A importancia da fitoterapia no sus

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5320 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
REVISTA EFICAZ – Revista científica online z ISSN 2178-0552
Email: submissaorevista@faculdadeeficaz.com.br

IMPORTÂNCIA E DESAFIOS NA IMPLANTAÇÃO DA FITOTERAPIA NO SUS
LUCIANO, Renildo Nunes1
RESUMO: Atualmente com a validação científica das propriedades farmacológicas das
plantas medicinais e das drogas de origem vegetal, diversos fatores contribuíram para
expansão da Fitoterapia, deve-seaos efeitos terapêuticos e a preferência dos consumidores
pelo tratamento natural, representando um tipo de tratamento mais acessível à população e
eficaz na cura e prevenção de doenças. Com isso, o tratamento a base de fitoterápico está
sendo incluído nas ações do Ministério da Saúde por intermédio de políticas voltadas à
implantações de Plantas Medicinais e Fitoterápicos no Sistema Único deSaúde (SUS). O
presente artigo tem como objetivo verificar a importância da implantação da Política
Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos no SUS, relatando exemplos de programas
implantados e que obtiveram grandes sucessos servindo de referência para todo Brasil. No
desenvolvimento das pesquisas foi realizado a metodologia bibliográfica no tocante das
Políticas Nacionais de PráticasIntegrativas e Complementares no SUS, com o objetivo de
identificar as questões burocráticas e administrativas no sistema de implementação e
implantação da Fitoterapia no SUS. Os resultados mostraram que o Ministério da Saúde
fomenta recurso para financiamento de alguns fitoterápicos. Porém, existe várias
implicações que impedem a implementação deste programa, tais como a falta de interessee/ou conhecimentos dos gestores municipais, bem como os desafios para se obter um
produto fitoterápico de qualidade no SUS observando os critérios exigidos pela Agência
Nacional de Vigilância Sanitária ANVISA.
PALAVRA-CHAVE: Políticas públicas, Fitoterápicos, Sistema único de Saúde.
ABSTRACT: Currently with the scientific validation of the pharmacological properties of
medicinal plants anddrugs of plant origin, several factors have contributed to expansion of
Phytotherapy, is due to the therapeutic effects and consumer preference by natural
treatment, representing a type of treatment more accessible to the population and effective in
curing and prevention of diseases. With this the phytotherapeutic treatment is being included
in the actions of the Ministry of health, throughpolicies geared to the deployment of edicinal
plants and Herbs in SUS. The article aims to verify the importance of the implementation of
the national policy of medicinal plants and Herbs in Sistema Único de Saúde - SUS,
reporting examples of programs that have been deployed and have achieved great
successes reference serving for all Brazil. Research on the development of the methodology
was heldregarding bibliographic practices of national policies and complementary
Integrativas SUS, with the goal of identifying the bureaucratic and administrative issues in
system implementation and deployment of phytotherapy in SUS. The results showed that the
Ministry of health promotes resource for funding of some herbal medicines. However, there
are several implications that impede theimplementation of this programme, such as lack of
interest and/or knowledge of municipal managers, as well as the challenges to achieve a
product quality in SUS phytotherapeutic observing the criteria required by the Agencia
Nacional de Vigilância Sanitária, ANVISA.
KEYWORD: Public policies, herbal medicines, health system.

Pós-Graduado em Fitoterapia no Contexto Multidisciplinar – Faculdade Eficazde Maringá/PR.
Graduado em Tecnologia de Análise e Desenvolvimento de Sistema – UNITINS. Profissão de
Terapeuta Holístico com o Curso de Ciência Tradicionais Alternativa em Saúde e Terapias Naturais –
Pela Faculdade de Ciências Integradas de Rondônia - FACIR

1

Av. João Paulino Vieira Filho, 729, Novo Centro – Maringá/PR, Cep: 87020-015 – Tel. 3029-9094

REVISTA EFICAZ – Revista...
tracking img