Resenha Sobre Critica Ao Pluralismo De Bem Estar artigos e trabalhos de pesquisa

  • Pluralismo Jurídico

    Este trabalho tem o objetivo de esclarecer o Pluralismo Jurídico em 3 etapas. Aonde se entendemos que o Pluralismo Jurídico .. Palavras chaves: Pluralismo Jurídico e seus Efeitos Sociais. SUMÁRIO 1 Introdução......................................................................................1 Desenvolvimento: 2. 1° Etapa Resenha 2.1Pluralismos Jurídicos: A vida do Direito...

    1115  Palavras | 5  Páginas

  • Resenha de Direito

    Resenha Crítica O problema levantado é quem deveria participar do processo de interpretação da constituição: Uma sociedade aberta ou fechada? Todas as duas sociedades auferem seus pluralismos. Estas não possuem compatibilidade. O processo de interpretação será promovido tantos aqueles que estão inseridos na sociedade fechada ou aberta. Segundo o autor, este processo de interpretação será constituído por todos aqueles formadores que coligam os processos...

    17933  Palavras | 72  Páginas

  • pluralismo juridico - sociologia juridica

    1ª Etapa: Assistir o vídeo pluralismo jurídico - um novo paradigma http://www.youtube.com/watch?v=yrhkjaeduvm&feature=player_embedded#!) a) Resenha crítica, traçando um paralelo entre a realidade fática apresentada no vídeo e a realidade brasileira atual. R - O vídeo em questão retrata a realidade a qual vivenciamos todos os dias em nosso país: o direito presente na vida de alguns e a falta de direito na vida da grande maioria. Apesar de previstos em lei vários direitos e garantias fundamentais...

    1220  Palavras | 5  Páginas

  • Resenha do livro Pluralismo Jurídico

    Universidade Estadual do Piauí (UESPI) Campus Clóvis Moura Coordenação do Curso de Direito RESENHA CRÍTICA DO LIVRO PLURALISMO JURÍDICO Teresina, 2013. WOLKMER, Antônio Carlos. Pluralismo Jurídico. 2. Ed. São Paulo: Alfa-Omega. 1997. O pluralismo jurídico é toda forma de poder político paralelo ao Estado. Ele nasce a partir do momento que as presentes instituições ou aparato de modelo institucional não conseguem suprir...

    2628  Palavras | 11  Páginas

  • resenha crítica do direito fundamental de ser bem informado pelos meios de comunicação

    RESENHA CRÍTICA: DIREITO FUNDAMENTAL DE SER BEM IMPRESSIONADO PELOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO INTRODUÇÃO O autor, na introdução do tema trabalhado observa que os meios de comunicação, com ênfase na televisão e no rádio, tem negligenciado no que toca a oferta de cultura ao povo brasileiro. E percebe de imediato a colisão entre três direitos fundamentais, são eles: a liberdade de expressão e de pensamento, o direito à informação, frisa-se esta na modalidade de qualidade, e o direito à cultura como...

    3091  Palavras | 13  Páginas

  • Resenha descritiva

    Revista Direito & Dialogicidade 1 RESENHA DESCRITIVA José Patrício Pereira Melo1 Obra Resenhada: INTRODUÇÃO AO PENSAMENTO JURÍDICO CRÍTICO Autor: Dr. Antonio Carlos Wolkmer Local da Publicação: São Paulo Editora: Saraiva Data: Janeiro de 2010 Edição: 6.a. edição Tamanho: 270 p Introdução Como o título sugere: INTRODUÇÃO AO PENSAMENTO JURÍDICO CRÍTICO, o ponto central é uma crítica ao estudo e teorias tradicionais do Direito, ao modelo dogmático de dizer o direito. É ao mesmo tempo, um...

    5961  Palavras | 24  Páginas

  • RESENHA CRITICA: Considerações sobre Métodos e Técnicas em Geografia Humana.

    ALTAMIRA FACULDADE DE GEOGRAFIA LUCAS PABLO MARTINS MONTEIRO MARKELLE SANTANA DIAS WANDERSON LIMA SOUSA RESENHA CRITICA: Considerações sobre Métodos e Técnicas em Geografia Humana. ALTAMIRA – PARÁ ABRIL 2014 DIALOGUS, Ribeirão Preto, v.4,n.1,2008 RESENHA CRITICA: Considerações sobre Métodos e Técnicas em Geografia Humana Trabalho apresentado à Faculdade de Geografia da UFPA...

