Pim rh

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1082 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O Atual Cenário Econômico Brasileiro
Publicada no JCAM em 25 e 26 de julho de 2010
Nilson Pimentel (*)
As questões econômicas dominam o panorama do noticiário nacional e internacional, haja vista as diversas crises
que passam os países, onde o sistema econômico atravessa mudanças significativas nesses últimos 30 anos,
principalmente o sistema financeiro internacional que afeta o comérciointernacional e as economias nacionais. E,
dentre as questões centrais mais prementes está o crescimento econômico que hoje se apresenta na base do
debate de política econômica no Brasil e em diversos países capitalistas.
Enquanto não se muda o sistema econômico adotado atualmente para um novo modelo de fazer negócios, de
mudar a forma de criar empregos e agregar valor econômico aos produtos eserviços, como uma visão de longo
prazo, que seja melhor para os mercados e para a economia como um todo, com menor pressão sobre os recursos
naturais que sustentam as atividades econômicas da humanidade, o crescimento econômico dos países está na
hora do dia.
No Brasil, com a economia ultrapassando a grave crise financeira americana e mundial, o crescimento econômico
brasileiro e as reformasestruturais apresentam‐se hoje como uma questão central no debate de política
econômica, frente às taxas conseguidas por alguns países do leste asiático, notadamente a China, a Índia e a Coréia
do Sul. Para isso, as discussões levam em consideração a taxa básica de juros – a SELIC, o crescimento do PIB
(Produto Interno Bruto), a taxa da inflação, a trajetória de crescimento da renda per capita,indicadores de
crescimento da taxa de desemprego, de indicadores sociais, como o analfabetismo, a pobreza e as desigualdades
sociais, dentre outros.
Dessa forma o cenário econômico brasileiro apresenta alguns indicadores que possibilitam aos especialistas
vislumbrar uma visão de conjunto de variáveis que indicam que a economia brasileira apresenta fatores favoráveis
a um crescimento econômicode médio à longo prazo, haja vista, o processo transitório eleitoral que se aproxima.
Produto Interno Bruto – PIB
Para os economistas a tendência de aumento da taxa básica de juros da economia brasileira (SELIC) nessa última
Reunião do COPOM ‐ Comitê de Política Monetária do Banco Central do Brasil (BACEN) , confirmam a previsão de
crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) deste ano de 6,60%para 6,99%. Também, relacionada à comparação
com o aumento na expectativa de expansão econômica deste ano aconteceu após a divulgação do resultado do
primeiro trimestre deste ano, quando o Produto Interno Bruto cresceu 9% sobre os três primeiros meses do ano
passado, e 2,7% na relação com o último trimestre de 2009.
Taxa de Inflação
Como a economia brasileira atua com sistema de metas deinflação, para 2010 e 2011, a meta central de inflação é
de 4,5%, com um intervalo de tolerância de dois pontos percentuais para cima ou para baixo, assim o BACEN
trabalha para calibrar as taxas de juros para atingir as metas pré‐estabelecidas, sendo que, pode ficar entre 2,5% e
6,5% sem que a meta seja formalmente descumprida. Nesta semana, os analistas de mercado, pela segunda vez
seguida,baixaram a previsão para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA) deste ano, que passou de
5,64% para 5,61%. Para 2011, a previsão do mercado permaneceu estável em 4,80%.
Juros
Nesta quarta‐feira (21/07/2010), o Banco Central, através do COPOM, decidiu minimizar o ritmo do aperto
monetário, citando uma redução dos riscos inflacionários no país, com decisão unânime, a taxa básica de juros(SELIC), foi elevada em 0,50 ponto percentual, para 10,75 % ao ano. A desaceleração significativa da inflação e
outros indicadores apontam uma acomodação da atividade doméstica (consumo), mas ainda em um patamar
considerado elevado. Os especialistas prevêem na próxima reunião do COPOM, em setembro, um percentual de
aumento de 0,25 ponto, o que significará um ciclo de menor impacto, talvez os...
tracking img