10 Novas competencias para ensinar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3811 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Fichamento Livro: 10 novas competências para ensinar (Perrenoud)
Capítulo 1: Organizar e dirigir situações de aprendizagem
Abolir pedagogia magistral e pouco diferenciada.
Seguir, fazer, realizar modelo de pedagogia centrada nos aprendizes.

- Conhecer, para determinada disciplina os conteúdos a serem ensinados e sua tradução em objetivos de aprendizagem

Aluno é o centro de todaaprendizagem, é ele que deve construir o conhecimento (lembrar da concepção do currículo) Prof. deve propor situações de aprendizagens que facilite a construção do conhecimento feita pelo aluno
SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM+OBJETIVOS + MUDANÇAS=AVALIAÇÃO (a partir dos objetivos, fazer as mudanças, se necessário for, para somente depois fazer a avaliação)
Competência requerida para o prof: dominar conteúdos- Trabalhar a partir das representações dos alunos

Conhecimento prévio↔diálogo↔conhecimento cientifico

Prof. + aluno

Função didática do prof.: Reorganizar o conhecimento

- Trabalhar a partir dos erros e dos obstáculos à aprendizagem

Aprender significa reestruturar a compreensão do mundo.O erro representa no aluno o esforço de tentar compreender.
É necessário para o prof. tentar entender os erros e para isso ele deve aliar: DIDÁTICA + CONHECIMENTO DA PSICOLOGIA COGNITIVA
Prof deve criar caminhos para que o aluno tome consciência dos seus erros, identifique e ultrapasse-os.

- Construir e planejar dispositivos e seqüências didáticas

Procedimento: mobilizar os alunos,despertando o interesse para um determinado assunto (Ex. nascimento de um projeto)
Dispositivo: Seqüência didática (as atividades que serão dadas com base no assunto de interesse dos alunos) Tem relação com o saber, com o erro, a incerteza, sucesso....

- Envolver os alunos em atividades de pesquisa, em projetos de conhecimento

Seqüência didática só se desenvolve se os alunos aceitarem,envolver os alunos em atividades que garanta uma progressão visível. O prof. deve suscitar no aluno a paixão pelo saber, sem ter que justificar os conteúdos no seu utilitarismo (há conteúdos que precisam ser ensinados e não podem justificar o seu utilitarismo)
Prof. deve fazer uso da comunicação, sedução, encorajamento e mobilização. Deve estabelecer CUMPLICIDADE E SOLIDARIEDADE na busca do saber, nãoadotar a postura de “dono do conhecimento”.
As seqüências didáticas de pesquisa organizam-se, muitas das vezes, em conteúdos previstos no programa ( não nascem apenas de uma situação problema)

CAPÍTULO 2: Administrar a progressão das aprendizagens

Para estabelecer a autonomia dos alunos, o prof. deve trabalhar dentro da singularidade de cada um de modo que evoluam no seu conhecimento, osplanos de ensino são progressões das aprendizagens, mas devem sempre ser revistos. A escola não pode trabalhar como “produção de mercado” (tudo automático, CÓPIA), mas sim com “formação de vida” (criação)
Deve sempre pensar no percurso de formação de cada aluno.

Conceber e administrar situações problemas ajustadas ao nível e as possibilidades dos alunos

Prof. apresenta uma situaçãoproblema e a aluno aciona seus conhecimentos, mobilizando-os para resolver (ZONA DE DESENVOLVIMENTO PROXIMAL)
A mesma tarefa não representa nível igual de desafio para todos.
Antes de apresentar uma situação problemas aos alunos, o prof. deve investir na antecipação, deve ser um observados vivo, ajustando as atividades ao nível dos alunos.

Adquirir uma visão longitudinal dos objetivos do ensinoTodo prof. deveria trabalhar com o aluno visando sua formação final (totalidade), sua escolaridade básica. Prof. deve fazer o aluno progredir em suas aprendizagens, isso se dá através da AVALIAÇÃO E MÉTODOS DE ENSINO.
Solução: Escolas em ciclos plurianuais e profs responsáveis pelo conjunto da formação do ensino fundamental.

Estabelecer laços com as teorias subjacentes às atividades de...
tracking img