    659  Palavras | 3  Páginas

  • Resenha Critica - Geografia Humana

    ALTAMIRA FACULDADE DE GEOGRAFIA LUCAS PABLO MARTINS MONTEIRO MARKELLE SANTANA DIAS WANDERSON LIMA SOUSA RESENHA CRITICA: Considerações sobre Métodos e Técnicas em Geografia Humana. ALTAMIRA – PARÁ ABRIL 2014 DIALOGUS, Ribeirão Preto, v.4,n.1,2008 RESENHA CRITICA: Considerações sobre Métodos e Técnicas em Geografia Humana Trabalho apresentado à Faculdade de Geografia da UFPA...

    659  Palavras | 3  Páginas

  • Resenha Crítica - Direito Constitucional, Alexandre de Moraes

    Magno, Mauro E. Ribeiro, Antônio Cassiano Direito constitucional, 30.ª ED. Resenha apresentada para a disciplina Metodologia Cientifica, no curso de Bacharelado em Direito, do Centro Universitário de Belo Horizonte – UNIBH Prof. Ana Sofia Belo Horizonte/ MG 2015 RESENHA MORAES, Alexandre de. Direito Constitucional, 30.ª ed. São Paulo, Editora Atlas, 2014. 946p*. Sobre a Constituição da República Federativa do Brasil promulgada em 1988, de acordo com o preâmbulo...

    1153  Palavras | 5  Páginas

  • Pluralismo Juridico

    RESENHA CRÍTICA PLURALISMO JURÍDICO – UM NOVO PARADIGMA “PLURALISMO JURÍDICO – UM NOVO PARADIGMA” Vídeo veiculado no canal You Tube: http://www.youtube.com/watch?v=yrHkJaEduVM A pluralidade do Direito, nada mais é, do que um conjunto de leis e costumes específicos de determinado grupo social. É uma realidade no mundo atual, já que há uma grande desigualdade entre todos nós. O direito estatal não supre todas as necessidades humanas, por isso, são criados outros direitos...

    663  Palavras | 3  Páginas

  • Resenha

    EDUARDO KENEDY SITE: www.eduardokenedy.net EXEMPLOS DE RESENHAS LEITE, Yonne & CALLOU, Dinah. Como falam os brasileiros. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, Série Descobrindo o Brasil, 2002. Resenhado por Luciene Bassols Brisolara (Universidade Católica de Pelotas) Como falam os brasileiros, de Yonne Leite e Dinah Callou, tem por objetivo discutir a questão da variação lingüística. O livro se inicia com uma introdução geral sobre a linguagem, sua função sócio-comunicativa e os diversos...

    4594  Palavras | 19  Páginas

  • “Pluralismo: dimensões teóricas e políticas”

    Resenha crítica do texto, “Pluralismo: dimensões teóricas e políticas”, de Carlos Nelson Coutinho (1995). O texto apresenta o conceito de pluralismo onde Coutinho (1995) em suas palavras afirma: “é sinônimo de abertura para o diferente, de respeito pela posição alheia, considerando que essa posição, ao nos advertir para os nossos erros e limites, e ao fornecer sugestões, é necessária ao próprio desenvolvimento de nossa posição e de modo geral, da ciência”. Em outras palavras, a combinação de uma...

    8524  Palavras | 35  Páginas

  • Resenha Boaventura de Souza Santos

    Paulo, 1996, 253-277. RESENHA A geografia, que é a ciência do espaço, testemunha bem esta transformação intelectual e cultural. Enquanto na década de setenta a geografia tendera a reduzir o espaço às relações sociais ocorrendo no espaço e, por isso, quase perdera o seu próprio espaço cientifico no seio das restantes ciências sociais, sobretudo da sociologia e da economia, nos últimos anos voltou a recuperar a dimensão espacial para investigar a sua eficácia especifica sobre as relações sociais. ...

    4838  Palavras | 20  Páginas

  • Do positivismo juridico a critica social

    INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO ATIVIDADE DE CLASSE - Resenha do Texto: DO POSITIVISMO JURÍDICO À TEORIA CRÍTICA DO DIREITO (Mayra de Souza Scremin) Após o período medieval, onde a fé e os dogmas sustentavam as relações da sociedade, com a chegada do iluminismo houve a troca do embasamento da fé pela razão. A mudança pode ser percebida nas ciências naturais, exatas e humanas. O indivíduo passa a ser sujeito de direito, referência na política e sociedade. O positivismo jurídico é colocado...

    687  Palavras | 3  Páginas

  • Resenha critica

    Resenha Crítica do Livro: Justiça “O que é fazer a coisa certa” de Michael Sandel O presente trabalho tem como intuito realizar uma breve análise do livro Justiça “O que é fazer a coisa certa” de Michael J. Sandel relacionando os elementos do texto lido com outros textos, autores e idéias sobre o tema em questão. A obra tem a função de relacionar grandes teorias filosóficas às questões jurídicas, políticas, morais e sociais cotidianas. Sendo ela um ensaio de um dos períodos do curso “JUSTICE”...

