Torno

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1759 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ESTRUTURA BÁSICA DE UM PROJETO TÉCNICO

A redação técnica de um projeto será fundamental para a sua aprovação. A seguir, descreve-se uma estrutura básica que poderá servir como guia quando da elaboração de um projeto técnico ou, como quiser, um projeto de ação. Trata-se da descrição de um roteiro completo, seguindo mais ou menos as exigências dos agentes financiadores, embora, cada uma destasagências tenha modelo ou formulário próprio.

Estrutura básica

1. Folha de apresentação
• Deverá conter:
□ Nome do projeto;
□ Instituição responsável e sua logomarca;
□ Instituições envolvidas e suas logomarcas;
□ Equipe responsável;
□ Local e data.

2. Título
• Ter presente que o título será muito importante para vender o projeto e deve provocar aquele primeiro interesse pelomesmo;
• Ter uma sigla - sonora, concisa, objetiva e que reflita a idéia geral do projeto;
• Não deve ser extenso em demasia; porém, claro, coerente e consistente.

3. Introdução
• Deverá dar uma idéia sucinta do conjunto do projeto (de onde surgiu a idéia, quais as intenções do trabalho, como foi organizado ...);
• Evitar textos maiores que uma ou duas páginas;
• Assegurar que sejauma espécie de “cartão de apresentação”;
• Deverá suscitar interesse para que o leitor (consultor) analise o restante do projeto.

4. Proponente
• Descrever a instituição, empresa ou organização responsável pelo projeto;
• Fornecer os dados técnicos da mesma, tais como: nome, endereço completo, dados jurídicos (CNPJ, Inscrição Estadual, Municipal);
• Inserir a logo, se existir;
•Indicar as parcerias envolvidas com o projeto (reais e não as prováveis); se existirem, colocar os dados e logomarcas das respectivas organizações parceiras.

5. Equipe do projeto
• Descrever, objetivamente, a equipe que elaborou o projeto e a equipe que deverá acompanhar o processo: equipe técnica, operacional e de apoio disponível;
• Inserir um currículo resumido de cada profissional envolvido(será importante para dar fundamentação técnica e segurança aos financiadores). Pode-se utilizar o currículo da base Lattes na forma resumida - modelo exigido em instituições como Capes e CNPq;
• Indicar o coordenador ou responsável pelo projeto, sendo importante ter um “regra dois” para a coordenação – indicar quem assume se o coordenador/responsável sair;
• Ter uma coordenação “de peso” éimportante (profissional reconhecido);
• Descrever a estrutura disponível e a capacidade institucional para abrigar o projeto;
• Descrever a capacidade técnica, física e operacional (instalada) do proponente, sua organização, planejamento, logística e recursos a serem utilizados;
• Prever todos os recursos técnicos, materiais e físicos necessários à execução, porém, não comprometer recursosindisponíveis.

6. Contexto do projeto
• Elaborar um diagnóstico da situação envolvida, de forma focada e sucinta;
• Assegurar que o projeto parta de uma realidade e necessidade comprovada;
• Ter dados reais da situação, com um retrato histórico e atual;
• Descrever a contribuição dos beneficiários na elaboração do projeto.

7. Objetivos

7.1. Geral
• O objetivo deve ser claro,coerente e sucinto para dizer o que o projeto quer;
• Deve refletir a razão de ser do projeto, podendo ser abrangente;
• Deve estar ajustado às normas dos financiadores - muitas instituições buscam palavras-chaves no texto do projeto (sustentabilidade, desenvolvimento social, impacto ambiental / social, geração de emprego, taxa de retorno financeiro, etc).

7.2. Específicos
• Os objetivosespecíficos devem estar bem relacionados com o título, com o contexto do projeto e com o objetivo geral, mantendo o foco;
• Utilizar verbos de acordo com a linguagem do financiador – infinitivo, particípio passado, gerúndio;
• Redigir de forma clara o que se quer atingir, indicando os benefícios desejados para o público e área envolvida.

7.3. Resultados desejados
• Indicar quais os resultados...
tracking img