Projeto capoeira

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2969 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PROJETO CAPOEIRANDO II

Escola Estadual Dom Wunibaldo Talleur
Rua João Paulo Lopes, 455 – Jardim Brasília
Rondonópolis – MT | 78700-650 | (66) 3241-3807
E-MAIL | roo.eewunibaldo.talleur@seduc.mt.gov.br

EQUIPE GESTORA
Maria Cecília Silva Guimarães Paes (diretora)
Ana Paula Quirino dos Santos (coordenadora pedagógica)

ABRANGÊNCIA
Áreas do Conhecimento: Linguagem, Ciências Humanas e Sociais eCiências da Natureza.

TEMÁTICA
Cultura e Arte

DESTINO
Salas anexas na unidade de internação do sistema socioeducativo de Rondonópolis

PROJETO CAPOEIRANDO II

ÍNDICE
BREVE HISTÓRIA DA CAPOEIRA 3
JUSTIFICATIVA 4
OBJETIVO GERAL 5
OBJETIVOS ESPECÍFICOS 6
METODOLOGIA 6
IMPACTO 7
PARCERIAS E INTERFACES 8
CRONOGRAMA DAS ATIVIDADES 8
CRONOGRAMA ORÇAMENTÁRIO 10
AVALIAÇÃO 10
REFERENCIASBIBLIOGRÁFICAS 11

BREVE HISTÓRIA DA CAPOEIRA

Segundo Silva J. (2003, p.35), “a Capoeira tem sua origem, ou pelo menos seus primeiros sinais de luta, no Brasil Colônia em que os negros escravos foram trazidos à força da África Ocidental a este país tropical, eles eram a principal mão de obra usada pelos fazendeiros na época. Devido aos maus tratos, surgiram segundo MELLO (2002) a necessidades de autodefesa ede resistência à opressão, as técnicas são elementos propulsores da criação de defesa e ataque, para se confrontar com seus opressores (feitores e capitães do mato). Geralmente estes Confrontos ocorriam nas fugas, nos lugares de mato ralo das selvas, nas capoeiras. Daí a origem do nome de capoeira.

No cativeiro, os negros tiveram que disfarçar a luta em dança, com a introdução de instrumentosmusicais e movimentos cadenciados, para poderem praticá-la sem suspeita, embora alguns senhores permitissem aos senhorinhos, como eram chamados os filhos dos senhores de engenho, o aprendizado da luta. (SETE, 2004). Com a abolição da escravidão em 1888, e o emprego nas lavouras de café de mão de obra estrangeira (italianos, alemães, japoneses), os negros recém “libertados”, vagavam sem rumo, fazendobiscates. (LOPES, 2010). Fica também proibida a pratica da capoeira, considerada “Circunstância agravante pertencer o capoeira à alguma banda ou malta”. Mesmo com sua proibição a capoeira não acabou; ela continuou acontecendo de forma clandestina e marginalizada principalmente nas cidades de Salvador, Recife e Rio de Janeiro. Era grandemente perseguida pela polícia, e, era comum a deportação decapoeiristas para ilhas e presídios. (YAHN, 2009).
Mas a capoeira sofre uma transformação importante, o Mestre Bimba, usufruindo de um ideal mestiço e de defesa da capoeira como "legítimo esporte brasileiro”, já incorporado por intelectuais brasileiros, consolidou o "embranquecimento simbólico da capoeira", somando à prática, movimentos de artes marciais orientais e ocidentais, como karatê,Jiu-Jítsu e luta greco-romana, trocando a ritualidade pela agilidade e eficiência (REIS, 2000). A seguir, surge um movimento de oposição liderado por Vicente Ferreira Pastinha, o "mestre Pastinha", defendendo o resgate da ancestralidade africana da capoeira, que por sua vez recebeu o nome de Capoeira Angola. Ao contrário do discurso esportista de mestre Bimba, Pastinha defende uma nova filosofia para aprática da capoeira, baseada numa estética de jogo mais simbólica e subjetiva, que continha certo misticismo, lealdade com os companheiros de jogo e obediência absoluta às regras que o presidem. (MUNARO, 2007). Desta forma, tomando por referencias os dois mestres, que sistematizaram os dois estilos diferentes de jogar capoeira que são: capoeira angola e capoeira regional, estilos que contribuírampara a existência de uma capoeira que atualmente tenta ser as duas coisas, chamada de capoeira contemporânea (SIMÕES, 2006).
Entre muitos fundamentos abordados pela capoeira, ela trás uma filosofia de vida, que prega o respeito ao próximo, e aos mais velhos, que por sua vez possui um grau maior de sabedoria. Muitos são adeptos que se engajam de corpo e alma criando desta forma uma filosofia de...
tracking img