    2620  Palavras | 11  Páginas

  • RESENHA - RELAÇÃO ENTRE POLICIAMENTO PÚBLICO E PRIVADO

    RESENHA: “A relação entre policiamento público e privado” por Salustiano Rodrigues Freire Filho* SHEARING, C.D. “A relação entre policiamento público e privado”. In: TONRY, M. & MORRIS, N. (orgs.), Policiamento Moderno. São Paulo: Ed. USP, 2001 (cap. 7). Cliford D. Shearing estruturou sua argumentação sobre a relação entre policiamento público e privado sistemática e logicamente em quatro seções no artigo de título em epígrafe, a saber: Seção I tratando de forma sucinta do policiamento no...

    981  Palavras | 4  Páginas

  • Resenha crítica - cama de cimento

    ALUNA: BIANCA DOS SANTOS ZAMORA CAMA DE CIMENTO – RESENHA CRÍTICA “Tão próximos e tão visíveis – mas ao mesmo tempo, tão distantes e tão invisíveis”, é com tal asserção que Gilberto Dimenstein instaura o livro Cama de Cimento. Proferindo sobre a obra de Tomás Chiaverini, Dimenstein explica o objetivo do autor: “Tomás Chiaverini não se propôs, neste livro, a fazer teses ou dissertações acadêmicas. Não buscou explicações nem, muito menos, soluções” (DIMENSTEIN, Gilberto) Trata-se de uma obra...

    2176  Palavras | 9  Páginas

  • Resenha Ana Lúcia Sabadell

    Resenha Crítica sobre o texto “Manual de Sociologia Jurídica – Introdução a uma leitura externa do direito” (Ana Lúcia Sabadell) Na obra, Ana Lúcia Sabadell expõe que a sociologia jurídica atua na análise do processo de criação do direito bem como na sua aplicação na sociedade; distinguindo-a ainda do campo de atuação do operador do direito. Para a autora um sociólogo deve se posicionar em um debate realizando um estudo por etapas, que compreendem uma pesquisa empírica e também uma análise da...

    2226  Palavras | 9  Páginas

  • Pluralismo de bem estar social na familia

    retração do Estado na provisão de bens e serviços sociais básicos, formação do pluralismo de bem estar e a especificação do lugar da família neste contexto. Segundo a autora o entendimento de pluralismo de bem estar deve perpassar pelo viés do Estado assumir o papel de agente na garantia de direitos, em prol da cidadania social. Desde a crise mundial do capitalismo ocorrida na década de 1970, a família vem sendo redescoberta enquanto fonte privada de bem-estar. Em decorrência disso, tornou-se parte...

    1057  Palavras | 5  Páginas

  • Pluralismo metodologico

    Pluralismo Metodológico: Falso Caminho. * Resenha Critica Segundo o texto de Ivo Tonet, pode-se analisar que a sociedade vive momentos de insatisfação e perplexidade diante das mudanças nela ocorrida. A mesma vem se modificando a cada segundo, trazendo novas questões a serem respondidas. De umas décadas pra cá, pode-se observar que as ciências sociais junto com os estudos dos cientistas, já não respondem mais a tais especulações que a sociedade vem a se questionar. Essas certezas que eram...

    1159  Palavras | 5  Páginas

  • Resenha Teoria das RI

    RELAÇÕES INTERNACIONAIS AULA 6: FIM DAS TEORIAS DAS RI? Arthur Pinheiro de Azevedo Banzatto Matrícula 14/0013377 Brasília, abril de 2014 RESENHA CRÍTICA De maneira geral, todos os textos desta aula abordam, de alguma forma, a questão das teorias de Relações Internacionais enquanto objeto de estudo em si, tratando a respeito da origem das teorias, sua importância, os tipos de teoria e seus...

    2162  Palavras | 9  Páginas

  • Fichamento do texto: Pereira-Pereira, P.A. Mudanças estruturais, política social e papel da família: crítica ao pluralismo de bem-estar.

    Social Isabelle Barbosa da Silva Fichamento do texto: Pereira-Pereira, P.A. Mudanças estruturais, política social e papel da família: crítica ao pluralismo de bem-estar. Rio das Ostras 2013 Isabelle Barbosa da Silva Fichamento do texto: Pereira-Pereira, P.A. Mudanças estruturais, política social e papel da família: crítica ao pluralismo de bem-estar. Análise apresentada ao curso de Serviço Social da Universidade Federal Fluminense, como requisito avaliativo do 5º período da disciplina...

