adaptações locomotoras, produção de células do sangue, bem como proteção a alguns órgãos vitais (pulmão, coração, cérebro).
O tecido ósseo caracteriza-se por serem muito rígido e resistente, suas principais funções estão relacionadas à sustentação e à proteção servindo como alavanca para os músculos e também armazenadores de substâncias.Resumo:
O tecido ósseo é o que mais sofre alterações, na sua composição podemos encontrar a matriz óssea, células, periósteo e induziu.
O endósteo é formado por fibras reticulares e osteoblastos.
Endósteo: tecido conjuntivo frouxo, que reveste o osso esponjoso o canal medular, os canais de Havers e Volkmann. Canais de Volkmann são canais microscópicos encontradas no osso compacto, sãoperpendiculares aos Canais de Havers, e é um dos componentes do sistema de Haversian. Os canais de Volkmann também podem transportar pequenas artérias em todo o osso. Os canais de Volkmann não apresentam lamelas concêntricas
O periósteo é composto pela camada fibrosa, mais interna, e pela camada osteogênica, mais externa. Ele se encontra aderido à superfície externa da diáfise do osso.
Funções: proteção esustentação são as principais. Além disso, se destaca por participar do sistema de alavanca, dar apoio para os músculos, aumentar a coordenação e a força dos movimentos, e armazenar substâncias como cálcio e fosfato.

Células do tecido:
Osteoblastos: são células jovens que produzem a parte orgânica da matriz óssea. Localizam-se na periferia das trabéculas. A forma destas células está diretamenteligada ao estado de ativação dos osteoblastos. Quanto ativos, são cubóides e quanto inativos são achatados.
Os osteoblastos, por sua vez, são células gigantes multinucleadas, que promovem a destruição da matriz óssea através da ação de enzimas e posteriormente reabsorvem a matriz digerida. Dessa maneira, agem "modelando" a peça óssea. Após uma fratura, os osteoclastos tornam-se muito ativos,participando de forma marcante no processo de regeneração do tecido ósseo.
Osteócitos: localizam-se no interior da matriz, ocupando os osteoplastos.
Osteoclastos: são células polinucleares, grandes e globosas. Localizam-se nas superfícies das trabéculas ósseas e participam do processo de reabsorção do tecido ósseo. Quando fazem depressão na matriz, formam as lacunas.
A matriz óssea é composta poruma parte organica (35%, representa a flexibilidade do osso), e uma parte inogânica (65%, representa a rigidez e resistencia do osso) cuja composição é dada basicamente por íons de fosfato e cálcio.
Dentre as inorgânicas, a mais abundante é o fosfato de cálcio, ocorrendo também fosfato de magnésio e carbonato de cálcio. Dentre as orgânicas, praticamente 90% cor-respondem às fibras colágenas,sendo o restante basi¬camente formado por mucopolissacarídeos. As subs¬tâncias inorgânicas conferem rigidez ao osso, enquan¬to as fibras colágenas dão-lhe certa flexibilidade.
De acordo com a origem embriológica, há dois processos básicos de formação do osso: ossificação intramembranosa ou conjuntiva e ossificação endocondral ou intracartilaginosa. A ossificação intramembranosa ou conjuntiva ocorre apartir de uma membrana de tecido conjuntivo embrionário, originando os ossos chatos do corpo, como, por exemplo, os ossos do crânio. Nessa membrana conjuntiva, surgem centros de ossificação caracterizados pela transformação de células mesenquimatosas em os¬teoblastos, que produzem grande quantidade de fibras colágenas. Esses centros vão aumentando, tendo início a deposição de sais inorgânicos....
tracking img