Tdah

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4964 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E CULTURA
NÚCLEO DE INCLUSÃO







APOSTILA





PARA EDUCADORES























AGOSTO – 2008


O indivíduo que tem TDAH é inteligente, criativo e intuitivo, mas não consegue realizar todo seu potencial em função do transtorno que tem 3 características principais: desatenção, impulsividade e hiperatividade(energia nervosa).

O QUE É TDHA?

Nos portadores de TDAH os neurotransmissores, dopamina e noradrenalina – substâncias químicas do cérebro que transmitem informações entre as células nervosas – encontram-se diminuídos, fazendo com que a atividade do córtex pré-frontal seja menor. É uma disfunção neurobiológica.
O TDAH é um transtorno neurobiológico crônico, na sua grande maioria de origemgenética.
A falta do diagnóstico e tratamento corretos geram grandes prejuízos na vida profissional, social, pessoal e afetiva do indivíduo sem que ele saiba o porquê. Sem tratamento, outros distúrbios vão se associando, a auto-estima fica cada vez mais comprometida, e a pessoa vai se isolando do mundo, sentindo-se muitas vezes um "estranho fora do ninho".
HIPOFUNCIONAMENTO DO CÓRTEX PRE-FRONTAL• Dificuldade de concentração;
• Distração;
• Dificuldade em ouvir;
• Falta de controle dos impulsos;
• Desorganização;
• Tendência ao adiamento de tarefas;
• Sonhar acordado;
• Falta de perseverança;
• Dificuldade de planejamento;
• Problemas de memória a curto prazo;
• Dificuldade para lidar com regras sociais;
• Dificuldade em expressar sentimentos;
• Falhas de julgamento –interpretações errôneas;
• Ansiedade crônica;
• Tédio, apatia e falta de motivação;
• Hiperatividade;
• Dificuldade em aprender com a experiência.


HIPERFUNCIONAMENTO DO SISTEMA LÍMBICO

O sistema límbico trabalha em demasia quando o córtex pré-frontal trabalha pouco, deste modo gera os seguintes sintomas:


• Percepção negativa dos eventos e aumento de pensamentos negativos;
• Mauhumor, irritabilidade e depressão;
• Apatia, diminuição de motivação e baixa energia;
• Interesse pelos outros diminuído;
• Tédio e insatisfação;
• Sentimentos de tristeza;
• Sentimentos de impotência e falta de poder;
• Falta de esperança no futuro;
• Baixa auto-estima;
• Sentimentos suicidas;
• Problemas de apetite e sono;
• Diminuição de interesse sexual;
• Esquecimento;
• Isolamentosocial.





TIPOS DE TDAH
• TDAH predominantemente desatento: onde a hiperatividade e impulsividade não são presentes no comportamento e, dessa forma, a percepção por parte de educadores fica mais comprometida – acomete mais meninas;
• TDAH predominantemente hiperativo-impulsivo: a hiperatividade e impulsividade são presentes na maioria do tempo (na escola, em casa e em outros lugares);• TDAH com e sem agressividade (TOD): são predominantes os comportamentos desafiadores, de desobediência e comportamentos anti-sociais. As crianças com esse tipo de TDAH apresentam maior risco de resultados problemáticos na adolescência e na idade adulta, tais como maior prevalência de abuso de substâncias;
• TDAH com e sem Transtorno de Internalização: cerca de 13% a 50% das crianças com TDAHsintomas de um transtorno de ansiedade ou depressivo.
DIAGNÓSTICO
Apesar do quadro desalentador onde a pessoa muitas vezes é considerada desorganizada, agitada, maníaca, imprevisível, irresponsável, desnorteada, lunática, quanto mais cedo for diagnosticada e tratada, mais facilmente aprenderá a conviver com o TDAH, de maneira mais positiva e menores serão os problemas com a auto-estima eauto-confiança, normalmente tão comprometidas.
O adulto deve procurar a ajuda de profissionais especializados na área para diagnóstico e tratamento, quando seu jeito de pensar, de sentir, comportar-se, causam-lhe prejuízos na área profissional, social, afetiva e/ou consigo mesmo.
As crianças e adolescentes devem ser encaminhados pelos pais e ou professores quando há dificuldade no aprendizado,...
tracking img