    3217  Palavras | 13  Páginas

  • RESENHA DA OBRA OS ARGONAUTAS DA CIDADANIA

    RESENHA DA OBRA OS ARGONAUTAS DA CIDADANIA RESENHA DA OBRA “OS ARGONAUTAS DA CIDADANIA A obra “Os argonautas da cidadania” representa os diversos atores e estruturas da sociedade civil impondo contradição a ideia de uma globalização crescente ao longo do tempo e propondo novas formas de democracia e cidadania. Na primeira parte do livro, o autor faz uma reflexão crítica sobre teorias clássicas que tratam do conceito de cidadania e sociedade civil retratando também o contexto...

    1615  Palavras | 7  Páginas

  • Resenha Pasargada

    UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE DE DIREITO INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO 1. Aluna: Aline Ribeiro Silva Resenha do texto: SANTOS, Boaventura. Notas sobre a história juridico-social de Pasárgada. A uma análise jurídico-social a cerca das estruturas de uma favela fictícia chamada de Pasárgada representa bem a realidade social do Brasil no contexto de formação de suas estruturas jurídicas internas. Por meio de um estudo minucioso a respeito da história jurídicosocial de Pasárgada se...

    1538  Palavras | 7  Páginas

  • Resenha do Livro Justiça

    Resenha do Livro: Justiça “O que é fazer a coisa certa” de Michael J. Sandel à luz da ideologia comunitarista1 André Maluf2 Sumário: 1. Introdução; 2. Comunitarismo e liberalismo; 3. A visão comunitarista de Sandel sobre as três concepções de justiça; 4. Objeções à equidade de Rawls à luz da ideologia comunitarista; 5. Algumas propostas comunitaristas de Sandel; 6. Impressões acerca do pensamento de Sandel em relação à equidade rawlsiana; 7. Reflexões sobre as propostas ...

    5271  Palavras | 22  Páginas

  • Pluralismo juridico

    Um estudo sobre a relação entre a teoria jurídica crítica e o pluralismo jurídicoElaborado em 10.2005. Renato Toller BrayRESUMOPretende-se com este trabalho desenvolver um estudo sobre a Teoria Crítica no Direito e sua relação com o Pluralismo Jurídico enquanto novo paradigma para o modelo jurídico brasileiro. Palavras-chave: TEORIA JURÍDICA CRÍTICAPLURALISMO JURÍDICO – MONISMO JURÍDICO – DIREITO OFICIAL – DIREITO NÃO OFICIAL – VALIDADE – LEGITIMIDADE – ORDENS JURÍDICAS – DOUTRINAS PLURALISTAS...

    4917  Palavras | 20  Páginas

  • Resenha: Teoria da Decisão Judicial - Ricardo Lorenzetti

    Lorentino Graduando: Agnelo Rocha Nogueira Soares RESENHA CRÍTICA DA OBRA RESENHADA LORENZETTI, Ricardo Luis. Teoria da Decisão Judicial: fundamentos de direito. Tradução: Bruno Miragem; Notas da tradução: Claudia Lima Marques. 2 ed. rev. e atual. São Paulo:Editora Revista dos Tribunais, 2010. SOBRE O AUTOR Ricardo Luis Lorenzetti é um magistrado argentino, graduado na Universidad Nacional del Litoral, considerado pela crítica como um dos maiores juristas latino-americanos da atualidade...

    3260  Palavras | 14  Páginas

  • Pluralismo Juridico

    Pluralismo jurídico: novo paradigma de legitimação Antonio Carlos Wolkmer Sumário: Introdução. 1. Crise do Direito e Novos Paradigmas. 2. Problematização da Teoria Crítica. 3. O Pluralismo como Novo Modelo de Referência. 4. Pluralismo Jurídi-co: legitimidade a partir de Sujeitos Emergentes e de suas Necessidades. INTRODUÇÃO O artigo em questão compreenderá algumas reflexões teóricas acerca da crise da cultura jurídica tradicional e das possibilidades de se redefinir uma proposta mais...

    3265  Palavras | 14  Páginas

  • Resenha do livro Mitologias Jurídicas da Modernidade

     Resenha da obra Mitologias Jurídicas da modernidade de autoria de Paolo Grossi Referência Bibliográfica da obra resenhada: Grossi, Paolo. Mitologias jurídicas da modernidade. 2º edição. revisada e atualizada / Paolo Grossi, tradução de Arno Dal Ri Júnior – Florianópolis. Editora Fundação Boiteux, 2007. 160 páginas. Sobre o autor: Paolo Grossi nasceu em Florença em 1933, é professor titular de História do Direito na Universidade de Florença, na Itália, é acadêmico dos Lincei e doutor honoris...

