Balanced scorecard

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1369 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
BALANCED SCORECARD: Um Enfoque Gerencial
O objetivo deste post é apresentar uma metodologia baseada em jogos de empresas para ensinar os princípios dos Balanced Scorecard (BSC), procurando evidenciar as inter-relações entre os indicadores e a estratégia da empresa demonstrando o seu resultado nas perspectivas: crescimento e aprendizado, processos, clientes e financeira.

Aspectos Relevantes:- Contabilidade Gerencial como uma excelente ferramenta para aprimorar o BSC;
- Contabilidade Financeira ainda não mensura os ativos intangíveis;
- Mapas Estratégicos e Indicadores;
- Jogos de Empresas como estratégia de ensino e aprendizagem em negócios empresariais.

Contabilidade Gerencial:

[pic]

Segundo Padoveze (2004, p. 41) "significa gerenciamento da informaçãocontábil. Ora, gerenciamento é uma ação, não um existir. Contabilidade Gerencial significa o uso da contabilidade como instrumento da administração".
Já para Lopes e Martins (2005) comentam que "a grande maioria dos livros de contabilidade gerencial foca seus trabalhos em princípios e normas que regem as organizações. A razão disso é a falta de padronização das práticas gerenciais, o quedificulta a determinação de princípios e normas geralmente aceitos".
Ainda Lopes e Martins (2005) revelam que a pesquisa em contabilidade apresentou uma grande mudança do paradigma normativo em direção ao positivo durante a década de 1970. Os livros de Contabilidade Gerencial, em sua grande maioria, basicamente apresentam os resultados das pesquisas normativas desenvolvidas no passado. Comoexemplo, temos a técnica de custo-volume-lucro que é recomendada para uma boa gestão da organização. Com o surgimento e disseminação da abordagem positiva, os pesquisadores começam a se preocupar mais diretamente com a realidade organizacional e com a explicação das práticas realizadas, e não com sua normatização.

Criação de Valor:
A criação de valor para o acionista é refletida no valor daempresa, número este que a contabilidade financeira representa no balanço patrimonial sob a figura do Patrimônio Líquido.

A atividade produtiva e Valor Agregado:
A produção deve ser vista como um processo contínuo de entradas (inputs) e saídas (outputs). O produto deve ser entendido como a diferença entre o valor das entradas, o que equivale a dizer que o conceito de produto corresponde aovalor agregado pelas empresas no decurso do processamento da produção.

Análise Econômica-Financeira:
EVA – ECONOMIC VALUE ADDED - Nada mais é do que uma aplicação do conceito de custo de oportunidade do capital e do conceito de manutenção do capital financeiro da empresa.
CUSTO OPORTUNIDADE - Implica criar uma área de resultados específica para mensurar a rentabilidade dos acionistas.O custo de oportunidade é o lucro mínimo que eles deveriam receber para justificar seu investimento.
Goodwill: Tem sido genericamente aceito como o fruto da existência de diversos fatores que a contabilidade não aceita formalmente como elementos do Ativo, quer sejam eles a organização interna da empresa, o bom relacionamento com os empregados, a condição monopolística, a localização dafirma, ou outros quaisquer.

Destruição de Valor:
Conceito inverso ao conceito de adição de valor, considerando o custo de oportunidade de capital.
Todas as atividades que tiverem um resultado inferior ao custo médio de oportunidade de capital.

Balanced Scorecard:

[pic]

Kaplan e Norton (1997) Definem o BSC como uma ferramenta ou metodologia que traduzem a missão e a visão daempresa num conjunto abrangente de medidas de desempenho que serve de base para um sistema de medição e gestão estratégica. Herrero Filho (2005) vê o BSC em duas dimensões:
- Sistema de gestão;
- Ferramenta Gerencial.

Kaplan e Norton (1997) definem o Balanced Scorecard como uma ferramenta ou metodologia que "traduz a missão e a visão da empresa num conjunto abrangente de medidas de...
tracking img