Problemas de aprendizagem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1373 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
1. INTRODUÇÃO
A presente pesquisa visa discutir os problemas de aprendizagem e abordar os aspectos que se referem a estas dificuldades nas primeiras séries do Ensino Fundamental, considerando as falas dos sujeitos que vivenciam esta realidade. A partir disso, descrever e analisar os problemas apontados pelos docentes, como sendo os pressupostos para busca de reais dificuldades que apesquisa pretende alcançar e ainda buscar subsídios para entender e ajudar o aluno que esse encontra desajustado, tendo como ponto de partida a diagnose dos alunos e professores, os quais são sujeitos ativos do processo ensino-aprendizagem.
A inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais representa um desafio, pois é uma constante aprendizagem de todos. Uma escola inclusiva é umaconstrução de possibilidades e de saberes. Aceitar o desafio da inclusão é ir além, é ultrapassar barreiras, e a mais conhecida delas é ausência de formação durante o curso de formação dos professores.
Neste sentido, Carvalho ressalta que,
“Os professores alegam (com toda razão) que em seus cursos de formação não tiveram a oportunidade de estudar a respeito, nem de estagiarcom alunos da educação especial. Muitos resistem, negando-se a trabalhar com esse alunado enquanto outros os aceitam, para não criarem áreas de atrito com a direção das escolas. Mas, felizmente, há muitos que aceitam a enfrentar o desafio e descobrem a riqueza que representa o trabalho na diversidade.” (CARVALHO, 2004, P.27).

Portanto é necessário, saber de que forma a escola vemtrabalhando, quais as estratégias que a escola tem utilizado com as crianças que apresentam Dificuldades de Aprendizagem.

2. JUSTIFICATIVA
2.1 PESSOAL
A minha escolha por este tema, é devido ao processo educacional, especialmente nas séries iniciais do Ensino Fundamental, que atualmente passa por um desencontro de ações, uma crise de comprometimento com as Dificuldades de Aprendizagem que seapresentam em alguns alunos. Essa falta de comprometimento acontece tanto por parte da escola, como por parte de muitos pais, que resulta em duas situações peculiares: de um lado encontra-se o professor em uma situação de conflito, porque em alguns casos não recebeu uma formação específica para trabalhar com esses alunos. E por outro, temos o próprio aluno que se sente fracassado e excluído de umsistema de ensino concebido apenas para crianças que tem um “bom” ritmo de aprendizagem. Essa problemática de não se saber o certo como proceder diante dessas crianças com dificuldade, torna a escola simplesmente reprodutora do problema, incapaz de auxiliar nesses casos. Para muitos professores a ausência de formação para trabalhar com alunos com necessidades educacionais especiais é motivosuficiente para não aceitarem esse desafio.

2.2 SOCIAL
A dificuldade de aprendizagem é um dos mais graves problemas com o qual a realidade educacional brasileira vem convivendo. Sabe-se que tal situação se evidencia praticamente em todos os níveis de ensino do país, porém, ocorre com maior freqüência nos primeiros anos de escolarização.
É necessário que a escola valorize e trabalhe aexperiência, ou seja, a bagagem que cada aluno traz consigo, dando a ele razões e oportunidades para se socializar e sentir-se importante e necessário. Para isso o educador precisa estar apto para que faça da aprendizagem algo prazeroso, diversificando sempre para chamar atenção da sua clientela.
Freire aponta que,
“Não é possível respeito aos educandos, à sua dignidade, a seuser formando-se à sua identidade fazendo-se, se não se levam em consideração as condições em que eles vêm existindo, se não se reconhece a importância dos conhecimentos de experiência feitos com chegam à escola” (Freire, 1996.p.71)
É necessário que os profissionais da educação adotem uma postura ética em relação ao aluno.

2.3 TEÓRICA
Antes de falar em dificuldade de aprendizagem,...
tracking img