    3520  Palavras | 15  Páginas

  • Resenha: Os partidos politicos

    RAMOS, Elival da Silva. O Delineamento do Estatuto dos Partidos Políticos na Jurisprudência do Supremo Tribunal Federal. São Paulo: Atlas, 2008. p.54-72 DUVERGER, Maurice. Os Partidos Políticos. Rio de Janeiro: Zahar. p.13-33 Resenha: Os Partidos Políticos O Delineamento do Estatuto dos Partidos Políticos na Jurisprudência do Supremo Tribunal Federal. 1. A democracia pelos partidos na Constituição Federal de 1988. atribuição do monopólio das candidaturas a qualquer cargo...

    2034  Palavras | 9  Páginas

  • pluralismo jurídico

    1 Pluralismo jurídico e Direito Alternativo no Brasil Luciano Oliveira INTRODUÇÃO Para falar de pluralismo jurídico, antes de tudo, é preciso de cautela. O assunto guarda consigo questões sérias como a ausência do Estado, o fortalecimento de organizações criminosas, o multiculturalismo nacional, o abandono aos direitos fundamentais, dentre outras. De tal modo que iniciar ou finalizar este trabalho com afirmações categóricas, irredutíveis e fatalistas é ignorante e desonesto com os múltiplos...

    4062  Palavras | 17  Páginas

  • Para Uma Revolução Democrática da Justiça Resenha Crítica

    ALBUQUERQUE Para uma Revolução Democrática da Justiça Resenha crítica Trabalho do curso de graduação apresentado no curso de Direito, na Universidade Federal de Sergipe - UFS, Sociologia Jurídica, Campus São Cristóvão. Orientador: Prof. José Afonso. Aracaju-SE 1. PREFÁCIO E INTRODUÇÃO Em seu prefácio e introdução, Boaventura começa por elencar os fatos que o levaram a escrever esta obra que para ele retrará sua teoria crítica do direito, visando um direito e justiça mais democráticos...

    3298  Palavras | 14  Páginas

  • PLURALISMO x ECLETISMO = DEMOCRACIA

    PLURALISMO x ECLETISMO = DEMOCRACIA RESENHA CRÍTICA Por Carlos Nelson Coutinho Coutinho, Carlos Nelson: Dimensões Teóricas e Politicas. Caderno ABSS 1. Apresentação: A partir da leitura de textos publicados por Carlos Nelson Coutinho, bem como de pesquisas realizadas em outras fontes, iremos mostrarl a evolução da sociedade, partindo dos princípios da formação das organizações mais rudimentares na Grécia antiga – berço da democracia - até os modelos atuais, culminando com o...

    5108  Palavras | 21  Páginas

  • Resenha - "religião popular, uma resposta cristã as crenças e práticas populares"

    CENTRO EVANGÉLICO DE MISSÕES MESTRADO EM MISSIOLOGIA EDILSON RIBEIRO GOMES FILHO RESENHA DO LIVRO: RELIGIÃO POPULAR: uma resposta cristã às crenças e práticas populares. Viçosa 2011 EDILSON RIBEIRO GOMES FILHO RESENHA DO LIVRO: RELIGIÃO POPULAR: uma resposta cristã às crenças e práticas populares. Trabalho apresentado à disciplina Fenomenologia da Religião, como parte dos requisitos obrigatórios do Programa de Pós-graduação em Missiologia do Centro...

    4771  Palavras | 20  Páginas

  • MARXISMO PLURALISMO

    MARXISMO, PLURALISMO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL DO ASSISTENTE SOCIAL Maria das Graças Miranda Ferreira da Silva* O presente artigo tem uma conotação crítica em torno de três categorias centrais: o marxismo, o pluralismo epistemológico e a formação profissional do assistente social. Contudo, outras categorias mediam a reflexão, articulando e dando sentido a toda a discussão. Essas categorias complementares são: a totalidade dialética, o ecletismo – enquanto contraposto ao pluralismo -, a crise dos paradigmas...

    2709  Palavras | 11  Páginas

  • Resenha critica cap31

    RESENHA CRÍTICA CAPÍTULO 31‏ EVOLU ÇÃO DO DIREITO POSITIVO Os juízes nos primeiros tempos eram os sacerdotes pois eram guardados com eles segredos as regras jurídicas .nesse tempo não existiam códigos ou leis.o direito tornou –se o conjunto de decisões judiciais,casuísticos,mantido ainda em segredo,surgindo o costume jurídico.Em algumas comunidades a indiscrição tornou-se publica .Então das sentenças surgiu a lei .A medida que as relações jurídicas multiplicaram-se tornou incertos os costumes...

