Comportamento de sobrevivencia do cavalo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3162 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
COMPORTAMENTO DA SOBREVIVÊNCIA DO CAVALO

Ana Patrícia Quinta n.º20080715,Palmira Mateus Nsifua n.º20081941
Kátia Denise Carvalho Santos n º20061976, Yolando nº 20074837
Docente: Mestre Fátima Gameiro e Mestre Ana Carina Valente
Universidade Lusófona de Humanidades e TecnologiasFaculdade de psicologia
Cadeira de etologia
Turma 2N1
Ano lectivo de 2009-2010

Lisboa, 24 de Novembro de 2009

Nnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnnn

INTRODUÇÃO
A etologia é umaciência que estuda o modo de actuação dos diferentes tipos de
animais e o modo como o animal interage com o meio ambiente, ou seja o seu
comportamento animal e também estuda a conduta humana sobre um olhar biológico.
Antes da etologia ter surgido como ciência já existia o interesse por outros animais,
era um tema que fascinava grandes pensadores desde o tempo de Platão eAristóteles. É
enigmático a habilidade de algumas criaturas simples para desenvolver tarefas
complexas: tecer uma teia (aranha), construir um ninho ou cantar (pássaro), encontrar
abrigo ou conseguir comida; tudo isso no momento certo com pouca ou nenhuma
aprendizagem previa.
O conhecimento da conduta dos animais também significava a sobrevivência do
homem contra ataques.
Paracompreender a vida animal é necessário que se estude o seu comportamento e
através de duas perspectivas diferentes que são o enfoque comportamental e o enfoque
etológico foram feitos estudos do comportamento animal.
Behavioristas como Pavlov, Skinner e Watson, defendiam que os animais nasciam
sem qualquer um tipo de comportamento, este era aprendido na sua evolução e todo o
comportamentoadquirido tudo o que irão aprender seria mais tarde fruto do meio e das
experiencias e do enfoque etológico. Eles acreditavam que os animais nascem com uma
folha em branco sobre o qual o acaso e as experiências irão
escrevendo suas mensagens.
Por outro lado etólogos como Lonrenz, Timbergen e Karl Von Frisch defendiam que
o comportamento dos animais era inato, instintivo. Elesargumentavam que os
comportamentos tardios na vida dos animais não provêem da aprendizagem,
mas da maturidade do indivíduo, como acontecesse com o voo das aves.
Segundo Timbergen, o comportamento dos animais vai além do correr, nadar e
rastejar.
Ele envolve acções dos animais. Até mesmo o mais silencioso movimento de uma
parte do corpo do animal, como levantar uma orelha representamformas de
comportamentos.
Um dos factores do comportamento animal é a sobrevivência faremos uma
abordagem ao longo do texto sobre o comportamento de sobrevivência.
Quando nos debruçamos sobre a sobrevivência, falamos de tudo o que um ser faz
para manter se vivo, tendo como seu principal objectivo a reprodução face a todos os
comportamentos que o animal adapta no seu dia a diatendo como fim a continuação da
espécie.
Á medida que mais indivíduos são produzidos do que os recursos permitam
sobreviver, é necessário que exista uma luta pela sobrevivência, quer entre indivíduos
de uma mesma espécie ou entre indivíduos de espécies distintas, ou com as mesmas
condições de vida.
A partir deste ponto iremos escrever sobre teorias do comportamento animal dealguns autores, que de alguma forma escreveram sobre o comportamento de
sobrevivência.
Charles Darwin, um naturalista britânico que escreveu um livro intitulado “ A
origem das espécies”, ao longo do livro ele descreve como ocorre essa luta pela
existência. Ele cita “ que quando se olha a natureza, devemos estar cientes das
considerações precedentes” (Charles Darwin, origem das...
tracking img