Psicologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 40 (9968 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
“Que essa minha vontade de ir embora
Se transforme na calma e na paz que eu mereço
Que essa tensão que me corrói por dentro
Seja um dia recompensada
Porque metade de mim é o que eu penso,
mas a outra metade é um vulcão.”
(Osvaldo Montenegro)

Prefácio
Este e-book é resultado da compilação de textos sobre a Síndrome de Burnout. Foi
elaborado com objetivo de premiar os profissionais queparticiparam da Pesquisa de
Campo sobre este assunto.

Essa Pesquisa compõe o trabalho de dissertação de Mestrado em Recursos Humanos e
Gestão do Conhecimento, cujo tema se refere à investigação da Síndrome de Burnout em
ambientes corporativos.

Espero que ele seja útil no sentido de fomentar reflexões importantes sobre essa matéria
que atualmente vem permeando e assombrando o mundocorporativo.

Agradeço imensamente á você que participou desse trabalho e desejo que sua trajetória
profissional seja repleta de muita luz e harmonia.

Grande abraço!

Kathia de Castro Campos Tenor
kathia@pedagogiacorporativa.com
www.PedagogiaCorporativa.com

Curitiba 2012

ÍNDICE

BURNOT: UM DESAFIO À SAÚDE DO TRABALHADOR..............................04
Por: Flávia Pietá Paulo da SilvaA INFORMAÇÃO COMO ESTRATÉGIA DE PREVENÇÃO
DA SÍNDROME DE BURNOUT ........................................................................32
Por: Marcos Fleury

SÍNDROME DE BURNOUT ...............................................................................39
Por: Drauzio Varella

CONHEÇA A DOENÇA DO ESGOTAMENTO PROFISSIONAL ..................41
Artigo do site Terra

BURNOT: UMDESAFIO À SAÚDE DO TRABALHADOR
Por: Flávia Pietá Paulo da Silva

A palavra trabalho vem do latim “tripalium”, referindo-se a um instrumento de
tortura para punições dos indivíduos que, ao perderem o direito à liberdade, eram
submetidos ao trabalho forçado. Do ponto de vista religioso, o homem foi condenado ao
trabalho porque Eva e Adão constituíram o pecado. Em Gênesis, o trabalho éconsiderado
o castigo no qual o homem terá que trabalhar, e com o suor, conseguir o seu alimento para
a sobrevivência.

Essa concepção é religiosa e cultural-familiar. À concepção religiosa associamse valores da cultura familiar e a influência de pessoas significativas, estruturando um
sentido pessoal e único que se situa entre a obrigação e o prazer de trabalhar. O trabalho
pode colocar-se comocastigo. Existe, no entanto, uma conotação de sofrimento, culpa e
castigo que, em contrapartida, percebe-se o homem moderno encontrando dificuldade em
dar sentido à vida se não for pelo trabalho. Nesse sentido, trabalho significa necessidade e
razão de vida.

Assim, as novas teorias vêm sugerindo que o conceito de trabalho seja
reconcebido com experiência de convivência sadia, respeito,compromisso e que contribua
na qualidade de vida.

O trabalho forma a identidade do indivíduo, a profissão do indivíduo caracteriza
o seu ser, o indivíduo é a sua profissão. Jacques (1996) afirma que os diferentes espaços
de trabalhos oferecidos constituem-se em oportunidades diferenciadas para a aquisição de
atributos qualificativos da identidade de trabalhador.

Do ponto de vista psicológico, otrabalho provoca diferentes graus de motivação
e satisfação, principalmente, quanto à forma e ao meio no qual se desempenha a tarefa
(Kanaane, 1994).

À medida que o indivíduo está inserido no contexto organizacional, está sujeito
a diferentes variáveis que afetam diretamente o seu trabalho. Atualmente, existe uma
preocupação na saúde do indivíduo neste contexto, pois se relaciona,principalmente, com
a produtividade da empresa.

Ou seja, para que se atinja produtividade e qualidade, é preciso ter indivíduos
saudáveis e atribuídos de qualidade. Em contrapartida, a organização atua de forma onde
muitas vezes pressiona-se o indivíduo, levando-o a estados de doenças, de insatisfação e
desmotivação. Dentre estes, encontra-se a fadiga, distúrbios do sono, alcoolismo, estresse
e a...
tracking img