o capitalismo tardio

Páginas: 7 (1705 palavras) Publicado: 22 de maio de 2014
O Capitalismo Tardio


MELO, João Manuel Cardoso de. Editora brasiliense, 1982. São Paulo. 
                                                                            Resenhado por, Suzana Alves*
  
João Manuel Cardoso de Melo inicia seu ensaio demarcando alguns pontos do pensamento da CEPAL (comissão econômica para América Latina), criada 1949, com o objetivo de elaborar estudos ealternativas para o desenvolvimento dos países latino – americanos. Para o autor a CEPAL, foi criada para estabelecer o processo de aparecimento da industrialização entre 1914 e 1945. A saída vista pela CEPAL para a América Latina seria a industrialização. O autor crítica o critério cepalino de periodização histórica (economia colonial / economia nacional, crescimento para fora, industrialização porsubstituição de importações e industrialização extensiva / industrialização intensiva), partindo daí, João Manuel C. de Melo vai repensar a história, formação e desenvolvimento do modo de produção capitalista na América Latina. Começando com as raízes do capitalismo retardatário, onde o autor faz um paralelo entre economia colonial e economia exportadora capitalista é como ambas se desenvolveram noBrasil, usando este mesmo paralelo entre o seu ponto de vista e o da CEPAL.
 
              O autor fala que o modo de crescimento para fora causa em última possibilidade a transformação das economias da América Latina em conformidade ao “modelo primário – exportador”.
            O João Manuel C. de Melo, vê no problema central da CEPAL a problemática da industrialização nacional a partir de umponto de vista ou “situação periférica”.
            Conceituando os termos crescer para fora e o desenvolvimento para dentro, o primeiro termo designa as economias periféricas enquanto exportadoras de produtos primários em que segundo o autor não dispõe de comando sobre seu próprio crescimento, ocorrendo o contrário e ficando em estado de dependência da força da demanda ao centro. E é noperíodo de 1880 a 1914, que surge por causa da demanda de produtos primários desempenhada pelo país do centro fazendo surgir economias periféricas.
            O segundo ponto é a etapa de desenvolvimento para dentro; em que o centro dinâmico da economia se move para dentro da nação, que passa a comandar a si próprio, substituindo a variável exógena da demanda externa por uma variável endógena deinvestimento como impulsão da economia, que significa a modificação para o interior da nação os centros de decisão.
            No pensamento cepalino a industrialização seria a saída dos países da pobreza e para criação de bases econômicas.
         Um dos problemas levantados pelo autor em seu texto é o fato de que a industrialização periférica esbarra, no desequilíbrio entre as técnicas importadase a relativa fragilidade da demanda. Então para o autor, a dinâmica da economia mundial tende, a aprofundar o desenvolvimento desigual. Deste modo cria-se uma situação de “dependência externa” onde se exprime a relação centro / periferia, surgindo dessa forma vários tipos de “situações de dependência” ao longo da história latino-americana, como a dependência colonial, primário exportadora etecnológica financeiro.
            Para João Manuel, dependência e desenvolvimento representam uma chance de constituir uma nova problemática, que seriam a da “instauração de um modo de produção capitalista em formações sociais que encontram na dependência seu traço histórico peculiar”, a problemática da formação e do desenvolvimento do modo de produção capitalista na América Latina. Diante do que foiexposto partiremos agora para “raízes do capitalismo retardatário”, que de acordo com o autor, surge com o paradigma cepalino, nas últimas décadas do século XIX, uma nova etapa do processo de desenvolvimento latino americano com a constituição das economias primário – exportadoras. Esta forma de crescer caracterizada por uma clara especialização em dois setores que são o setor externo e o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Capitalismo tardio
  • Capitalismo Tardio
  • Capitalismo Tardio
  • o capitalismo tardio
  • Capitalismo Tardio
  • Resumo o Capitalismo tardio
  • O capitalismo tardio de mandel e a globalização
  • Capitalismo tardio e sociabilidade moderna

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!