A hora da latrina

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 31 (7545 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de março de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PREFÁCIO

Este livro trata das coisas simples, consideradas banais, de descobrir toda a força, a mágica, até mesmo o espiritual contido nelas, porque é com estas coisas que convivemos muitas vezes a maior parte do nosso dia e infelizmente por achá-las tão rotineiras, mecânicas, ou tolas, não prestamos a devida atenção, visto que tudo nesta vida é mutável, o mesmo caminho percorrido por tantasvezes hoje já traz novidades que ontem não existiram: é uma flor, ou flores novas que desabrocharam ao longo do caminho, uma nova placa de publicidade que surgiu na esquina, um muro que foi pintado, ou seja, o dia nos trará novidades é só abrir bem os olhos no sentido físico propriamente dito e também enxergar além do que a visão permite.
Antes de qualquer coisa aviso que tudo que estará contidoneste livro são pequenas impressões colhidas no dia a dia, e o que com elas aprendi embora por mais banais que fossem, e cada dia mais ainda descubro coisas novas: que o homem comum em suas coisas habituais pode ir se tornando melhor, até quem sabe se transformar em tantos exemplos de homens bons que existiram, ou se não se tornar, ao menos compreender que existem vários formas de se encontrarcom a plenitude, o seu, o meu, o da maioria das pessoas, o do homem comum é se esforçar a cada passo porque assim fazendo ele será um pouco melhor do que antes e Deus, o infinito, o universo, conforme queiram, o recompensarão (sempre falarei de Deus porque sou essencialmente católico, embora não totalmente conformado, ou confortado com a opinião geral, ou dogmas incontestes, pois sou por naturezaperguntador, curioso, mas nunca perdi a fé, talvez ela não seja ainda capaz de remover montanhas, mas já removeu muitas pedrinhas no meu caminho.).
Alerto, entretanto que este livro deverá ser um livro de leitura essencialmente leve como se fora uma conversa rápida, amena, consigo mesmo, antes, talvez, de relaxar e dormir.

O HOMEM COMUM

O Homem Comum é aquele que acorda todos os dias paracontar mais um dia de sua vida e faz coisas cotidianas e simples antes de se tornar ou se revestir do corpo do homem incomum que vira artista, juiz, professor ou tantos outros, o que os torna iguais? O que os torna diferentes? O Homem Incomum é o mesmo que o outro apenas revestido de atitudes, gestos, que julga necessários para trabalhar, se relacionar com os outros, gestos nem sempre maus, nemsempre louváveis, apenas que este aprendeu como meios de se relacionar, diferenciar, se destacar na sociedade ou em seu julgamento conclui que é exigido dele.
O Homem comum considero a parte mais pura do homem, instintiva, mais nem por isso pode ser menos espiritual, seria o homem mais verdadeiro que às vezes esquecemos em atividades rotineiras ou consideradas menos nobres como suprirnecessidades de se vestir, comer, dormir.
O Homem comum pode então agradecer a Deus, não importa sua crença, ao espiritual, pelo alimento que lhe dá forças físicas e vai fazer funcionar seu corpo a contento; antes de dormir ele interage com tudo ao seu redor não com olhos de enfado pelo dia cansativo, mas agradecido pelo que lhe foi permitido conquistar aquele dia, olha enternecido à esposa ao seu lado eadormece; o homem comum em seu banho diário sente-se revigorado olhando a água que se esvai pelo ralo levando não só um pouco do seu cansaço físico, mas sentindo-se feliz por estar ele mesmo ali todo sem representar nenhum papel como muitas vezes faz durante o dia.
O Homem comum então não é mais do que o homem em cada pequena coisa que faz sentindo-se agradecido por existir, que cada coisa quefaz seja por vontade, ou necessidade física tem sua razão de ser, que precisamos parar muitas vezes durante o dia e pensar, porque não somos máquinas.
O Homem então completo é feito pela coexistência pacífica, equilibrada entre o “Comum” e o “Incomum” porquanto é ilusão pensar que nesta existência terrena é possível despir-se de todas as roupagens, mas é possível nos esforçarmos para nos...
tracking img