Indisciplina

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4579 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ÍNDICE
Introdução
Quando a indisciplina chegou?
1.1 Aluno sem limites.
Reconhecendo a raiz.
E então, e a Família?
O Rendimento Escolar Comprometido.

INTRODUÇÃO

Uma das questões mais discutidas no ambiente escolar hoje é a indisciplina, este assunto além de estar muito presente no dia a dia gera muita polêmica trazida por suas mais diversas causas e dificuldade de se chegar a umasolução.
Neste sentido, a primeira atitude a se tomar e a análise da raiz do problema, na origem da questão, e daí poder reconhecer os motivos que levam os alunos a se comportarem de fora indisciplinada.
Obviamente, antes de jugar é necessário conhecer a realidade em que vive este aluno. Como é sua casa, o relacionamento com a família, traçar um perfil psicológico e social além de outros que se fizeremnecessários.
A indisciplina, muitas vezes pode ser entendida como uma forma de se mostrar para o mundo, marcar presença/território. Muitos alunos não têm um espaço adequado para praticarem esporte correr e brinca nas escolas, e fazem da sala de aula o ambiente para gastar toda energia, realizando a tão presente e temida indisciplina.
Um fator de extrema relevância é a família, muitas vezes,este aluno faça parte de um lar desestruturado a encontre na escola um local para reproduzir aquilo que veem em casa.
A indisciplina pela indisciplina ainda não é o maior problema, ainda temos que nos preocupar com as consequências que ela trás. O aluno indisciplinado não rende por isto uma das maiores causas do problema na educação no Brasil, pode ser atribuído à indisciplina que cresceconstantemente, sustentada por uma sociedade com valores humanos que, em grande parte da população são - pelo menos - destorcidos.

QUANDO A INDISCIPLINA CHEGOU?

Há alguns anos atrás, uns trinta pelo menos, a indisciplina não era motivo de discussão e estudo. Ela simplesmente não existia! As escolas, bem como toda a sociedade, vivia uma realidade de repressão seguindo um sistema tradicional e alunos quemuito se pareciam com soldados militares, “manda quem pode e obedece quem tem juízo”, a quem faltasse o juízo cabia o castigo físico muitas vezes bem severos.
Porém, a sociedade mudou, e a escola acompanhou este ritmo. A postura violenta passou a ser desprezada. A época agora é de valorização da democracia “manda quem pode e questiona quem tem argumento”. Neste contexto é bem difícil ter somentealunos obedientes, amáveis, responsáveis aqueles que ficam somente sentados e que não se manifestam durante a fala do professor. Conversando com qualquer professor de épocas antigas, o relato é de que qualquer transgressão da disciplina, qualquer atitude que fugisse ao citado acima, era motivo de assinar o livro de advertência reincidência não seria tolerada.
De modo geral o que existia era umaautoridade centralizada, imposta e a disciplina era um valor que deveria ser cultivado pela pessoa do professor e diretor, impondo-a aos alunos.
O diretor da escola era como um guardião das normas e hierarquia vigentes naquela sociedade e, tanto ele como o professor era visto como modelo de conduta social. É neste momento da história que se pode perceber que além da tarefa de repassar osconhecimentos, ao professor era também atribuída a tarefa de ser exemplo de valores cultivados pela sociedade, o que influenciava na aprendizagem.
Neste contexto, eram valorizados a constante vigilância e o controle absoluto do tempo, não se deixava o aluno sem tarefas nem por um instante, para que fosse mantida a ordem e a disciplina. Assim gerencias uma escola consistia em controla e comandar, aintervenção era feita de forma distanciada, de cima para baixo para que se mantivesse a autoridade coisa que hoje é conquistada.
A mudança no contexto histórico, trás mudanças para a sala de aula também, pedir para que os alunos se calem não é suficiente para que eles permaneçam calados. Com a democracia e o direito de expressão chegou também a indisciplina, fruto da liberdade sem assistência, o...
tracking img