Cultura da soja

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6310 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL-CAMPUS SERTÃO
TÉCNICO EM AGROPECUÁRIA

RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR

DOUGLAS ROBERTO MOKFA
TURMA 2008/4 Nº 04

Sertão RS, maio de 2011.

Douglas Roberto Mokfa

Relatório de Estágio CurricularRelatório apresentado como requisito parcial à conclusão do Curso Técnico em Agropecuária, modalidade concomitante, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul-Campus Sertão.

Orientador: Professor Odirce Teixeira Antunes.

Sertão RS, Maio de 2011.

DEDICATÓRIA

Dedico este trabalho a todos que me apoiaram duranteo curso, meus colegas, amigos e professores, e principalmente a minha família, por tudo que fizeram por mim e pela minha formação neste curso.

AGRADECIMENTOS

Agradeço a minha família por toda ajuda prestada e apoio durante o curso.
Aos meus colegas, que alem de colegas foram mais que amigos, foram considerados irmãos, pela ajuda durante os trabalhos e momentos de dificuldade,por ser minha família durante os três anos passados na antiga EAFS, hoje IFRS, e principalmente por eu poder dizer que foram eles que fizeram com que estes foram os melhores três anos da minha vida.
Ao professor orientador Sr. Odirce Teixeira Antunes, pela ajuda prestada durante o estágio e durante a realização deste relatório.
Aos demais professores do instituto, por repassaremseus conhecimentos e teorias aplicadas neste estágio.
Ao supervisor deste estágio o Engº Carlos Luiz Mertins, por repassar seus conhecimentos e auxiliar nas atividades realizadas.
A Cotrijal - cooperativa agropecuária e industrial, empresa na qual foi realizado o estágio.

Sumário
INTRODUÇÃO 7
1.0 RELATO DE ATIVIDADES 9
1.1 Caracterização do local de estágio: 9
1.2 Relatode Casos 10
2- Cultura da Soja (Glycine max) 10
2.1 – Cultivares 11
2.2 - Época de semeadura 11
2.3 - Práticas Culturais 12
2.3.1- Dessecação 12
2.3.2- Densidade 12
2.3.3- Tratamento de Semente 12
2.3.4- Profundidade e espaçamento 13
2.3.5- Adubação e calagem 13
2.3.6- Controle de Plantas Daninhas 13
2.3.7- Controle de pragas 14
2.4 - Lagartas desfolhadoras 162.4.1 – Percevejos 16
2.4.2 - Tamanduá ou bicudo da soja - Sternechus subsignatus 17
2.4.3 – Ácaro Branco (Polyphagotarsonemus latus) 18
2.4.4 - Controle de moléstias 19
2.5 - Doenças 20
2.5.1 - Oídio (Mycrosphaera difusa) 21
2.5.2 - Mildio (Peronospora manshurica) 21
2.5.3 - Ferrugem Asiática (Phakopsora pachyrhizi) 21
2.5.4 – Septoriose 22
2.5.5 - Podridão Vermelhada Raiz (Fusarium solani) 23
2.6 - Adubação Foliar 23
2.7 – Aplicação de defensivos 24
2.7.1 – pH da água 25
2.8 – Colheita 26
3.0 – Praticas realizadas do setor de Olericultura 27
CONCLUSÃO 28
BIBLIOGRAFIA 29

INTRODUÇÃO

O estágio curricular foi realizado em duas etapas, na Cotrijal e no Instituto Federal do Rio Grande do Sul – Campus Sertão no setor de olericultura.Hoje no Brasil, a monocultura tem o maior espaço da agricultura, sendo a cultura da soja a mais cultivada em todo o país, esta têm uma grande importância se levar em conta as exportações de grãos do país, pois é o cereal mais exportado hoje sendo vendido para vários países do mundo, sendo seu principal comprador a China.
A cultura da soja tem um grande interesse dos agricultores, porse tratar de uma cultura de fácil manejo, poucas exigências em praticas manuais, de mão-de-obra 100% mecanizáveis.
A soja é uma cultura de verão, tendo sua semeadura indicada entre os meses de outubro e dezembro, pois seu ciclo é entre 100 e 160 dias, sendo que hoje na região norte do Rio Grande do Sul se busca semear cultivares de ciclo curto, como os cultivares: BMX Apolo, BMX...
tracking img