Transporte fluvial

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 21 (5247 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução
Este trabalho tem como objetivo principal mostrar a importância do transporte fluvial seja ela na economia, na política e em geral na sociedade.
Serão abordados temas básicos como as bacias hidrográficas no Brasil, mas contara também com temas específicos como a briga para a implantação da Hidrovia Araguaia Tocantins.
No plano plurianual de 1999 o governo lança um projeto gigantescopara unir diversos meios de transporte para a escoação da produção brasileira. Neste plano se deram importância à integração das hidrovias buscando melhoras os custos da produção.
Abordar um tema como o transporte fluvial é completamente importante, pois se trata de um serviço com muitos aspectos, muitas vantagens, e com isso um bom custo- beneficio para as empresas.
O Brasil possui um dosmaiores sistemas aquaviarios do mundo, contendo 8 Bacias hidrográficas,onde existe movimentação de quase meio milhão de toneladas de cargas.
Goiás encontra-se nesses números, mostraremos como transporte fluvial influencia a economia do estado.
Daremos enfoque também ao meio ambiente, mostrando que os projetos contem muitos erros, e a partir disso, os problemas causados pela hidrovia no mundoambiental e mostrando também comparações com outros moldais.
O trabalho, portanto, é composto de temas abrangentes, aspectos notáveis e informações serias até mesmo pouco divulgadas, tentando mostrar ao leitor o quem vem realmente ser esse modal tão importante que esta se fortalecendo em nosso meio.

2. HISTÓRIA
Desde o inicio da colonização, os rios serviam como transporte para penetrar no interiordo continente e elo de integração dos núcleos existentes.
Foi assim que os bandeirantes chegaram às regiões Centro-Oeste e Norte, expandindo as fronteiras definidas pelo Tratado de Tordesilhas. A primeira expedição de reconhecimento da região do Pantanal data de 1524. Em 1974, um estudo mais amplo de um consórcio Franco-Brasileiro definiu globalmente essa viabilidade técnica e apontou comoproblema principal para o aproveitamento das obras necessárias.
Tal investimento poderia ser compensado em parte pela possibilidade de aproveitamento dos rios em projetos conjugados com hidrelétricas e irrigação ou a abastecimento de água e defesa contra inundações. Merece menção que a intensa utilização do Rio Tiete como meio de transporte se deu com as monções, que se constituíam em verdadeirasexpedições migratórias durante os séculos XVII e XVIII, após a descoberta de ouro em Mato Grosso e Goiás.
Antes que findasse o século, a navegação passou para um plano secundário, devido à crescente utilização de tropas de mulas que caracterizou o período, chamado por alguns historiadores de ciclo do torpeiriosmo.
A canoas, barcos e pequenos navios são elementos fundamentais para a vida e a economiada Amazônia. O transporte fluvial desempenha um papel importante no país, entretanto, os resultados econômicos estão muito aquém do seu potencial. No norte, estão em preparação as hidrovias do Araguaia-Tocantins, que já podem ser utilizadas de forma segura e comercialmente viável.
Essa via integra um plano logístico maior, o futuro corredor multimodal de transportes de Centro-Norte, que prevê aintegração da hidrovia com rodovia e ferrovia, o funcionamento dessa hidrovia vai contribuir para o desenvolvimento agrícola na região do médio Araguaia, permitindo que a soja, transportada por um corredor intermodal até o Porto de São Luís, chegando ao Mercado Internacional. O grande salto tecnológico das navegações foi com a máquina a vapor, no século XVIII, que permitiu a motorização e melhoriasdesde então essa mesma inovação possibilitaria a implantação das ferrovias no país, começando seu declínio no século XIX, e pelas rodovias, no século XX.
A tendência acentuou-se na década de 50, com o Governo Juscelino Kubitschek e o desenvolvimento da indústria automobilística, quando houve expansão significativa da malha rodoviária brasileira, isso foi o golpe fatal para o transporte...
tracking img