    1481  Palavras | 6  Páginas

  • Pluralismo e monismo jurídico na evolução do direito português

    Licenciatura em Direito Pós- Laboral Pluralismo e monismo Jurídico na evolução do Direito Português Docente: Mestre Pedro Silva Pereira Aluna: Susana...

    3007  Palavras | 13  Páginas

  • Pluralismo jurídico

     Introdução Esse trabalho busca decodificar as significações do pluralismo juridíco e refletir sobre suas manifestações no âmbito social. Fundamenta-se nos estudos realizados por Antonio Carlos Wolkmer (2001), a fim de salientar que o direito emerge da sociedade. Por Roberto Lyra Filho (1995) para trazer a crítica do direito positivado. Roberto Aguiar quando nos fala que o direito nasce das contradições e dos conflitos. O sociólogo Português, Boaventura de Souza Santos. Para...

    4707  Palavras | 19  Páginas

  • Resenha: a cidadania e o art 5° da cf de 88

    Resenha A Cidadania e o artigo 5° da Constituição de 1988 Luana Caroline da Silva O autor do artigo “A cidadania e o artigo 5° da Constituição de 1988”, na qual se baseia minha resenha, se chama André Koerner. Koerner é graduado em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (1987), possui mestrado em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (1992) e doutorado em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (1998). Atualmente é professor doutor da Universidade Estadual de Campinas...

    3154  Palavras | 13  Páginas

  • Resenha - o que é universidade - wanderley, luiz eduardo w.

    RESENHA CRÍTICA WANDERLEY, Luiz Eduardo W. O que é universidade. 9 ed. São Paulo. Brasiliense, 2003. 1 CREDENCIAIS DO AUTOR Luiz Eduardo Waldemarin Wanderley é Doutor em Ciências Sociais (Sociologia) pela FFLCH da USP, Livre Docente em Sociologia da Educação, USP, 1993 e Pós-Doutor pela École des Hautes Études en Sciences Sociales, Paris (1995-96). É Professor do Departamento de Sociologia da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo desde 1973 e Professor no EDF da Faculdade de Educação...

    2950  Palavras | 12  Páginas

  • Pluralismo juridico

    PLURALISMO JURÍDICO Áderson de Souza Prado 1 RESUMO O pluralismo jurídico é composto pela diversidade de normas que vigem em uma determinada sociedade de forma simultânea, sendo considerada como questão social e em partes como antagonismo ao monismo jurídico, que é o monopólio das normas jurídicas exercidas pelo Estado. O pluralismo jurídico é composto de fatos que o identifica, seja do ponto de seu surgimento e manutenção, como também é composto de diversas teorias, levando-se em...

    3890  Palavras | 16  Páginas

  • Resenha

    Resenha Passo a passo: 1-Apresentação geral da obra, do título, do autor e do tema global, esses itens aparecem, normalmente, explicitados logo no início, no topo do texto e, geralmente, são retomados no primeiro parágrafo; (isso é como se fosse uma introdução e escreve-se em itálico logo no início, antes do 1º parágrafo) 2-A apresentação do tema global da obra normalmente inicia por segmentos como: “Neste livro, ele propõe....”; e estrutura-se da seguinte forma: descrição global da estrutura...

    1603  Palavras | 7  Páginas

  • Resenha do livro: as teorias da justiça depois de rawls

    para determinar qual desses princípios deverá ser usado em caso de dúvida. Rawls faz críticas justamente a essa incapacidades do intucionismo de propor um sistema de regras capaz de hierarquizar nossas instituições, no caso de haver algum conflito sobre qual teoria da justiça deve ser aplicada. Com relação ao utilitarismo, que em sua teoria defende que a melhor opção é sempre a que mais contribua para o bem-estar geral. De acordo com esta teoria, se uma acção maximiza a felicidade, não importa se...

    2424  Palavras | 10  Páginas

  • o fundamentalismo em tempos de pluralismo religioso

    O fundamentalismo em tempos de pluralismo religioso Faustino Teixeira PPCIR/UFJF Resumo: O texto busca apresentar algumas razões que explicam a emergência do fundamentalismo em tempos de globalização e pluralismo religioso. Depois de uma breve caracterização da globalização e da emergência de uma “ordem social pós-tradicional”, busca-se situar o fenômeno do fundamentalismo como uma reação à contaminação cognitiva que acompanha o pluralismo, e em particular ao clima de incerteza...

