Trabalho curativo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2587 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
curativo 1. CURATIVO

A finalidade do curativo é remover corpos estranhos, reaproximar bordas separadas, proteger a ferida contra contaminação, promover hemostasia, fazer desbridamento mecânico ou autolítico removendo tecido necrótico, reduzir o edema, absorver exsudato e edema, manter a umidade da superfície da lesão, fornecer isolamento térmico, promover a cicatrização da lesão, limitar amovimentação dos tecidos em torno da lesão, diminuir a intensidade da dor, além do conforto psicológico proporcionado, pois impede o paciente do contato visual com a lesão.
Inicia-se com a limpeza, que deve ser feita da área menos contaminada para a área mais contaminada, evitando-se movimentos de vaivém. Nas feridas cirúrgicas, a área mais contaminada é o tecido perilesional (ao redor daferida), enquanto que nas úlceras ou ferida infectadas a área mais contaminada é a do interior da lesão.

2. ÚLCERAS DE PERNA

Uma úlcera de perna é uma escavação da superfície cutânea que ocorre quando o tecido necrótico inflamado se desprende. Cerca de 75% de todas as úlceras de perna resultam da insuficiência venosa crônica. As lesões decorrentes da insuficiência arterial contribuem comaproximadamente 20%; os 5% restantes são causados por queimaduras, anemias falciforme e outros fatores.

3.1 ÚLCERA ARTERIAL

A doença arterial crônica caracteriza-se por claudicação intermitente, que é a dor provocada pela atividade e aliviada depois de alguns minutos de repouso. O paciente também pode queixar-se de dor nos artelhos ou no ante pé em repouso. Quando o inicio da oclusãoarterial é agudo, a dor isquêmica é incessante e raramente é aliviada, mesmo com analgésicos opióides. Tipicamente, as úlceras arteriais são pequenas ulcerações circulares e profundas nas extremidades dos artelhos ou nos espaços interdigitais entre os artelhos. Com frequência, as ulceras acontecem no lado medial do hálux ou na porção lateral do quinto dedo, podendo ser causadas por uma combinaçãode isquemia e pressão.
A insuficiência arterial pode resultar em gangrena do artelho (gangrena digital), que, em geral, é causada por trauma. O artelho fica atarracado e forte e, em seguida, fica preto. Comumente, os pacientes com esse problema são pessoas idosas sem circulação adequada para proporcionar a revascularização. O debridamento está contraindicado nesses casos. Embora o artelho estejagangrenoso, ele se mostra seco. Tratar a gangrena seca é preferível a debridar o artelho e provocar uma ferida aberta que não irá curar por causa da circulação insuficiente. Se o artelho deve ser amputado, a falta de circulação adequada impede a cicatrização e pode tornar necessária a amputação adicional – uma amputação abaixo ou acima do joelho. Uma amputação em nível mais elevado em uma pessoaidosa pode resultar em uma perda da independência e, possivelmente, na necessidade de cuidado institucional. A gangrena seca do artelho em uma pessoa idosa com má circulação geralmente permanece sem ser conturbada. A enfermeira mantém o artelho limpo e seco até que ele se destaque
( sem criar uma ferida aberta).

3.2 ULCERA VENOSA

A insuficiência venosa crônica caracteriza-se pordor descrita difusa ou contusa. O pé e o tornozelo podem estar edemaciados. As ulcerações são na área do maléolo medial ou lateral (área da polaina) e, tipicamente, são grandes, altamente exsudativas e superficiais. A hipertensão venosa provoca o extravasamento do sangue, que colore a região. Os pacientes com neuropatia apresentam, com frequência, ulcerações no lado do pé, sobre as cabeças dosmetatarsais. Essas ulcerações são indolores

| Úlcera Venosa | Úlcera arterial |
História | História de varizes, TVP, Trauma, cirugias à perna. Edema que piora ao longo do dia e melhora com a elevação do membro. Obesidade, HTA. Geralmente indolores. | Fumador, claudicação, Dor especialmente após elevação da perna, Historia de problemas cardio-vasculares, hipercolesterolémia, HTA, problemas...
tracking img