Sustentabilidade de pneus

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1681 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SUSTENTABILIDADE ORGANIZACIONAL

PNEUS INSERVÍVEIS PROGRAMA DE DESTINAÇÃO SUSTENTÁVEL

IMPACTO AMBIENTAL
O reaproveitamento de pneus inservíveis constitui em todo o mundo um desafio, devido suas peculiaridades de durabilidade (em torno de 600 anos), quantidade, volume, peso e principalmente a grande dificuldade de lhes propiciar uma nova destinação ecológica e economicamente viável. Em 2008as indústrias brasileiras de pneus produziram 61,5 milhões de pneus e somente 10% das 300 mil toneladas de sucata disponíveis no país para obtenção de borracha regenerada são recicladas. (fonte: ANIP) Os pneus descartados são encontrados em aterros sanitários, lixões, estoques a céu aberto, beiras de estradas e rios, entre outros locais. Sua principal matéria-prima, a borracha vulcanizada, não sedegrada facilmente e quando queimada a céu aberto, contamina o meio ambiente com carbono, enxofre e outros gases, os quais contribuem para o aquecimento do planeta, além da emissão de substancias tóxicas ou cancerígenas. O pneu propicia a coleta e armazenamento de água criando um habitat ideal para roedores e mosquitos, como o Aedes Aegypti, transmissor da dengue e da febre amarela, é um exemplodo problema de saúde pública.

LEGISLAÇÃO
Resolução No. 258, de 26 de Agosto de 1999, do Conselho Nacional do Meio Ambiente – CONAMA: Trata da destinação final, de forma ambientalmente adequada e segura, aos pneumáticos inservíveis, dispondo sobre a reciclagem, prazos de coleta, etc. A Resolução trata sobre um tema importante do ponto de vista ambiental, à medida que os pneumáticos inservíveisabandonados ou dispostos inadequadamente constituem passivo ambiental, que resulta em sério risco ao meio ambiente e à saúde humana. Art.1o As empresas fabricantes e as importadoras de pneumáticos ficam obrigadas a coletar e dar destinação final, ambientalmente adequada, aos pneus inservíveis existentes no território nacional, na proporção definida nesta Resolução relativamente às quantidadesfabricadas e/ou importadas.

LEGISLAÇÃO
Art. 3o Os prazos e quantidades para coleta e destinação final, de forma ambientalmente adequada, dos pneumáticos inservíveis de que trata esta Resolução, são os seguintes:

Prazo a partir de

Pneus novos (nacionais ou importados)

Pneus inservíveis

Jan/2002 Jan/2003 Jan/2004 Jan/2005
Prazo a partir de

4 unidades 2 unidades 1 unidade 4 unidadesPneus reformados importados

1 unidade 1 unidade 1 unidade 5 unidades
Pneus inservíveis

Jan/2004 Jan/2005
Fonte: CONAMA 258/99.

4 unidades 3 unidades

5 unidades 4 unidades

PROCESSO DE RECICLAGEM DO PNEU
O processo de recuperação e regeneração dos pneus exige a separação da borracha vulcanizada de outros componentes (como metais e tecidos, por exemplo). Os pneus são cortados emlascas e purificados por um sistema de peneiras. As lascas são moídas e depois submetidas à digestão em vapor d'água e produtos químicos, como álcalis e óleos minerais, para desvulcanizá-las. O produto obtido pode ser então refinado em moinhos até a obtenção de uma manta uniforme ou extrudado para a obtenção de grânulos de borracha.

DESTINAÇÃO DOS PNEUS INSERVÍVEIS
No Brasil, as formas dedestinação dos pneus inservíveis são regulamentadas pelo IBAMA que determina quais processos são ambientalmente corretos. Os principais empregos são os seguintes: Co-processamento – 84% São usados como combustível alternativo em fornos de indústrias de cimento, substituindo o coque (derivado de petróleo). Laminação - 4% Cortados em lâminas, viram produtos como solas de calçados e dutos de águaspluviais. Asfalto-borracha - os pneus velhos são triturados e viram "pó de borracha",que é misturado à massa de asfalto. Artefatos de borracha – juntamente com o asfalto-borracha, soma 12% da destinação dos pneus recolhidos. Utilizados em tapetes para automóveis, pisos industriais, pisos para quadras poli - esportivas, artigos para jardinagem, revestimento acústico, etc.
Fonte: Reciclanip PNEUS...
tracking img