    8466  Palavras | 34  Páginas

  • Resenha quase deuses

    Universidade Católica de Brasília Anna Cristhina Holliman Rocha Santana Albernaz RESENHA DO FILME “QUASE DEUSES” Brasília, DF 2012 Filme: Quase Deuses Duração: 110 min. Diretor: Joseph Sargent ...

    1415  Palavras | 6  Páginas

  • resenha

     Resenha Resenhista: Mara Adir Müller dos Santos mulherrodrigues@hotmail.com Santa Maria, RS. NETTO, José Paulo.O Movimento de Reconceituação 40 anos depois. Revista Serviço Social & Caridade, nº 84, ANO XXVI, novembro 2005. Neste texto, José Paulo Netto, Professor e vice-diretor da Escola de Serviço Social da UFRJ, Doutor em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) com a tese “Autocracia...

    1660  Palavras | 7  Páginas

  • Resenha - magalhães, antônio e portela, rodrigo. expressões do sagrado.

    Resenha – Dionivaldo Pires MAGALHÃES, Antônio e PORTELA, Rodrigo. Expressões do Sagrado. Reflexoes sobre o fenômeno Religioso. Editora Santuário. 2008. 172 p. O aprofundamento no tema possibilitará que vejamos a nós mesmos dentro de um contexto muito maior que nos fará compreender os significados das religiões na vida humana e social. Assim, apresenta-se Expressões do Sagrado - Reflexões sobre o fenômeno religioso, o primeiro volume da coleção Cultura e Religião. Nessa obra, os autores Antônio...

    4011  Palavras | 17  Páginas

  • resenha do código de Hamurabi

    RESENHA DO CÓDIGO DE HAMURABI Sumário: 1. Introdução; 2. Breve histórico sobre os direitos humanos; 3. Alguns aspectos sobre o Código de Hamurabi; 3.1 Histórico; 3.2 Legislações Posteriores ao Código de Hamurabi; 3.3 Aspectos Comuns sobre o Código de Hamurabi; 3.4 Divisão do Código de Hamurabi; 4. Sociedade vista através do Código de Hamurabi; 5. Conclusão. 1. Introdução: O presente trabalho busca mostrar o Código de Hamurabi comparado...

    9358  Palavras | 38  Páginas

  • Resenhas

    | Objetivo: Proporcionar ao aluno a reflexão crítica acerca das questões sociais e suas expressões, trazendo a oportunidade de exercitar o senso crítico a partir de elementos apresentados ao longo do semestre pelas disciplinas trabalhadas. Estimular a escrita e análise crítica. Orientação: Para realização deste trabalho o aluno terá que se utilizar dos textos e outros materiais indicados, bem como estar atento as orientações disponibilizadas, produzindo um TRABALHO ACADÊMICO...

    1971  Palavras | 8  Páginas

  • RESENHA JU

    TIPOS DE RESENHA Até agora eu falei sobre as resenhas de uma forma geral e livre e esses dados são suficientes para você já esboçar alguns parágrafos. Contudo, as resenhas apresentam algumas divisões que vale destacar. A mais conhecida delas é a resenha acadêmica ou universitária, que apresenta moldes bastante rígidos, responsáveis pela padronização dos textos científicos. Ela, por sua vez, também se subdivide em resenha críticaresenha descritiva resenha temática. Na resenha acadêmica crítica, os oito...

    2051  Palavras | 9  Páginas

  • Resenha Uma Teoria da Justiça – John Rawls

    Resenha: Uma Teoria da Justiça – John Rawls Quem defende concepções distintas de justiça pode, então, concordar que as instituições são justas quando não se fazem distinções arbitrarias entre pessoas nas atribuições dos direitos e dos deveres fundamentais, e quando as leis definem um equilíbrio apropriado entre as reivindicações das vantagens da vida social que sejam conflitantes entre si. John Rawls Em Uma Teoria da Justiça, Rawls retoma a ideia de contrato no mundo plural, complexo, tensionado...

    996  Palavras | 4  Páginas

  • Resenha

    APS – RESENHA Trabalho acadêmico apresentado para composição da nota de Atividades Práticas Supervisionadas, referente ao segundo semestre, do curso de Direito da UNIP. SÃO PAULO 2011 SUMÁRIO INTRODUÇÃO.......................................................................................................... 3 QUE É RESENHA?.................................................................................................. 4 COMPOSIÇÃO DA RESENHA.......

