PRODU O TEXTUAL

Páginas: 20 (4845 palavras) Publicado: 30 de agosto de 2015
PRODUÇÃO TEXTUAL

O Bêbado e A Equilibrista 

Elis Regina
Compositor: João Bosco & Aldir Blanc
Caía a tarde feito um viaduto
E um bêbado trajando luto
Me lembrou Carlitos...

A lua
Tal qual a dona do bordel
Pedia a cada estrela fria
Um brilho de aluguel

E nuvens!
Lá no mata-borrão do céu
Chupavam manchas torturadas
Que sufoco!
Louco!
O bêbado com chapéu-coco
Fazia irreverências mil
Pra noitedo Brasil.
Meu Brasil!...

Que sonha com a volta
Do irmão do Henfil.
Com tanta gente que partiu
Num rabo de foguete
Chora!
A nossa Pátria
Mãe gentil
Choram Marias
E Clarisses
No solo do Brasil...
Mas sei, que uma dor
Assim pungente
Não há de ser inutilmente
A esperança...
Dança na corda bamba
De sombrinha
E em cada passo
Dessa linha
Pode se machucar...
Azar!
A esperança equilibrista
Sabe que oshow
De todo artista
Tem que continuar...










1. Se a “lua” está para a “dona do bordel”, cada “estrela fria” estará para uma: _________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

2. Dentro do contexto do fragmentotranscrito, o que vem a ser o “brilho de aluguel”?_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

3. Que passagem do texto de Jorge Amado, transcrito a seguir, traduz, com grande fidelidade, a imagem “brilho de aluguel”? Retire-a do texto.

Mas já estavam atrasados para a peixada de Mestre Manuel e o jeito, daí a pouco, foi despertar Quincas. Quitéria, a negra Carmela e a gorda Margarida iriam com eles. Doralice não aceitou o convite, acabara de receber um recado dodoutor Carmino, viria naquela noite. E o doutor Carmino, eles compreendiam, pagava por mês, era uma garantia. Não podia ofendê-lo.

A Morte e a Morte de Quincas Berro DӇgua, fragmento._______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

3. “Choram Marias e Clarices
no solo do Brasil.”

Marias e Clarices são duas alusões, duas referências à vida real do “irmão do Henfil”, o sociólogo Herbert de Souza, o Betinho, intelectual-símbolo da luta contra a fome.
Ciente detais informações, justifique o uso de plural nesses nomes próprios._______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

4. Maria pode ser lida como um ser que traz em si o sentido trágico da existência humana. Afinal, seu nome traduz também o grande arquétipo (modelo pelo qual se faz uma obra material ou intelectual) feminino do Ocidente, Maria, mãe de Jesus. Que semelhança(s) há entre uma Maria e outra?__________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________
Enem 2007
Não só...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • PRODU O TEXTUAL
  • produ o textual
  • Produ O Textual
  • Produ o textual
  • Produ o Textual
  • PRODU O TEXTUAL
  • Produ O Textual
  • Produ o Textual

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!