Capitalismo Tardio

Páginas: 5 (1055 palavras) Publicado: 4 de maio de 2015
Capitalismo Tardio
CARDOSO DE MELLO, J.M. (1975) O Capitalismo tardio. 11 ed. São Paulo: Editora Unesp; Campinas, SP: FACAMP, 2009. Cap II, item 1 (pp. 78-99)

“ A problemática da indústria retardatária “

J.M. Cardoso de Mello defende que, apesar o modo de produção capitalista se tornar dominante na América Latina, o fato de a produção ser de caráter exportador não possibilitou a criação deforças produtivas capitalistas. Por forças produtivas capitalistas o autor entende ser uma produção determinada por um processo dinâmico de acumulação capitalista, “um processo de criação de bases materiais para o capitalismo” (p. 80) que permitam uma independência em relação às barreiras de acumulação existentes naquela estrutura técnica em que se dará a reprodução desse capital.
Para o autor, épreciso avaliar os dois determinantes da industrialização da América Latina: o primeiro é o fato de essas economias serem, num primeiro momento, “exportadoras capitalistas nacionais” e o segundo é o fato de que elas surgem num momento em que o capitalismo internacional já estar em sua fase monopolistas – critérios usados por Cardoso de Mello para definir a situação da economia da AL como umcapitalismo tardio ou retardatário.
A economia cafeeira cria as condições para a industrialização por meio da: 1) geração de uma massa de capital monetário concentrada nas mãos dos oligarcas do café; 2) transformação da força de trabalho em mercadoria; 3) criação de um mercado interno.
O capital industrial surgiu tanto diretamente do café quanto das suas atividades indiretas urbanas como o comércio eserviços de transporte. JMCM alega que o capital industrial não foi uma alternativa em tempos de crise, mas sim uma forma de escoar o capital cafeeiro em momentos de auge das exportações.
Existência de trabalhadores livres se dá pela imigração em massa para o setor cafeeiro.  Além de atrair trabalhadores, o capital cafeeiro, em momentos de auge, possibilitou a capacidade de importar alimentos, meios deprodução e bens de consumo e capitais para suprirem tanto as necessidades da mão de obra quanto do capital industrial.
Lucratividade do capital industrial foi beneficiado pelas baixas taxas de salário devido à abundância de oferta de mão de obra e pelo alto grau de proteção da produção industrial aliada às isenções de importação de máquinas e equipamentos. Mesmo com as desvalorizações cambiais eseus efeitos nas importações, a baixa densidade de capital empregado na produção de bens leves propiciava retornos compensadores.
Deste cenário só foi possível a criação de indústria de bens corrente, como a têxtil, devida a sua técnica simples e de volume de investimento inicial acessível. Como já havia apontado o autor, este foi um período marcado pelos monopólios. Devido à esta concentração datecnologia junto dos avanços da Segunda Revolução Industrial, uma indústria pesada como a siderurgia estava além da capacidade de investimento do Brasil tanto por conta da dificuldade de se obter a tecnologia no mercado internacional quanto pelo alto volume exigido para se ter essa indústria de larga escala e enormes plantas. Esse cenário mostra como a articulação entre esses dois capitais, cafeeiroe industrial, se dá por meio de “unidade e contradição”, ou seja, estimula e impõem limites ao mesmo tempo.
A unidade é compreendida por meio da dependência entre os dois capitais que se dá tanto pela capacidade de importar criada pelo mercado do café quanto pela impossibilidade de a indústria de criar seus próprios mercados. Essa mesma articulação interna mostra de que forma a indústriabrasileira se relaciona com as economias capitalistas dominantes: uma vez que a produção do café é determinada pela demanda externa, tanto será também a acumulação do capital industrial por ser dependente dos vazamentos desse setor exportador.
O período de 1888 e 1933 é declarado por JMCM como “o momento de nascimento e consolidação do capital industrial” (p. 88). O desenvolvimento do café gerou...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Capitalismo tardio
  • Capitalismo Tardio
  • Capitalismo Tardio
  • o capitalismo tardio
  • Resumo o Capitalismo tardio
  • O capitalismo tardio de mandel e a globalização
  • Capitalismo tardio e sociabilidade moderna
  • Capitalismo tardio e sociabilidade moderna

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!