Trabalho radiologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1221 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de março de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO

É em meio a esse processo que a temática desse projeto de Trabalho de Campo se vincula, ou seja, a expansão recente e a intensificação das monoculturas e práticas capitalistas na agropecuária e processamento agroindustrial no Brasil.
A questão a se refletir aqui, refere-se aos estudos do agronegócio que se consolida Cerrado brasileiro, que conciliainteresses dos conglomerados agro-químico-alimentar-financeiros, portanto a venda de produtos, e aí se inscreve a soja, milho, algodão,e insumos, associadas às grandes plantações de milho e soja, e mais recentemente se vincula também, de forma direta ou consorciada.
Na segunda metade do século XX houve a expansão da fronteira agrícola, impulsionada pela modernização das técnicasprodutivas e o crescimento constante de investimentos financiados por programas e políticas oficiais, proporcionando uma região “viável” na utilização da agropecuária, além da facilidade da mecanização e a “fartura” de recursos naturais.
O complexo conjunto de uso da terra é um fator que adentra a contemporaneidade com uma carga bastante pesada de um histórico de má distribuição de terra ede concentração fundiária. Assim o espaço é fortemente dividido em porções desiguais entre os grandes proprietários fundiários e proprietários industriais (o agronegócio).
Para que porções determinadas do espaço possam ser adequadas e integradas às condições do mercado agro-exportador, profundas transformações são realizadas e produzem conseqüências sociais e ambientais semprecedentes.
O que é visível com o avanço do agronegócio é a falsa imagem de progresso para todos.

2. JUSTIFICATIVA

Como objeto de análise da materialização das contradições do capital, tomou-se por eixo de estudo o agronegócio. Esse tema vem se destacando no âmbito dos estudos do agronegócio por vincular estreitos laços, procedimentos e formas de exploração e de utilizaçãoda terra.
Diante do quadro proposto, vê-se que a área em estudo expressa a materialização do capital que é representado pela inserção do agronegócio em detrimento das formas tradicionais e comunitárias de produção agropecuária e sua influência nas questões ambientais e sociais ocorridas no território a ser pesquisado através da realização do trabalho de campo.
Otrabalho de campo é um momento de ir além do que se aborda em sala de aula, uma forma de colocar em prática e observar o que se aprendeu, contribuindo para a consolidação do conhecimento, é uma forma de teorizar uma leitura do real. É um momento privilegiado de se colocar em prática procedimentos teoricamente orientados que possibilitem novos aprendizados e que e aproxime o técnico do seu objeto deestudo.
Através de tais concepções nos propomos a analisar o polêmico momento do Agronegócio no Brasil se reservam os solos de maior capacidade agricultável para as grandes incorporadoras do ramo.

3.1 OBJETIVO GERAL

Por meio do presente projeto de Trabalho de Campo objetivamos compreender a dinâmica do agronegócio,. Estamos nos referindo não apenas aos impactoseconômicos e ambientais, mas também no que diz respeito aos trabalhadores assalariados, camponeses, comunidades nativas, com base na expansão dos cultivos de soja, milho etc.,
Partindo de uma análise histórica da conjuntura econômica e política brasileira, e muitas vezes quando divulgados, são tratados como características do “progresso” viabilizado pela expansão do agronegócio no Brasilde forma que o produtor possa estar no campo mas de forma atualizada com os negócios do momento (variações de mercado).

3.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS

• Levantar bibliográfia sobre os assuntos que compõe o eixo temático do projeto;
• Agendar de entrevistas com representantes de instituições e empresas.
• Fazer contato junto a vendedores e produtores da região que percorreremos;...
tracking img