Licenciado

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7195 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
/

1

PAULO ALEX MOURA DE FREITAS

NA PISADA DO BOI O SERTÃO SE FAZ Campo Grande-RN: Pecuarismo Latifundiário, Base de sua Fundação.

Catalogação da Publicação na Fonte. Universidade Federal da Paraíba. Biblioteca Setorial do Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA). Freitas, Paulo Alex Moura de. Na pisada do boi o sertão se faz: Campo Grande-RN: pecuarismo latifundiário, basede sua fundação./ Paulo Alex Moura de Freitas. - João Pessoa, 2011. 22.:il. Artigo (Graduação em História) – Universidade Federal da Paraíba Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes. Orientadora: Prof.ª Dr.ª Cláudia Cristina Lago Borges 1. Questão agrária. 2. Interiorização. 3. Agropecuária. 4. Movimentos sociais. I. Título
BSE-CCHLA

CDU 332.021.8

JOÃO PESSOA-PB Dezembro de 2011

2PAULO ALEX MOURA DE FREITAS

NA PISADA DO BOI O SERTÃO SE FAZ Campo Grande-RN: Pecuarismo Latifundiário, Base de sua Fundação.

Artigo Acadêmico equivalente ao Trabalho de Conclusão de Curso de História para os Movimentos Sociais do Campo da Universidade Federal da Paraíba – UFPB, para obtenção titular da licenciatura plena em história, sob orientação da Prof.ª Dra. Cláudia Cristina do LagoBorges.

JOÃO PESSOA-PB Dezembro de 2011

3

RESUMO O presente artigo tem como o objetivo tratar do processo de interiorização dado pela necessidade política de ocupação das áreas, até então, improdutivas e quase desconhecidas na Colônia portuguesa. A pecuária é o elemento propulsor a essa empreitada, pois foi juntamente com “a pisada do boi” onde os colonos deram seus passos rumo aointerior. Atribuindo ainda a essa atividade, está a formação dos primeiros núcleos populacionais como as vilas, que com o tempo, tornam se as cidades interioranas, muitos por serem postos de parada nos caminhos e outras por serem as próprias fazendas de ciação, como é o caso de Campo Grande-RN, que teve a sua base fundante na “Fazenda Campo Grande”. Não deixando de analisar a formação do sistema de poderagrário que se instala apartir dessa base econômica, que devido as grandes concessões de sesmarias há a predominância de latifúndios. Há uma reviravolta quando chega à cidade Pe. Pedro Neefs, que passa a dar formação política as pastorais, fruto delas nascem os movimentos sociais que vão quebrar essa linhagem hegemônica de opressão ao pequeno pelo grande latifundiária predominante na região; dadopela organização das comunidades rurais em sindicatos e associações.

PALAVRAS CHAVE: Interiorização. Agropecuária. Questão Agrária. Campo Grande-RN. Pastorais. Movimentos Sociais.

4

CONTEXTO DA PECUARIA NA CAPITANIA DO RIO GRANDE Não existia gado no Brasil até o momento em que se houve a invasão portuguesa. Tomé de Souza, o primeiro Governador Geral do Brasil foi quem trouxe as primeirascabeças de gado (plantel) vindo de Cabo Verde para o Brasil em Dezembro de 1548. Esse gado era de origem ibérica. De modo geral, é comprovado que a pecuária teve um papel impar na colônia. Designada apenas a atender o mercado interno e por ser uma atividade de caráter subsidiário a principal, que era a cana-de-açúcar visando a exportação, não despertava a atenção da Coroa, acabava sendo umdiferencial econômico para as capitanias com os lucros que gerava. No Brasil o boi instalou-se inicialmente á beira-mar, nos três principais núcleos povoadores da colônia, ao pé dos engenhos, das casas de farinha, comendo olho de cana e pisoteando mandiocais, gerando conflitos, às vezes até sangrentos, entre plantadores e criadores. Só anos depois, partindo da Bahia, de Pernambuco e são Vicente, é queaquele animal se expandiu por todo o Brasil, levando nesse movimento, até acomodar-se, pelo menos dois séculos: XVII e o XVIII. (GOULART, 1965, p. 17) Como descreve José Alipio Goulart, não é que o gado, peça indispensável ao processo de colonização, estivesse se tornando algo cômodo, mas sim se adequando uma necessidade geográfica e conotativamente política no âmbito de ocupação da terra para o...
tracking img