Psicologia hospitalar - oncologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1674 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIÃO METROPOLITANA DE EDUCAÇÃO E CULTURA
CURSO DE PSICOLOGIA




NAJLA AMARAL DOS SANTOS





PROJETO DE PESQUISA: PSICOLOGIA HOSPITALAR - ONCOLOGIA









ITABUNA - BA
2012





NAJLA AMARAL DOS SANTOS









PROJETO DE PESQUISA: PSICOLOGIA HOSPITALAR - ONCOLOGIA


Projeto apresentado com o requisito avaliativo para a obtenção de crédito dadisciplina Metodologia Científica pelo curso de Psicologia, ministrado pelo Professor Márcio Lima.






ITABUNA - BA
2012
SUMÁRIO

I. INTRODUÇÃO.....................................................................................................4
II. REVISÃO TEÓRICA............................................................................................5
III. PROBLEMA EJUSTIFICATIVA........................................................................7
IV. OBJETIVO............................................................................................................7
V. HIPÓTESES..........................................................................................................7
VI.METODOLOGIA..................................................................................................8
VII. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA.......................................................................9

INTRODUÇÃO
A Psicologia Hospital referente à oncologia, está relacionado com o estudo dos tumores, que podem ser benignos ou malignos. É um ramo da patologia que estuda as neoplasias. A Oncologia está voltada para saber como o câncer se desenvolve noorganismo e, qual é o tratamento mais adequado para cada caso.
Sendo também conhecida aqui no Brasil como Cancerologia. Por conta de sua magnitude complexidade, o câncer tem diversos tipos de tratamento, como por exemplos: a cirurgia, a quimioterapia, a hormonioterapia, a radioterapia, entre outros. Vai depender sempre do diagnóstico de cada paciente.
O tratamento necessariamente deverá serindividual, pois, assim, o médico poderá fazer o acompanhamento, as observações e as necessidades de cada paciente.
O câncer pode ser classificado em: câncer de bexiga, de próstata, de rim (RCC), fígado, de ovário, de pele, etc.
Atualmente, a palavra câncer ainda assusta muitas pessoas. Pois, talvez, por falta de informação criam idéia errada e possivelmente preconceituosa. Infelizmente ainda hápessoas em nossa sociedade com idéia tal como, “o câncer é o sinônimo de óbito”.
Para o profissional em Psicologia é correto que, a esperança, o carisma e a determinação possam ser objetos de suporte para a recuperação parcial ou total do paciente. Onde as dificuldades e os perigos sejam derrotados de forma, passiva e que, não prejudique tanto a recuperação de tal pessoa.
O objetivo principalda Psicologia Hospitalar na Oncologia é oferecer suporte para uma boa qualidade de vida do paciente. E, manter a dignidade no momento de sua fraqueza, seu sofrimento, ou seja, no momento que seus sentimentos psicológicos estão fora de ordem, “embaralhados”, pela circunstância da situação.














• REVISÃO TEÓRICA
Em tempos mais remotos, as doenças, os doentes e o processode adoecer, eram marginalizados pela sociedade. No entanto, a sociedade defendia-se de qualquer maneira dessas pessoas.
Porém, o paciente, encontra-se despojado do seu âmbito familiar, devido à rotina hospitalar para tratar-se do câncer. Desenvolvendo um sofrimento psíquico. Acarretando na vulnerabilidade provocada pela doença. A partir do diagnostico médico, o paciente vai à busca de umtratamento.
O objetivo do tratamento do câncer é a cura. Possibilitando uma melhor qualidade de vida para o portador da doença. A cirurgia é um tipo de tratamento onde, há a remoção total do nódulo, ou seja, do tumor. A radioterapia utiliza altos índices de energia para atingir as células cancerígenas. A quimioterapia há a utilização de medicamentos injetáveis ou via orais, com a função de deter o...
tracking img