NOVO CPC

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 990 (247314 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de julho de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Senado Federal 
Senador Valter Pereira 
  Relator‐Geral do PLS n.º 166, de 2010  
Reforma do Código de Processo Civil 

Comissão técnica de apoio à elaboração do relatório‐geral: 
Athos Gusmão Carneiro 
Cassio Scarpinella Bueno 
Dorival Renato Pavan 
Luiz Henrique Volpe Camargo 

Legenda: 
Texto em preto: redação do CPC/73 que foi mantida. Texto em azul: redação do CPC/73 que foi modificada. 
Texto em vermelho: alterações do projeto original em comparação com CPC/73. 
Texto em verde: alterações do relatório‐geral em comparação com o projeto original. 

Quadro comparativo entre a redação original do projeto de Lei do Senado n.º 166, de 2010, o Código de Processo Civil em vigor e as alterações
apresentadas no substitutivo do Senador Valter Pereira

Redação do Código de ProcessoCivil em

Redação original do projeto de Lei do

Alterações apresentadas no relatório-geral

vigor (CPC/1973)

Senado n.º 166, de 2010

do Senador Valter Pereira

 

PARTE GERAL
TÍTULO I
PRINCÍPIOS E GARANTIAS, NORMAS
PROCESSUAIS, JURISDIÇÃO E AÇÃO
CAPÍTULO I
DOS PRINCÍPIOS E DAS GARANTIAS
FUNDAMENTAIS DO PROCESSO CIVIL
Art. 1º O processo civil será ordenado, disciplinado e1

interpretado conforme os valores e os princípios
fundamentais

estabelecidos

na

Constituição

da

República Federativa do Brasil, observando-se as
disposições deste Código.
Art. 262. O processo civil começa por iniciativa da parte,

Art. 2º O processo começa por iniciativa da parte, nos

mas se desenvolve por impulso oficial.

casos e nas formas legais, salvo exceçõesprevistas em

Art. 2º. Nenhum juiz prestará a tutela jurisdicional senão

lei, e se desenvolve por impulso oficial.

2

quando a parte ou o interessado a requerer, nos casos e
forma legais.
Art. 3º Não se excluirá da apreciação jurisdicional
ameaça ou lesão a direito, ressalvados os litígios
voluntariamente submetidos à solução arbitral, na forma
da lei.

3

Senado Federal Senador Valter Pereira 
  Relator‐Geral do PLS n.º 166, de 2010  
Reforma do Código de Processo Civil 

Comissão técnica de apoio à elaboração do relatório‐geral: 
Athos Gusmão Carneiro 
Cassio Scarpinella Bueno 
Dorival Renato Pavan 
Luiz Henrique Volpe Camargo 

Legenda: 
Texto em preto: redação do CPC/73 que foi mantida. 
Texto em azul: redação do CPC/73 que foi modificada. Texto em vermelho: alterações do projeto original em comparação com CPC/73. 
Texto em verde: alterações do relatório‐geral em comparação com o projeto original. 



Redação do Código de Processo Civil em

Redação original do projeto de Lei do

Alterações apresentadas no relatório-geral

vigor (CPC/1973)

Senado n.º 166, de 2010

do Senador Valter Pereira

 

Art. 4º As partes têm direito deobter em prazo razoável

4

a solução integral da lide, incluída a atividade satisfativa.
Art. 5º As partes têm direito de participar ativamente do

Art. 5º As partes têm direito de participar ativamente do

processo, cooperando entre si e com o juiz e

processo, cooperando entre si e com o juiz e

fornecendo-lhe subsídios para que profira decisões,

fornecendo-lhe subsídios para queprofira decisões,

realize atos executivos ou determine a prática de

realize atos executivos ou determine a prática de

medidas de urgência.

medidas de urgência.

Art. 6º Ao aplicar a lei, o juiz atenderá aos fins sociais a

6

que ela se dirige e às exigências do bem comum,
observando sempre os princípios da dignidade da
pessoa humana, da razoabilidade, da legalidade, daimpessoalidade, da moralidade, da publicidade e da
eficiência.
Art. 125.

O juiz dirigirá o processo conforme as

Art. 7º É assegurada às partes paridade de tratamento

Art. 7º É assegurada às partes paridade de tratamento

disposições deste Código, competindo-lhe:

em relação ao exercício de direitos e faculdades

em relação ao exercício de direitos e faculdades

I -...
tracking img