Artigo de psicopedagogia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3935 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO


A não aprendizagem na escola é uma das causas do fracasso escolar. Segundo Weiss (1992, p.16) considera-se fracasso escolar uma resposta insuficiente do aluno a uma demanda da escola. O fracasso escolar na perspectiva psicopedagógica clínica deve ser analisada considerando-se as relações existentes entre a produção escolar, o contexto sócio-cultural, a estrutura orgânicae a estrutura interna do sujeito. Weiss (idem, p. 22) ainda afirma que a aprendizagem dentro dos padrões considerados normais se dá de forma integrada no aluno, no seu pensar, sentir, falar e ouvir.
O diagnóstico é uma investigação que segue parâmetros definidos pelo psicopedagogo no intuito de investigar as causas de uma queixa, seja ela do sujeito, da família ou da escola. Odiagnóstico se foca no obstáculo e no processo de aprendizagem. O seu objetivo não é a inclusão do sujeito em uma categoria dos que não aprendem, mas obter uma compreensão global da sua forma de aprender e dos desvios que estão ocorrendo neste processo para então se chegar a um prognóstico e encaminhamento para a solução do problema de aprendizagem.
Portanto, este estudo objetiva a reflexãosobre o diagnóstico da dificuldade de aprendizagem especificamente relacionada à leitura e o impacto da mesma nos âmbitos escolares e familiares. Diante das informações obtidas por meio desta investigação pretende-se responder às seguintes questões: Quais são os fatores responsáveis pela dificuldade de aprendizagem da leitura? Quais são as estratégias para superá-las? Qual o papel da família e daescola no enfrentamento daS dificuldades de aprendizagem?

Utilizou-se nesta pesquisa uma ferramenta indispensável para a prática da Psicopedagogia: o estudo de caso. Este método possibilita a obtenção de dados sobre o paciente que está em processo terapêutico de forma mais individualizada e eficaz. Durante a realização de um estudo de caso, o psicopedagogo busca diversas informaçõesreferentes ao sujeito que se encontra em tratamento, pois estes dados revelam a construção subjetiva do sujeito e a forma como ele se relaciona com o conhecimento, com o aprender. Desta forma, para Escott (2004, p.190) “o estudo de caso é um tipo de pesquisa qualitativa que tem como objeto de estudo uma unidade que se analisa em profundidade”. Portanto, o estudo de um caso, é um tipo de investigaçãoque busca construir hipóteses sobre um sujeito valorizando a sua história, seus avanços e incentivando-o na superação das suas dificuldades com o objetivo de tentar resgatar nele o prazer de aprender.
Como referencial teórico utilizou-se das obras de autores como Nádia Bossa, que em seus estudos sobre o trabalho clínico explicita a relação do sujeito com sua história pessoal e suamodalidade de aprendizagem. Maria Lúcia Weiss contribui ressaltando a importância do psicopedagogo no diagnóstico das dificuldades de aprendizagem. Do seu ponto de vista "a psicopedagogia busca a melhoria das relações com a aprendizagem, assim como a melhor qualidade na construção da própria aprendizagem de alunos e educadores" (2003, p. 6). Os estudos de Alicia Fernandez nos revelam a importância dafamília no diagnóstico e na intervenção psicopedagógica; sua obra explicita como as relações familiares podem interferir de forma negativa ou positiva na aprendizagem da criança. Por fim, utilizou-se da teoria de Jorge Visca para alicerçar o estudo, pois o mesmo, por meio da epistemologia convergente, oferece os recursos teóricos necessários para o percurso do diagnóstico e da intervenção.CARACTERIZAÇÃO DO CASO


O presente estudo de caso foi realizado numa escola particular de pequeno porte que ministra cursos de Educação Infantil e Ensino Fundamental I situada num bairro popular deuma cidade brasileira. A criança, a qual chamaremos de Y, tem sete anos e dois meses de idade, freqüenta a primeira série do ensino fundamental l....
tracking img