    1073  Palavras | 5  Páginas

  • Monismo E Pluralismo Jur Dico

     Monismo e Pluralismo Jurídico O Estado e a Sociedade Professora: Beatriz Disciplina: Sociologia Jurídica e Judiciária ALUNO Marcello dos Santos Viana Turma: 2º periodo Curso de Direito Neste trabalho vamos analisar as questões que envolvem as teorias sobre o monismo e o pluralismo jurídico e seus efeitos na sociedade Introdução Particularmente...

    1632  Palavras | 7  Páginas

  • Como fazer uma resenha

    RESENHA: COMO FAZER A resenha que será abordada aqui é a resenha acadêmica, mas nada impede que possa ser usada em diferentes contextos. Tudo vai do bom-senso. Pois bem. A resenha é a apresentação do conteúdo de uma obra, acompanhada de uma avaliação crítica. Existem dois tipos de resenha acadêmica: a) resenha crítica – geralmente a mais pedida pelos professores; b) resenha temática. Resenha crítica: Podemos dizer que a resenha crítica é constituída por seis passos: 1) identificação da obra...

    507  Palavras | 3  Páginas

  • Pluralismo Juridico

    discutir os vários questionamentos sobre Pluralismo Jurídico. Veremos o que vem a ser Pluralismo Jurídico, sendo observado que o mesmo é resultado ineficiente do monismo jurídico, ou seja, a ineficiência das normas jurídicas do Estado aos cidadãos. As diversidades de concepções do que é certo ou errado é enorme, e até mesmo infinita. Por isso então a grande discussão de que não se deve limitar a um pensamento limitado a regras, práticas e princípios. O pluralismo jurídico, apesar de ser uma alternativa...

    1493  Palavras | 6  Páginas

  • Resenha critica

    Resenha crítica Resenha crítica é uma descrição que faculta o exame e o julgamento de um trabalho (teatro, cinema, obra literária, experiência científica, tarefa manual, etc). A apreciação necessita ser elaborada de maneira impessoal, sem demonstração satírica ou cômica. Contém posicionamentos de ordem técnica diante do objeto de análise, seguidos de um resumo do conteúdo e possível demonstração de sua importância. Resenha Crítica é a apresentação do conteúdo de uma obra, acompanhada de uma avaliação...

    3981  Palavras | 16  Páginas

  • Pluralismo religioso

    Disciplina: Teologia das Religiões - Prof. Roberlei Panasiewicz RESENHA PANASIEWICZ, Roberlei. A negação da hermenêutica: o fundamentalismo. In: Pluralismo religioso contemporâneo: diálogo inter-religioso na teologia de Claude Geffré. 2007. São Paulo, Edições Paulinas; Belo Horizonte, Editora PUC Minas. - (Coleção Estudo da Religião). P. 51 – 73. Em seu livro, Pluralismo religioso contemporâneo: diálogo inter-religioso na teologia de Claude Geffré, o autor Roberlei...

    878  Palavras | 4  Páginas

  • Elementos da resenha crítica

    ELEMENTOS DA RESENHA CRÍTICA ALGUMAS OBSERVAÇÕES SOBRE COMO FAZER RESENHA Resenha é um trabalho de síntese que revistas e jornais científicos publicam geralmente logo após a edição de uma obra, com o objetivo de divulgá-la. Não se trata de um simples resumo. O resumo deve se limitar ao conteúdo do trabalho, sem qualquer julgamento de valor. Já a resenha vai além, resume a obra e faz uma avaliação sobre ela, apresentando suas linhas básicas, deve avaliá-la, mostrando seus pontos...

    864  Palavras | 4  Páginas

  • Resenha Crítica

    RESENHA (do latim: “resignare”: relatar minuciosamente) Resenha ou recensão constitui trabalho de síntese, análise resumida e arrolamento de produções científicas. I - As resenhas podem ser: 1. Descritivas: apresentadas sem nenhum julgamento ou apreciação do resenhador; 2. Críticas: formulam julgamento sobre o texto, contendo apreciações, notas e correlações estabelecidas pelo juízo crítico de quem a elaborou. II - Para fazer uma resenha crítica recomenda-se seguir os seguintes...

    1468  Palavras | 6  Páginas

  • Como fazer uma resenha

    solicitados são o resumo e a resenha. Você já conhece o resumo, não é? Sabe produzi-lo? Qualquer que seja sua resposta, optamos por esclarecer, agora, como redigir resenhas com a intenção de que daqui em diante o receio de produzir o referido gênero seja substituído por determinação e vontade de aprender. Para tanto, apresentamos, também, orientações de como efetuar o referido gênero. ORIENTAÇÕES PARA REDIGIR RESENHAS Segundo Azevedo (1996: 31), resenha é a apreciação crítica entre determinada obra...

    2704  Palavras | 11  Páginas

tracking img