Teoria da contigencia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4522 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO
O presente trabalho aborda como tema central a teoria da contingência, ou seja, algo que pode acontecer ou não acontecer, mas quanto acontece passa a influenciar o comportamento da organização. Este trabalho em como objetivo apresentar a origem, conceitos e pesquisas de vários autores.
A teoria da contingência é um instrumento que nos permite estudar o comportamento eas características de cada indivíduo, de cada empresa, no seu ambiente interno e externo.
A metodologia utilizada foi baseada em pesquisas realizadas em livros e internet, sendo assim, distribuímos o trabalho em cinco capítulos a respeito da teoria contingencial : introdução, origem, abordagem contingencial da motivação humana, abordagem contingencial de liderança, efetividade, eficiência eeficácia.


1.ORIGEM
A origem da Teoria da Contingência se deu pela pesquisa de Lawrence e Lorsch sobre a confrontação da organização versus ambiente. Os dois pesquisadores, preocupados com as características que devem ter as empresas para enfrentar com eficiência as diferentes condições externas e tecnológicas, fizeram a pesquisa com empresas em diferentes meios industriais. A pesquisa foiinicialmente imaginada com o sentido de aplicação da teoria de sistemas abertos a problemas de estruturas organizacionais e de prática administrativa. O resultado final do estudo encaminhou a problemática organizacional para dois aspectos básicos: diferenciação e integração.
A partir dos resultados de várias pesquisas que procuraram verificar os modelos de estruturas organizacionais mais eficazesem determinados tipos de empresas. As pesquisas, isoladamente, pretendiam confirmar se as organizações mais eficazes seguiam os pressupostos da Teoria Clássica. Os resultados conduziram a uma nova concepção de organização: a estrutura da organização e o seu funcionamento são dependentes das características do ambiente externo. Não há um único e melhor jeito (the best way) de organizar.


Ascondições sob as quais as empresas trabalham são ditadas “de fora” delas, ou seja, do seu ambiente. As contingências externas oferecem oportunidades e imperativos ou restrições e ameaças que influenciam a estrutura organizacional e os processos internos das empresas.

1.1 PESQUISA DE LAWRENCE E LORSCH SOBRE AMBIENTES
Lawrence e Lorsch fizeram uma pesquisa sobre o confronto entre organização eambiente que marca o aparecimento da Teoria da Contingência. A denominação Teoria da Contingência derivou desta pesquisa. A pesquisa envolveu empresas em três diferentes meios industriais — plásticos, alimentos empacotados e recipientes (containers). Os autores concluíram que os problemas organizacionais básicos são a diferenciação e a integração.
A diferenciação parte da relação que cadasubsistema da organização tem unicamente com o que lhe é relevante. Se os ambientes específicos diferirem quanto às demandas que fazem, aparecerão diferenciações na estrutura e na abordagem empregadas pelas unidades ou subsistemas. Em outras palavras, do ambiente geral emergem ambientes específicos, cada um correspondendo a um ou mais subsistemas ou unidades da organização.
O conceito de integração éjustamente o oposto do conceito anterior. Integração refere-se ao processo gerado por pressões vindas do ambiente global da organização no sentido de alcançar unidades de esforços e coordenação entre os vários órgãos ou subsistemas. Segundo ainda os pesquisadores, os principais meios de integração encontrados nas empresas estudadas foram um sistema formal de coordenação para assegurar a integração;relacionamento administrativo direto entre unidades (subsistemas); hierarquia administrativa; utilização de grupos interfuncionais em um ou mais níveis de administração e provisão para relações especiais entre indivíduos e criação de uma unidade de integração.
Esses meios de integração também são encontrados no Brasil, principalmente em organizações de razoável complexidade. O item “e” é...
tracking img