Teoria da excassez

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3240 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Teoria da Escassez x Teoria da Suficiência
“Os recursos são escassos e as necessidades cada vez mais crescentes”, diz a Teoria da Escassez, no fim do século XX e início do século XXI. “Enquanto a produção cresce em progressão aritmética, a população cresce em progressão geométrica”, disse Malthus, dois séculos antes, no fim do século XVIII e início do século XIX, quando a sua constatação, que otornou célebre, foi atropelada pela Revolução Industrial e caiu no vazio.
A analogia entre a Teoria da Escassez e o Pensamento Malthusiano nos mostra que as diferenças são meramente semânticas, pois na sua essência o conteúdo é o mesmo. Por isso, fica muito difícil acreditar que os capitalistas, as grandes águias da Economia Política do mundo atual aceitem a Teoria da Escassez como verdadedefinitiva. Mas uma coisa é certa, esta muito lhes convém; e não apenas por lhes permitir atender aos seus anseios de riqueza e poder com exclusividade, mas sobretudo porque a verdade, que a ela se opõe, conduz necessariamente à derrocada o agonizante Sistema Capitalista, que hoje deixa sem respostas as principais questões da humanidade.
Sem respostas para tantas questões, temos a certeza absoluta deque, neste exato momento da história, a humanidade encontra-se atormentada, quiçá até desesperada, na busca de um “modus vivendi” alternativo mais justo e que não apenas responda a todas as questões, mas que solucione os problemas que hoje dão causa a tantas aflições. Este é o grande desafio do momento. Encontrar a porta que dá acesso ao caminho da paz e do progresso humano acelerado em nossoplaneta, e que conduzirá à celebridade o seu descobridor. Alternativa esperada com ansiedade pelos famintos de todo o mundo — vítimas da violência, da miséria, das injustiças sociais e de todas as mazelas do subdesenvolvimento — pelas gerações futuras, enfim, por todos quantos desejam ver este mundo transformado num reino de paz e felicidade.
Até então, os nossos escritos buscaram, nas entrelinhas dahistória, os fundamentos para as constatações feitas e as explicações para o momento em que vivemos. A partir de agora, eles dão início à realização da tarefa à qual se propõe: a apresentação da alternativa que não apenas venha a se opor ao Sistema Capitalista decadente em vigor, seguindo a rotina improdutiva da crítica, mas que traga receitas novas e eficazes, suficientes para subsidiarem aconstrução de uma QUARTA PIRÂMIDE, na qual predominem a liberdade e a justiça na institucionalização de uma hierarquia humana, segundo o MÉRITO do trabalho desenvolvido por cada homem.
Ao pessimismo da Teoria da Escassez, que é a teoria do egoísmo, da ganância, da inveja, da preguiça, da incompetência, da covardia e da conveniência dos adoradores do dinheiro, responderemos com o otimismo da “Teoria daSuficiência”, que é a teoria do altruísmo, do trabalho, da inteligência, da coragem, da verdade e da determinação, que são virtudes próprias dos homens de fé.
Muito embora a Teoria da Escassez jamais tenha sido submetida ao crivo da lógica e da ciência, hoje, em todo o mundo, ela é aceita como verdade absoluta. Isto se deve à publicidade intensa, patrocinada pelos grandes e escusos interesses aquem serve, indiferente às conseqüências desastrosas que produz.
Fica, assim, lançado o desafio a todos os adeptos desse sofisma denominado Teoria da Escassez, para que a comprovem, cientificamente, para em seguida contestarem a verdade que denominaremos “Teoria da Suficiência”, a qual assim enunciamos: “As necessidades são naturalmente limitadas e controláveis e os recursos são infinitos.Pré-requisitos: Liberdade, Educação e Justiça”.
Diferente do que aconteceu com a Teoria da Escassez, que jamais passou de teoria, transformaremos a Teoria da Suficiência em tese, com o respaldo científico necessário, e em duas etapas. Na primeira delas, provando porque as necessidades são limitadas e controláveis (ou seja, têm um limite natural e podem ser controladas artificialmente) e na segunda...
tracking img